Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Amar Não É Pecado - Capitulo 04




Cena 01-(Casa de Wilson/Sala/Interno/Tarde) Luciana foi pra sala chocada depois de tudo que ouviu de seu filho Sérgio. Luciana:Que absurdo foi esse que você falou! Sérgio:Eu não aguentava mais esconder de vocês o que eu sou de verdade! Wilson:Meu filho,eu não sabia disso e vou te apoiar e te aceitar do jeito que você é. Luciana:O que?Eu não acredito nisso,Wilson que você acabou de falar isso? Wilson:Sérgio,vai lá no quarto que sua mãe e eu temos muito a conversar. Sérgio:Estou indo. Sérgio pega sua mochila e vai pro quarto. Luciana:Eu não acredito que você aceitar esse absurdo como se estiver se só com um probleminha do tamanho de uma mosca morta. Wilson:Meu amor,você sabe que eu tenho parente gay que no início rejeitamos mas depois aceitamos aos poucos. Luciana:Mas amor,ele não é uma pessoa normal. O que erramos na educação dele pra ele se torna um boiola e o que faltou pra ele? Wilson:Ele pode ser o que quiser ele já é adulto e não podemos inteferir na sexualidade dele. Luciana:Por que não mandamos ele pra um psicólogo pra reverter essa maluquice de beijar homens dizeram que funciona. Wilson:Que história é essa?Está maluca,sexualidade é algo que é normal dos seres humanos. Luciana:Normal?Um homem fica se agarrando com o outro na rua é normal? Wilson:Por acaso,casal se agarrando na rua foi bem visto alguém vez,Luciana! Luciana:Então,vai defender seu filho doente que eu estou fora. Wilson:Pare de ser cruel,ele não é só meu filho é também e seu,e faça seu papel de mãe. Luciana:Fui educada que homem pega mulher e mulher pega homem e qualquer um que esteja fora do padrão. Wilson interrompe Wilson:Ou seja qualquer um,que esteja fora temos que fazer o que?temos que mata-los e exterminar do planeta. Luciana:Não é isso,mas temos que ajudar ela serem normais. Wilson ri. Wilson:Você acha que somos normais? Luciana:Não importa,você que vai defender seu filho doente e espero que ela sofra pra ver como ser gay é doença. Wilson:Cala a boca! Luciana:E seu parente é outro que sofreu e ficou descontrolado e sem mulher pra satisfazer ele,qual é a diferença entre ele e o Sérgio?Os dois vão pro inferno. Wilson dá um tapa na cara de Luciana que geme de dor e Sérgio fica chocado vendo tudo e vai correndo pra sala. Sérgio:Pai pra que fez isso? Wilson:Essa vagabunda não tem moralidade nenhuma. Luciana:Escuta aqui,Sérgio se você pensa que seu pai é um herói e que você vai fazer suas viadagens a vontade. Se prepare que posso ser sua pior inimiga. Luciana saiu da casa e Sérgio abraça seu pai. Sérgio:Calma pai,isso tudo vai resolver. Wilson(chorando):Espero que sim! Sérgio abraça ele Corte para a Cena 02-(Casa de Rogério/Sala/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Ivete Sangalo e Xanddy-Tá Solteira,Mas Não Tá Sozinha)

As ruas de Salvador estava movimentadas e o mercado modelo tinha turistas passeando e comprando coisas e tinha uma roda de capoeira acontecendo e a Avenida Sete estava cheia de pessoas entrando e saindo das lojas e na casa de Rogério Samuel chega em casa. Samuel:Cheguei! Iracy:Oi,meu neto tudo bem? Samuel:Oi,minha vó estou ótimo e pleno como sempre estou! Iracy joga uma almofada nele. Iracy:Não me chame disso,que eu não gosto de ser chamada de avó tenho 40 anos de idade e sou senhora e não senhorita,me chama de parenta. Samuel:Pensei que tivesse mais. Leila:Oh,meu filho que saudades estava de você e como foi  seu trabalho? Samuel:Olha,mainha tranquilo pra um primeiro dia e estou cansado demais. Leila:Olha se quiser almoçar está em cima da mesa e só esquentar a comida no micro-ondas. Corte rápido para (Casa de Rogério/Banheiro do Quarto de Samuel/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Luan Santana-Amar Não é Pecado)

Samuel saiu da sala e foi pro banheiro tomar um banho e ele entrou no quarto e trancou a porta e começou a tomar banho e ele começou a pensar em Lincoln. Samuel:Não consigo esquecer  naquele moleque que vi,ele é muito lindo demais e novinho,calma Samuel ele é aluno você não quer perder sua licença e ser preso por estupro,seu idiota! Samuel continou tomando banho. Corte rápido para (Casa de Rogério/Sala/Interno/Tarde) Iracy:Minha filha sabe que dia é amanhã? Leila:Amanhã? Iracy:Sim! Leila:Primeiro de Março. Iracy:Não é isso,esqueceu que sua mãe faz aniversário amanhã. Leila:Me esqueci,minha mãe desculpa. Iracy:Se meu parente lembra do meu aniversário e minha filha esquece dele. Leila:Deve saber que estou estressada nesses tempos e esqueci completamente do que acontece amanhã. Iracy:Estou pensando em chamar minhas amigas pra comemorar. Leila:Pode chamar eu falo com Rogério pra deixar você usar o jardim pra fazer sua festa e além disso você merece! As duas se abraçam Samuel sai do banheiro molhado e veste uma bermuda e fica sem camisa e vai pra cozinha esquentar o almoço no micro-ondas e começou a almoçar na cozinha olhando pra janela e pensando sobre a vida. Corte para a Cena 03-(Casa de Rita/Sala/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Tierry-Rita)

As ruas de Itapuã estavam movimentadas e tinha engarrafamento na Avenida Dorival Caymmi e no farol a praia estava cheia e na casa dela ela estava se arrumando no quarto. Rita:Preciso logo ir no Shopping comprar o celular de meu filho. Gabriel:Amor,vamos logo pra não chegar tarde lá. Rita:Pera aí quer que eu vá nua no shopping? Gabriel:Tudo bem,mas lembre que temos que ir cedo. Rita:Amor,esqueceu que vamos pegar o ônibus pra Estação Mussurunga e depois pegar o metrô. Gabriel:É mesmo,tava pensando em pegar o ônibus que passa aqui na porta. Rita:Só a gente quiser chega lá quase na hora de fechar. Gabriel:Eu e Júlio estamos aqui te esperando. Júlio:Mãe,qual é a supresa que me espera? (Júlio:Vitor Figueiredo) Rita:Vamos dar um passeio no Iguatemi? Júlio:Finalmente,nunca mais eu fui lá pro Iguatemi. Gabriel:Júlio. Júlio:Tudo bem,eu fui semana passada. Rita sai do quarto pronta. Rita:Pronto vamos logo. Júlio:Finalmente. Gabriel pega o celular. Gabriel:Vamos logo que o ônibus pra Estação vai chegar agora. Os três sairam da casa. Corte para a Cena 04-(Casa de Mariângela/Sala/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Ivete Sangalo-Sorte Grande)

A avenida Paralela estava movimentada e os ônibus estavam cheios e passa um ônibus com Letreiro Estação Mussurunga parando no ponto de ônibus e em Mussurunga as ruas estavam movimentadas e a feira estava cheias de pessoas comprando frutas e legumes e na Casa de Mariângela Lincoln chega em casa. Lincoln:Mãe,cheguei! Lincoln fecha a porta e tira a camisa e deixa em cima da cadeira e vê que não tem ninguém. Lincoln:Mãe,cade você? Lincoln encontra um bilhete na geladeira e ele pega e lê. Lincoln:Eu e seu pai fomos pro mercado e vamos demorar pra chegar eu fiz o almoço e está na geladeira e só botar no micro-ondas e seu irmão me ligou e falou que vai chegar mais cedo. Ass:Mariângela Lincoln:Ah,meu Deus estou sozinho em minha casa,então vou me divertir. Lincoln fecha a cortina e tirar sua calça e sua cueca e se senta no sofá nú e liga a televisão e começar a almoçar. Lincoln:Sempre quis fazer isso em minha vida toda,mas não dá por causa dos vizinhos fofoqueiros. Lincoln assistir televisão e termina o almoço. Lincoln:Agora que terminei o almoço o que vou fazer? Lincoln se levanta e a câmera mostra ele de costas pensando e ele começa a ficar excitado. Lincoln:Vou aproveitar pra pensar naquele professor gostoso. Lincoln entra no banheiro e começar a se masturbar. Lincoln:Ahhh,que coisa boa! Depois de 15 minutos,Kaique chega em casa. Kaique:Que cansado que estou! Kaique tirou a camisa e encontra um short e cueca no chão da sala. Kaique:O que é isso?essas roupas são minhas não? Kaique:Irmão,você tá ai? Kaique procuro ele no quarto e Lincoln estava ainda se aliviando e Kaique entrou no banheiro. Kaique:Meu irmão aonde você estava? Lincoln:Deu Ruim! Lincoln e Kaique gritaram muito e jorra um líquido branco na cara de Kaique. Lincoln:Meu Deus,me desculpa não é isso que você está pensando,viu? Kaique passa a mão no rosto e olha pro chão todo melado. Kaique:Com licença,vou passar Cloro pra esquecer isso. Lincoln fica envergonhado e Kaique sai do banheiro vermelho. Corte para a /Abertura/

Cena 05-(Casa de Rogério/Sala/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Dennis,Ludmilla,Xamã-Deixa de Onda)

As ruas da Pituba estavam movimentadas e as praias estavam cheias de banhistas tomando banho de mar e no calçadão estava pessoas fazendo exercícios e Rogério chegou em casa sem camisa e suado. Rogério:Cheguei! Leila:Boa Tarde,amor como foi seu dia? Rogério:Foi um dia maravilhoso e estava muito quente na praia. Rogério:Cadê meu filho? Leila:Ele saiu com minha mãe e estamos sozinhos e que tal aproveitar pra fazer algo que não fazemos há muito tempo. Rogério:Você quer dizer. Leila:Isso mesmo. Leila e Rogério se beijam muito e Rogério fecha a porta e foi pro quarto dele e os dois se beijaram muito e os dois tiraram as roupas e continuaram se beijando e a imagem escurece mostrando os dois cobertos. Leila:Eu não imaginava que seu bicho ainda aguentava. Rogério:Eu posso ter ficado velho,mas ele ainda é um jovem. Leila:Você vai sair pra algum lugar hoje? Rogério:Eu ia te levar no Shopping pra passear e irmos comprar o presente de sua mãe. Leila se levanta correndo e coloca as roupas. Leila:Ah,obrigado por lembrar que esqueci de comprar o presente de minha mãe. Rogério:Então vamos tomar banho juntos. Leila:Vamos sim! Os dois foram pro banheiro tomar banho. Corte para a Cena 06-(Casa de Camélia/Sala/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Barões Da Pisadinha-Tá Rocheda)

As ruas continuaram movimentadas e a praia estava cheia de pessoas e o metrô estava com pouco movimento e um ônibus com letreiro São Joaquim passa em frente ao Alphaville e na casa de Camélia Felipe chega em casa e sua vó estava no notebook. Felipe:Boa Tarde,minha vó. Camélia não responde. Felipe:Vó! Camélia:Desculpe eu não vi você chegando. Felipe:Eu sei,mas o que tá fazendo no notebook? Camélia:Estava conservando com minhas amigas e combinando pra eu ir amanhã comemorar o aniversário dela,entendeu? Felipe:Entendi sim,e precisa de alguma ajuda? Camélia:Por enquanto não,mas seu almoço está na geladeira. Felipe:Ok,Então vou tomar um banho que o metrô que eu peguei hoje estava lotado. Camélia:Eu avisei pra você,não pegar o metrô à tarde. Felipe:Eu sei,mas estava conservando com meus colegas da faculdade e inclusive temos um novo. Camélia:Interresante. Felipe vai pro banheiro tira suas roupas e começa a tomar banho e pensa na Gisele. Flashback Inédito:(Estação Flamboyant/Metrô/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Nana Caymmi-Contigo En La Distancia)

Os dois estavam em pé conservando enquanto que o trem não chegava. Felipe:O que vai fazer nessa tarde? Gisele:Sei lá Fê,vou ir pra casa assistir série e fazer a atividade de Biologia pra amanhã. Felipe:Eu ia perguntar se podíamos ir ao cinema assistir algum filme? Gisele:Talvez,tenho que falar com minha mãe pra ela não reclamar comigo e dizer que posso ser assaltada e morrer na rua e outras coisas mais. Felipe:Tudo bem,mas eu vou esperar sua decisão. Gisele e Felipe se aproximam e começam a se beijar apaixonadamente e um trem com destino ao Acesso Norte chega e parar. Gisele:O trem chegou eu tenho que ir,tchau. Felipe:Tchau. Felipe fica apaixonado por ela e o trem fecha a porta e ela vê ele na janela e ele deu um tchau pra ela e ela vê e o trem sai da estação. Fim do Flashback. Ele ouve Camélia batendo na porta. Camélia:Felipe! Felipe desliga o chuveiro e se enxurgar. Felipe:Oi,minha avó. Camélia:Adianta logo que quero tomar banho tenho que ir no centro da cidade ainda. Felipe:Desculpe pela demora. Felipe se secar no banheiro com a toalha e sai do banheiro e sua vó entra no banheiro e ele no quarto continua se secando e começa a vestir sua roupa ele coloca sua cueca branca e se deitar na cama e fecha a porta e ele começa a pensar. Corte para a /Intervalo/ Cena 07-(Shopping Da Bahia/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Ivete Sangalo-Abalou)

O trânsito estava tranquilo e no Iguatemi estava um engarrafamento em frente ao Shopping Da Bahia e dentro estava cheio de pessoas andando e conservando e tinha pessoas com máscaras andando no shopping e Leila e Rogério estavam sentado na praça de alimentação. Rogério:Está gostando da comida? Leila:Estou sim,mas não é melhor que a de minha filha. Rogério:Falando nela,ela falou que ia encontrar a gente no shopping. Leila:Ela me mandou uma mensagem dizendo que ela estava procurando uma vaga no estacionamento. Rogério:Eu sei que agora está cheio lá no subsolo. Leila:Verdade e infelizmente eles estragam o shopping. Rogério:Eles quem? Leila:Os sem tetos,eles vem para cá só dando uma olhada em lojas e falam:Amiga,vamos dar um rolê. Rogério:Não é bem assim,o shopping é público e você sabe que qualquer cidade tem bairros de alta,média e baixa classe social. Leila:Eu entendo,e olha ali ela chegando. Marília sai da escada rolante e vai na praça de alimentação. Marília:Boa tarde meu pai. (Marília:Juliana Paiva) Rogério:Minha filha quanto tempo que não te vejo. Leila:Vai abraçar sua mãe não? Marília:Claro mãe. Marília dá um abraço e um beijo. Marília:Vamos logo pra casa que estou cansada e fique quase 2 horas de relógio no engarrafamento retardo até aqui. Leila:Que linguajar é esse que você está falando? Marília:Eu sempre falei desse jeito. Leila:Mas isso é coisa de pobre! Marília:Pera aí a senhora está me dizendo que não posso falar do jeito que eu sempre uso. Rogério:Calma,vocês não vão começar a brigar aqui. Marília:Meu pai,como é que posso aceitar isso. Leila:Rogério,ela está falando como um pobre fala. Rogério:O que que tem?você não pode reestreguir o que ela falar não. Leila:Ok,eu sou a errada da história toda. Marília:Para de ser fingir de vítima. Rogério:Então vamos! Os três se levantam saíram da praça. Corte para a Cena 08-(Shopping Da Bahia/Externo/Noite) Júlio,Rita e Gabriel saíram do shopping. Rita:Que dia maravilhoso foi esse. Gabriel:Falei que esse dia seria inesquecível. Júlio:Adorei o celular,obrigado meu pai. Gabriel:Eu te dei porque você mereceu e muito pelas notas do ano passado. Rita:Tudo começa bem e termina bem. Rogério,Marília e Leila sairam do shopping com as compras. Marília:Estava com saudades de minha terra. Rogério:Vamos logo pra casa que amanhã sua vó estar fazendo aniveraario. Marília:Saudades dela e de meu maninho. Leila:Olha seu palavreado! Rogério:Leila,não começe com seu discurso. Leila:Desculpa. E começa um assalto aonde estava Júlio e seus pais. Assaltante:Isso é um assalto. Os três ficaram desesperados e Rogério saiu correndo. Rogério:Vou lá tentar ajudar. Leila:Pera aí,você está louco? Rogério saiu correndo e o assaltante pega Júlio como refém. Assaltante:Se aproximarem de mim,mando chumbo nele. Júlio(deseperado):Socorro! Gabriel:Solte meu filho! Rita:Gabriel não! Rita é segurada por Marília e Rogério e Gabriel vai em direção do assaltante e ele então deu 4 tiros nele e ele caiu no chão sangrando muito. Rita(chorando):Nãooooooooo! A polícia chegou e ele tentou fugir mas a população segurou ele e Rita estava deseperada chorando junto com Júlio. Rogério:Meu Deus! Rita(chorando):Amor,acorde por favor não vá! A tela congela e no fundo aparece o Forte São Marcelo e passa um pincel. Corte para a /Encerramento/


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.