Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Ilusôes Perdidas - Capítulo 14

 

ILUSÕES PERDIDAS

 

EPISÓDIO 14

 

CENA 1/ ROMA/ CASA DE PROPÓSITO ESPECIAL/PORÃO/ MANHÃ/ INT.

Enquanto está com a arma apontada para Adler, ela relembra os momentos que viveram juntos. Inserir Flashback da cena 5 do episódio 2:



Astrid vai até a biblioteca. Ainda na calçada ela se depara com algumas pessoas que conversam, até que um jovem, um pouco mais alto e mais velho, rapaz se aproxima dela.

ADLER (P/Astrid) — Uma moça tão bonita não pode ficar andando por aí sozinha. É perigoso, bem perigoso.

ASTRID (P/Adler) — Desculpe, meu senhor, mas não costumo falar com estranhos (Ela vê que o rapaz traz em sua camisa um broche com a suástica). Ainda mais com nazista.

ADLER — Ah, me desculpe. Esqueci de me apresentar. Prazer, meu nome é Adler. Adler Schimdt. Você é judia?

ASTRID — O meu é Astrid e sim sou judia... com licença, eu estou com um pouco de pressa e o senhor está me atrapalhando.

ADLER — O que foi, garota? Não precisa ter medo de mim. Eu não mordo, a não ser que você queira. (Riu).

ASTRID — O senhor tem um humor bem apurado, mas precisa me dá licença. Nem poderíamos estar conversando.

Fim do insert.

Inserir Flashback da cena 1 do episódio 4:

Adler levanta Astrid, que se limpa. Nos seus braços apenas alguns arranhões.

ADLER — Da próxima vez olha se carro na rua.

ASTRID — É muita cara de pau sua. Você que deveria aprender a dirigir.

ADLER — Já está boa.... De mal humor.

Astrid tenta andar, mas sente uma forte dor e cai nos braços de Adler. Ele olha fixamente para os olhos dela, que também sente uma sensação estranha.

ADLER — Acho que você deve ter fraturado algo. Precisamos ir ao médico. Eu te levo.

Astrid não oferece nenhuma resistência. Adler a coloca dentro do carro.

Fim do insert.

Inserir flashback da cena 6 do capítulo 4:

Adler e Astrid entram.

ADLER — Antes de te levar para casa eu queria te mostrar uma coisa. É aqui que eu passo boa parte do meu dia.

ASTRID — Você não é chato como eu pensava.

ADLER — E você não é tão arrogante quanto eu pensava.

Eles chegam próximo ao avião. Adler acena para que um rapaz traga outro macacão.

ADLER — Aceita voar comigo?

ASTRID (Sorridente) — Aceito!

O rapaz traz o macacão. Astrid coloca por cima da roupa que estava vestindo. Em seguida, coloca o capacete. Adler faz o mesmo. Os dois entram no avião e colocam os protetores auriculares. Adler liga os motores.

ADLER — Aperta o cinto que nós vamos decolar!

Fim do insert.

Inserir flashback da cena 5 do capítulo 5:

Adler buzina mais uma vez. Astrid sai de casa e tem uma surpresa ao vê-lo. Ele acena para que ela entre no carro. Ela o obedece e entra.

ADLER — Quis te fazer essa surpresa!

ASTRID (Sorridente) — Você me salvou! Precisava sair um pouco. Hoje, a noite foi de bastante discussão na minha família.

ADLER — Vim te convidar para irmos em um restaurante! Estava com saudades de você.

ASTRID — Eu também estava com saudades!

Eles se beijam. Adler acelera o carro.  

Fim do insert.

Inserir flashback da cena 7 do capítulo 6:

Adler buzina para chamar atenção de Astrid. Ela aprece na janela e ele acena para que ela desça. Ela vai ao carro.

ADLER — Estava com saudades de você, meu amor! Entra!

Astrid entra no carro.

ASTRID — Não esperava por você essas horas.

ADLER — Tive uma pequena discussão com meu pai hoje. Estava precisando ficar perto de você, sentir o seu cheiro! Eu queria ir para um outro lugar hoje. Não queria ir para o restaurante da minha família.... No hotel tem um restaurante. Poderíamos ir para lá!

ASTRID — Para onde você quiser, meu amor!

Eles se beijam. Adler acelera o carro.

Fim do insert.

Francesco, vendo que Astrid está nervosa e pensativa para executar aquela missão, decide então por encorajá-la.

FRANCESCO (Gritando) — Abrir fogo!

ADLER (P/Astrid) — Não faça isso!

Astrid, depois de hesitar por alguns segundos, decide então por executar a missão, ela aperta o gatilho. A primeira bala atinge Adler no peito. Com os olhos cheios de lágrimas, ela dispara mais três. Os outros tiros atingem o abdômen, o ombro e a cabeça de Adler, que cai no chão, sem esboçar reação. Em seguida, Francesco aplaude.

FRANCESCO (P/Astrid) — Ótimo trabalho!

Astrid, após toda a carga emocional colocada para executar aquilo, ela se ajoelha e cai em um choro compulsivo.

ASTRID (P/Francesco) — Não me peça mais para fazer isso. Acaba com o meu psicológico!

FRANCESCO (P/Astrid) — Não se preocupe! Isso é normal. Eu fiquei assim quando tive que matar pela primeira vez. Agora eu vou fazer um ritual que eu sempre faço quando morre um dos meus inimigos.

Francesco pega um rádio e coloca uma fita. Começa a tocar a música “Bella Ciao”.



FRANCESCO (Cantando) — Una mattina mi son' svegliato
O bella ciao, bella ciao, bella ciao, ciao, ciao
Una mattina mi son' svegliato
E ho trovato l'invasor

ASTRID (Cantando) — O partigiano, portami via
O bella ciao, bella ciao, bella ciao, ciao, ciao
O partigiano, portami via
Ché mi sento di morir

FRANCESO (P/Astrid) — Você conhece essa música?

ASTRID (P/Francesco) — Conheço!

Francesco dá as mãos a Astrid e eles continuam cantando e dançando.

FRANCESCO e ASTRID (juntos/Cantando) — E se io muoio da partigiano
O bella ciao, bella ciao, bella ciao, ciao, ciao
E se io muoio da partigiano
Tu mi devi seppellir

E seppellire lassù in montagna
O bella ciao, bella ciao, bella ciao, ciao, ciao
E seppellire lassù in montagna
Sotto l'ombra di un bel fior

Tutte le genti che passeranno
O bella ciao, bella ciao, bella ciao, ciao, ciao
Tutte le genti che passeranno
Mi diranno: Che bel fior

E quest' è il fiore del partigiano
O bella ciao, bella ciao, bella ciao, ciao, ciao
E quest'è il fiore del partigiano
Morto per la libertà

E quest'è il fiore del partigiano
Morto per la libertà

Em seguida, eles se beijam.

Corta para:

CENA 2/ ROMA/ MANSÃO DA FAMÍLIA BIANCHI/ QUARTO DE GIOVANI/ MANHÃ/ INT.

Giovani entra no quarto e se assusta ao ver sua mãe virada para a janela. Ao perceber que o filho entrara no quarto, Marieta se vira para ele.

GIOVANI — Mamma? A senhora aqui? O que aconteceu?

MARIETA (Séria) — Você estava com aquela moça, não era, meu filho? Não adianta mentir. Eu conheço quando você está mentindo!

GIOVANI — Estava! Encontrei ela por acaso e nos beijamos novamente

MARIETA — Estou sentindo que essa relação de você com essa moça não vai terminar. Escute o que eu estou te falando, meu filho.

GIOVANI — A senhora nem ao menos a conhece para tirar esse tipo de conclusão. A senhora só sabe implicar com todas as minhas namoradas. E ela nem é minha namorada... ainda.

MARIETA — O tempo dirá quem está certo, meu filho! Mas já que você acha que essa mulher é um anjo, traga ela aqui. Eu quero conhece-la melhor, já que você diz que estou tirando conclusões sem ao menos conhece-la. Traga ela aqui, então!

GIOVANI — Eu vou trazê-la, mamma!

Mareita concorda com a cabeça e sai do quarto em silêncio. Giovani se deita na cama e relembra o último beijo entre ele e Astrid. Inserir a cena 8 do capítulo 13:

Giovanni, que vai saindo de casa, acaba se esbarrando em Astrid.

GIOVANI (surpreso) — Você?

ASTRID (Feliz) — O destino nos coloca frente a frente mais uma vez

GIOVANI — Será que é o mundo conspirando ao nosso favor?

ASTRID — Disso eu já não sei, mas eu queria me desculpar pelo que aconteceu ontem. Não é da minha natureza agir daquela forma.

Do outro lado da rua Francesco observa tudo.

GIOVANI — Quem tem que se descolar sou eu. Não era para ter te beijado daquela forma.

ASTRID — Não tem problema. Eu não sou muito de me importar com essas coisas.

Desta vez, Astrid que toma a iniciativa de dar um beijo no rapaz. Ele fica surpreso com atitude dela.

GIOVANI — Você é uma pessoa enigmática e surpreendente.

ASTRID — É assim que eu gosto de ser. Enigmática, surpreendente...

Eles riem e conversam por alguns minutos.

Fim do insert.

GIOVANI — Astrid! Cada vez que eu me lembro de você, fico ainda mais apaixonado.

Ele continua reflexivo.

Corta para:

CENA 3/ ROMA/ CASA DO TELÉGRAFO/ TARDE/ INT.

Astrid entra na casa no telegrafo e fala com o telegrafista.

ASTRID — Eu queria mandar uma mensagem para a Nuremberg, na Alemanha.

TELEGRAFISTA — Pode dizer a mensagem.

Astrid dita a mensagem e o telegrafista telegrafa. Ao fim, Astrid paga.

ASTRID — Grazie (Obrigada)

Em seguida, Astrid sai.

Corta para:

CENA 4/ ROMA/ CASA DO PROPÓSITO ESPECIAL/ QUINTAL/ TARDE/ INT.

Francesco, com o corpo de Adler nos braços, entra no quintal. Ele coloca o corpo no chão e banha-o com álcool. Em seguida, acende um fósforo e ateia fogo no corpo do rapaz.

FRANCESCO — Agora você teve o que merece, nazista safado!

Michael entra no quintal.

MICHAEL — Você o matou?

FRANCESCO — Já estava na hora desse nazista ir para o inferno... na verdade, quem matou foi Astrid. Pedi para que ela executasse essa missão. E até que ela se saiu bem.

MICHAEL — Quem será o próximo? Mussolini?

FRANCESCO — Ainda não, mas a hora dele vai chegar!

Os dois riem.

MICHAEL — E cadê a Astrid?

FRANCESCO — A levei para casa e depois vim concluir o serviço.

Michael e Francesco cobrem o nariz com o pano para não sentirem o cheiro de carne humana queimando. Em seguida, Francesco cava o buraco. O fogo que envolvia o corpo de Adler se apagar e Francesco, com a ajuda de Michael, enterra o corpo no buraco.

Corta para:

CENA 5/ ROMA/ RUAS DA CIDADE/ NOITE/ EXT.



A noite estava fria e chuvosa. A câmera mostra pontos turísticos da cidade de Roma. Coliseu, Fontana di Trevi, Panteão. Pessoas passeando pela cidade. Pessoas conversando. Carros passando por todas as ruas da cidade.

Corta para:

CENA 6/ ROMA/ CASA DE ASTRID/ SALA DE ESTAR/ NOITE/ INT.

Francesco entra e traz consigo um buquê de flores. Ele a entrega a Astrid, que agradece.

ASTRID — Espero que você nunca me mande fazer aquilo novamente. É terrível ter que matar uma pessoa.

FRANCESCO — Vida de revolucionário é assim. Matar ou morrer.... Quem entra para os grupos revolucionários, nunca sai e tem que obedecer às ordens do seu chefe. Senão, será marcado para morrer. É assim que funciona o nosso comitê de ética. Isso configura traição. E traição é imperdoável (Mudando de assunto). Eu vi que você ficou bastante mexida quando viu aquele rapaz. Você o conhecia? Não adianta mentir.

ASTRID — Ele foi meu namorado quando eu ainda morava na Alemanha. Vivemos um romance proibido. Sempre soube que ele era ligado ao nazismo, mas nunca me importei com isso. Eu era e sou judia, mas o meu amor por ele era maior, até que ele me enganou dizendo que ia fugir comigo, coisa que nunca aconteceu. Ele fez as escolhas dele e teve o fim que teve.

FRANCESCO — Muito bem! As coincidências da vida fizeram com que você executasse o seu ex-namorado. A vida é realmente complexa e inexplicável. Eu já tive que passar por algo parecido também. Mas não era sobre isso que eu queria falar com você. Aceita sair para jantar comigo?

ASTRID — Aceito!

Eles se beijam.

Corta para:

CENA 7/ ROMA/ RESTAURANTE/ NOITE/ INT.

Astrid e Francesco sentam-se à mesa. Ele acena para o garçom.

FRANCESCO (P/Garçom) — Nós queremos duas taças de champanhe e dois risotos.

GARÇOM — Farei o pedido. Mais alguma coisa?

O garçom sai em seguida. Francesco retira um anel do bolso.

FRANCESCO — Astrid, aceita namorar comigo?

Astrid fica surpresa com a pergunta de Francesco.




CENA 8/ ROMA/ RESTAURANTE/ NOITE/ INT.

Francesco, percebendo que Astrid está demorando a responder, decide perguntar novamente.

FRANCESCO — Aceita namorar comigo?

ASTRID — Mas, e o nosso trato? Não foi isso que combinamos!

FRANCESCO — O meu pedido é sincero. A relação de você com Giovani não tem nada a ver com romance, é puro interesse da minha parte e da sua. Não é para ter nenhum sentimento envolvido na sua relação com o Giovani. Eu quero namorar você verdadeiramente.

ASTRID (Com os olhos cheios de lágrimas) — Eu estou achando tudo isso muito esquisito.

FRANCESCO — É uma simples pergunta. Aceita ou não aceita? Lembre-se que isso é inerente ao seu envolvimento com Giovani.

ASTRID — Aceito!

Francesco coloca o anel no dedo de Astrid. Em seguida, eles se beijam.

Corta para:

CENA 9/ ROMA/ CASA DA ASTRID/ NOITE/ EXT.

Francesco deixa Astrid na porta de casa. Eles se beijam mais uma vez.

FRANCESCO — A nossa noite foi maravilhosa! Espero ter mais noites maravilhosas como essa.

ASTRID — E vamos ter.

Eles se beijam mais uma Vez. Em seguida, Francesco sai e entra no carro e acelera. No instante em que Astrid entra em casa, Giovani aparece.

GIOVANI — Astrid!

Astrid se vira e vê que se trata de Giovani. Ela abre um sorriso.

ASTRID — Como você sabe que eu moro aqui?

GIOVANI — Não foi difícil descobrir. Mas isso não vem ao caso agora. Eu queria falar com você. Meus pais querem te conhecer.

ASTRID — Mas não temos nada. Por que seus pais querem me conhecer?

GIOVANI — Agora temos. Já nos beijamos duas vezes. Não dá para esconder o sentimento que temos um pelo outro.

ASTRID — Você tem razão! Já nos beijamos duas vezes. Não é somente uma amizade.

GIOVANI — Eu quero oficializar o nosso namoro para os meus pais.

Eles se abraçam felizes.

Corta para:

CENA 10/ ROMA/ MANSÃO DA FAMÍLIA BIANCHI/ SALA DE ESTAR/ NOITE/ INT.

Alfredo entra e percebe que Marieta está preocupada.

ALFREDO — O que aconteceu?

MARIETA — Eu estou muito preocupada com Giovani.

ALFREDO — Por quê?

MARIETA — Eu sentindo uma sensação muito esquisita. Estou sentindo que aquela moça vai desgraçar a vida de Giovani.

ALFREDO — Acho que você está se precipitando demais nas coisas. Não existe nada entre eles.

MARIETA — Não existe nada, por enquanto. Eu conheço bem o meu filho.

ALFREDO — Da mesma forma, acho que você está se preocupando à toa. Vou subir para o quarto. Hoje o dia foi exaustivo.

Alfredo sobe para o quarto. Marieta fica um pouco mais tranquila.

Corta para:

CENA 11/ NUREMBERG/ MANSÃO DA FAMÍLIA SCHMIDT/ SALA DE ESTAR/ MANHÃ/ INT.

Letreiro mostra: “três dias depois”

Letreiro mostra: “Nuremberg, Alemanha”

Marie está com Minna na sala, no instante em que recebe um telegrama. A princípio ela estranha, mas não hesita em abrir o envelope e lê o que está escrito.

MARIE — “Adler Schmidt foi visto pela a última vez em Roma, na Itália. Mas eu sinto em informa que ele fora morto com quatro tiros à queima roupa por um grupo revolucionário antifascista e antinazista”

Neste momento, Marie entra em desespero. Se ajoelha no chão e começa a gritar.

MARIE (Gritando) — Não! Não! O que fizeram com você, meu filho? Pedi tanto para que você não fosse para essa maldita guerra. Você não queria ir.

MINNA — Aconteceu alguma coisa com o Adler?

MARIE — Ele foi morto por um grupo revolucionário na Itália.

MINNA (Emocionada) — Não, não pode ser.

Neste instante, Joseph desce as escadas. Marie o olha com desprezo e indignação.

MARIE (Gritando/ P/ Joseph) — Está feliz agora? O seu neto morreu nessa maldita guerra! Era esse o gesto de patriotismo que você queria? Morrer! Morrer em nome de um ideal segregacionista? Era isso?

JOSEPH (Emocionado) — Só me resta agora lamentar. Uma vida muito jovem que se foi. Mas ele foi para a Guerra sabendo dos perigos que corria.

MARIE (Enraivada) — Me admira muito essa sua frieza!

JOSEPH — Eu já passei pela dor de perder uma pessoa querida em uma guerra. Estou muito triste com a partida de meu neto. Que ele esteja em paz ao lado do criador.

Em seguida, Joseph volta para o quarto. Marie chora abraçada a Minna.

Corta para:

CENA 12/ROMA/ MANSÃO DA FAMÍLIA BIANCHI/ SALA DE JANTAR/ NOITE/ INT.

Letreiro mostra: “Roma, Itália”

Giovani e Astrid se sentam à mesa, onde Marieta e Alfredo já estão senados. Eles se levantam para cumprimentar Astrid. Marieta é educada, mas estando desconfortável com a situação.

GIOVANI — Eu marquei esse jantar por que queria apresentar Astrid.

ASTRID — Boa noite!

ALFREDO (P/Astrid) — Você não é italiana, é?

ASTRID (P/Alfredo) — Não, sou alemã!

MARIETA (P/Astrid) — É judia?

ASTRID (P/Marieta/ Mente) — Não!

GIOVANI (P/Astrid) — Esses são Marieta e Alfredo!

ASTRID (P/Marieta e Alfredo) — Prazer em conhece-los!

Giovani retira um anel do bolso.

GIOVANI (P/Astrid) — Eu marquei esse jantar para você conhecer os meus pais e para fazer um pedido. Aceita namorar comigo?

Marieta e Alfredo ficam surpresos com o pedido do filho.

Congelamento preto e branco, que se fixa em um camafeu, que se fecha.


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.