Type Here to Get Search Results !

Marcadores

PRAZER, SATISFAÇÃO - CAPÍTULO 14

 



Cena 1. Bordel Lovely's. Quarto. Dia.

Raul nervoso e agitado diante de Kelly:

Raul: Eu vou agora salvar ela!

Kelly: NÃO! Você não pode fazer nada! Você não tem o dinheiro e ele pode se irritar! O melhor que você tem a fazer é fugir! Arruma logo suas coisas! RÁPIDO!

Raul: Eu vou pra lá e vai ser agora! E não vai ter quem me impeça! Eu não sou nenhum covarde que vai deixar minha mina se ferrar!

Raul segue até a porta, mas Kelly vai impedí-lo

Kelly: Espera!

Neste momento um som de tiro, bem alto. Os dois paralisam assustados.

Cena 2. Bordel Lovely's. Cozinha. Dia.

Ritmo e ação: As meninas gritam. Kátia e Taís piscam discretamente entre si. Júlio segura Lara pelo pescoço com a arma apontada pra cabeça dela. Lara finge desespero e falta de ar. 

Lara: (fingindo choro e desespero) Moço por favor! Me deixa ir!

Júlio: Fica quieta vagabunda!

Kátia olha algo no celular. Em seguida faz discretamente um sinal de jóia para Júlio.

Júlio: Vem comigo garota!

Lara: (chorando) Não, me solta por favor!

Júlio: Eu só liberto ela quando aparecer o dinheiro!

Lara: (fingindo fraqueza) Me ajudem!

Ele leva a garota pra fora do bordel. Foco nas meninas chorando, muito nervosas.

Cena 3. Bordel Lovely's. Quarto. Dia.

Kelly e Raul olham pela janela e vêem Júlio colocando Lara dentro de um carro a força. Raul começa a chorar copiosamente...

Raul: (chorando) A culpa é toda minha! Eu me odeio!

Ele começa a se estapear. Kelly esboça um sorriso discreto, mas logo vai conter Raul.

Kelly: Chega Raul! Eu e a Kátia damos um jeito nisso! Agora arruma sua mochila e vai pra Fortaleza! Lá você não tem família?

Raul: (chorando) Tenho...

Kelly bate na porta do guarda roupa, brava.

Kelly: Então vai se arrumar! Quem sabe assim você toma consciência? Vendo a garota que você gosta sofrendo por sua causa!

Raul abre o armário, pega uma uma mochila e começa a colocar algumas roupas lá dentro. Kelly assiste a tudo satisfeita. Raul fecha a mochila e a coloca nas costas. 

Kelly: Toma isso! (Dando um monte de  cerca de 30 notas de cem) Você tem também a quantia da sociedade que eu vou comprar, só vai ajudar!

Raul: (triste/compadecido) Obrigado Kelly!

Kelly: Vem pelos fundos!

Cena 4. Bordel Lovely's. Fundos. Matagal. Dia.

Kelly e Raul saem pela porta dos fundos.

Raul: Salva a Lara! Você tem como, não tem?

Kelly: Tenho Raul! (Muda o tom) Mas antes que eu me esqueça... Toma isso!

Kelly o surpreende com um bofetão na cara. Raul não reage, só chora...

Kelly: Isso é pra você parar de colocar a vida dos outros em perigo. Coloca a mão na consciência e repensa tudo que você fez de ruim!

Raul: Eu vou pra Fortaleza, tentar refazer minha vida. Adeus! E mais uma vez: Obrigado!

Kelly dá uma acenadinha e ele vira de costas, andando triste. Kelly fica olhando ele se afastar... Quando Raul some de vista, Kelly já saca o celular e o põe no ouvido.

Kelly: (cel) Alô, Lara? (T) Cheque-mate! Vencemos! Eu e a Kátia vamos aí te buscar pra outras meninas não desconfiarem.

No clima de suspense, corta:

Cena 5. Colégio Progredir. Pátio. Dia.

Thiago e Anne andam por lá.

Thiago: Mas por quê você acha que tem algum problema com a sua irmã?

Anne: Não sei... Eu sinto que ela tá mentindo, eu conheço ela amigo!

Neste momento, Gabi, Eduarda e Fernanda passam por eles com cara de "ranço", olhando-os de cima a baixo.

Anne: (baixo) Ih, as nojentas...

Elas ouvem e voltam até eles.

Fernanda: Tá querendo levar na cara de novo, querida?

Anne: Levar na cara, eu? (Risos) 

Eduarda: Parece que o fubá não quietou o facho da boneca...

Anne: (debochada) Me conta uma coisa, a suspensão foi boa? Apanhou da mamãe?

Fernanda: Escuta aqui/

Thiago: (interrompendo) Chega! A diretora tá aqui perto!

Anne: Tem razão Thiago. Não vale a pena brigar com tão pouca coisa! Vamos sair daqui.

Thiago: Vamos.

Ele e Anne saem de perto delas. O trio começa a rir escandalosamente.

Cena 6. Colégio Progredir. Diretoria. Dia.

Felipe conversa com Stela:

Felipe: (mostrando o boletim) Tem certeza que essas notas não estão erradas diretora? 

Stela: Tenho Felipe! Você vai precisar de ajuda em matemática. Na sua série, não tem dependência. Quatro recuperações é  repetência!

Felipe põe a mão na cabeça, preocupado...

Felipe: Eu não gosto de pedir ajuda...

Stela: Quê isso! Todo mundo tem suas difuculdades... (t) E eu acho que tem uma pessoa que pode te ajudar!

Felipe: Quem?

Stela: A Anne, sua colega!

Felipe: É verdade...

Felipe sorri. Close nele.

Cena 7. Colégio Progredir. Sala de aula. Dia.

Os alunos entram na classe e se sentam. Foco em Gabriel olhando discretamente para Thiago. Anne percebe e cutuca o amigo.

Anne: (cochicha no ouvido dele) Thiago!

Thiago: Que foi?

Anne: O Gabriel não para de olhar pra você. (Risos)

Thiago ri baixo.

Thiago: Sério? Mas não me surpreende...

Anne: Como assim? Me conta isso direito!

Thiago: Mais tarde...

Felipe entra na sala, larga a mochila na cadeira e vai falar com Anne.

Felipe: Oi Anne!

Anne: Oi Felipe!

Os dois se olham por alguns instantes.

Cena 8. Bordel Lovely's. Sala. Dia.

As meninas apreensivas ali, fora de áudio. Quando de repente, Kelly, Kátia e Lara entram pela porta abraçadas. As garotas vibram.

Menina 1: LARA! Que bom que vocês conseguiram salvar ela!

Lara: Ai gente eu quase morri de susto!

Menina 2: Ele te machucou? Te fez alguma coisa? Isso tudo é culpa do Raul!

Lara: Não, não me fez nada! Só me manteu presa num lugar horrível! Mas aí a Kelly e a Kátia apareceram lá e me salvaram!

Menina 3: E tudo isso foi culpa do Raul! Olha as coisas que ele faz a gente passar? Gente... Absurdo!

Kelly: Eu tenho uma notícia pra dar pra vocês...

Meninas: O quê?

Kelly: É sobre o Raul... Ele sumiu! E acho que não vai mais voltar!

Todas as Meninas: Como é que é?

Kátia balança a cabeça positivamente.

Menina 3: Quer dizer então que a gente tá livre?

Kelly: (feliz) SIM!

Elas gritam de alegria e comemoram fortemente. Kelly, Kátia, Taís e Lara sorriem entre si. O clima é de festa.

Abertura:

Cena 9. Bordel Lovely's. Quarto de Kátia. Dia.

Uma garrafa de champanhe é estourada. Kelly, Kátia, Taís e Lara erguem as taças para um brinde.

Kátia: A gente tirou um encosto daqui, cês tão vendo como até o clima mudou?

Lara: Pois é... As outras meninas não podem saber do plano?

Kelly: De jeito nenhum! Vai que uma delas é simpática com o Raul? Daí ele volta e ainda pior... Nada disso, vamos manter aqui entre nós...

Taís: E Katita... 

Kátia: Que foi?

Taís: Seu aniversário amiga! É amanhã! Como vamos comemorar?

Kátia: Gente, eu não quero nada...

Kelly: Ah mas vai ter que ter uma coisinha sim! Raul indo embora, seu niver... Temos que fazer muita festa!

Kátia: Não gente! Não quero saber de festa! (T) Ó, vou tomar meu banho, da licença!

Kátia sai. As três se olham.

Taís: Tão pensando no que eu tô pensando?

Kelly e Lara: AHAM!

Closes nas três.

Cena 10. Colégio Progredir. Pátio. Dia.

Recreio. Stela caminha pela escola e aborda Anne.

Stela: Oi Anne!

Anne: Tudo bem Stela?

Stela: Queria conversar com você, e ver se você não poderia dar  uma ajuda pro Felipe em matemática...

Anne: Posso sim! Quando?

Stela: Depois da aula, lá na sala de reforço. Aí vocês vão juntos.

Anne: Tá ok!

Stela: Minha linda! Eu vi a sua mãe hoje, ela te contou?

Anne: Contou... Fico feliz que vocês se conheceram!

Closes alternados.

Cena 11. Hospital. Sala de Rodrigo. Dia.

Rodrigo termina de atender uma paciente e a leva para a porta.

Rodrigo: Tô te esperando aqui no mês que vêm!

Paciente: Até lá!

Ela sai. Rodrigo se senta. Amanda entra e deixa alguns papéis na mesa, muito calada.

Rodrigo: Mandy!

Amanda: Amanda, por favor!

Rodrigo: Ah não, agora vai me tratar assim, é? 

Ele se levanta, ficando perto dela.

Música instrumental: Ela e ela - Zé Neto e Cristiano

Rodrigo: Que é? Não tá me reconhecendo? Sou eu, Rodrigo.

Amanda: Não foi você que queria que eu me afastasse? Não vai casar com a noivinha? Pois então!

Rodrigo: Eu tô arrependido! Tô com saudade!

Amanda: Saudade daquilo! Só se for! Se esse for o problema, eu te recomendo um bordelzinho aqui atrás que faz bem seu tipo/

Rodrigo: Eu tô com saudade de você! Eu te amo sua gostosa! É você que eu quero, entende logo isso! O que eu falei foi uma coisa sem pensar, fui movido pela emoção! A Juliana flagrou a gente... Eu fiquei me sentindo a pior pessoa do mundo traindo a Vanessa! Mas agora eu percebo...

Amanda: Você me diz isso hoje, pra amanhã me largar e ir pegar a Vanessa! Eu já conheço seus truques!

Rodrigo faz que não com a cabeça e rouba um beijo. Ela se envolve...

Amanda: (saindo do beijo) Por quê você não termina com ela e fica comigo? A gente se casa e tudo. Eu tô terminando a minha faculdade...

Rodrigo: Eu e ela estamos prometidos desde sei lá... A adolescência. E se eu terminar tudo vai ficar sem graça!

Amanda: (ri/ debocha) Prometidos? Eu tô no Afeganistão e ninguém me avisou, é isso?

Rodrigo: Palhaça! (Risos)

Amanda: Sou uma palhaça mesmo por ainda sentir tesão em você!

Rodrigo: (vai chegando perto dela) É? 

Rodrigo mostra sua pegada e a agarra pela cintura, beijando-a... Foco nas mãos deles fechando a tranca da porta.

Cena 12. Bordel Lovely's. Banheiro. Dia.

Na banheira cheia de espumas, Kátia se ensaboa e em seguida se enxagua, exalando sedução...

Kátia: (pensativa) O que será que essas meninas vão aprontar?... Já  tô até prevendo...

Ela solta um sorrisinho e volta a se banhar.

Cena 13. Bordel. Quarto das meninas. Dia.

Kelly, Taís e Lara conversando:

Lara: Gente, por quê a Kátia ficou tão desorientada quando a gente falou do aniversário?

Taís: Eu conheço ela a mais tempo que vocês... E a Kátia cresceu num abrigo barra pesada.

Kelly: Ela comentou comigo... Foi até por isso que ela caiu na prostituição, depois de sair de lá.

Taís: Esse assunto de aniversário, família, isso tudo mexe muito com ela. 

Kelly: Ela nunca teve uma festa... Quanto mais surpresa!

Lara: Mas ela vai ficar muito feliz!

Kelly: Vamos fazer de amanhã o melhor dia da vida dela!

Taís e Lara fazem que sim, sorridentes.

Cena 14. Bordel Lovely's. Salão. Dia.

Kelly conversa com as demais meninas.

Kelly: Então tá fechado gente! Amanhã o bordel não abre, vocês se quiserem atendam por fora! Amanhã o dia é da Kátia. Posso contar com a discrição de vocês?

Meninas: Claro!

Kelly: Ótimo!

Kelly sorri, satisfeita.

Cena 15. Belo Horizonte. Takes. Dia/Tarde.

Takes da cidade na transição de manhã para tarde. Imagens das praças e prédios. Último plano no Colégio Progredir.

Cena 16. Colégio Progredir. Sala de estudos. Dia.

Felipe chega primeiro na sala de estudos. Tira a mochila e se senta numa carteira. Anne chega logo em seguida.

Anne: Oi Felipe!

Felipe: Oi Anne!

Anne: Então, vamos estudar?

Corta para os dois sentados lado a lado em uma das carteiras. Anne explica uma matéria fora de áudio, mas Felipe fica avoado...

Anne: Felipe, você entendeu como resolve a fórmula de bhaskara?

Felipe: (gagueja) Entendi, entendi!

Anne: Então fala ela pra mim!

Felipe: Raiz quadrada de de B...

Anne: Ih já errou...

Felipe: Ah não... Ai Anne eu desisto! Não adianta! Eu sou burro mesmo!

Anne: Quê isso Felipe? Nada a ver! Você pode ser ruim na matemática, mas é bom em outras coisas! Vamos tentar aprender! Aproveita que ainda tá no início do ano!

Felipe: Tá bom...

Anne volta a explicar, agora fora de áudio, Felipe faz um esforço para tentar se concentrar...

Cena 17. Hospital. Corredor. Dia.

Juliana sai da porta do vestiário, vestindo um vestido, apressadinha. Amanda a vê e a cumprimenta.

Amanda: Oi Juliana! Onde vai tão apressada?

Juliana: Em breve te conto Amandinha! Agora tenho que ir, beijos!

E ela sai. Amanda observa risonha.

Cena 18. BH. Avenida. Carto de Stela. Dia.

Um trânsito absurdo. Foco no carro de Stela ali no engarrafamento.

Stela: Ai esse trânsito de novo... Justo agora. Ontem tava tão de boa...

Ela saca o celular e põe no ouvido.

Stela: (cel) Oi Ju... Tô presa no trânsito!

Juliana: (cel) Eu também! Tô atrás de você!

Stela olha pra trás e vê Juliana dentro de seu carro. As duas riem e acenam uma pra outra.

Cena 19. Shopping. Restaurante. Dia.

Restaurante requintado, clima agradável, música ambiente. Stela e Juliana sentadas numa mesa discreta tomando um vinho.

Juliana: Nossa, aqui é lindo...

Stela: Nunca tinha vindo?

Juliana: Não! (Risos)

Stela: Quando você era casada, nunca foi trazida pra um lugar desses?

Juliana gargalha.

Juliana: (rindo) Mas de jeito nenhum! O máximo que aquele encostado me levou foi numa barraquinha de pastel!

Stela ri.

Stela: Você não era feliz com ele né?

Juliana: Não mesmo... Ele me abandonou quando eu mais precisei dele... E sumiu, evaporou! (T) Você já foi casada?

Stela: Casada não... Mas já namorei sério, algumas vezes.

Juliana: Hum...

Stela coloca sua mão sobre a de Juliana. Neste momento o garçom chega com os pratos e as serve.

Juliana: A cara e o cheiro tão ótimos...

Stela: Vamos ver o gosto!

Elas brindam com as taças de vinho e vão comer...

Cena 20. Motel. Entrada. Dia.

Um carro entra na portaria do Motel. Logo vemos que se trata do de Stela. O controle de acesso levanta e o carro entra.

Cena 21. Motel. Suíte. Dia.

Música: Resto de Mim - Maria Bethânia (até o fim do capítulo)

Stela e Juliana entram. Juliana, um pouco tímida.

Juliana: Eu preciso confessar... Nunca tinha vindo em um motel antes...

Stela: (indo até ela) Eu vou te mostrar o quanto é maravilhoso vir aqui com a pessoa certa!

As duas se olham por um momento e se beijam, muito envolvidas. Stela beija o pescoço de Juliana, que fecha os olhos, gostando... As duas caem na cama, apenas de lingerie. A câm sobe e mostra as duas se amando (em plano aberto).

Foco em Juliana e Stela/ A imagem congela com o fundo esfumaçado.



Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.