Type Here to Get Search Results !

Marcadores

PRAZER, SATISFAÇÃO - CAPÍTULO 5

  



Cena 1. Colégio Progredir. Diretoria. Dia.

Juliana e Stela. Juliana assustadíssima olha pra trás e vê se não há ninguém. 

Juliana: (fala baixo) Isso aqui é uma brincadeira? Como você conseguiu meu número e que teatro é esse?

Stela: Eu tô tão surpresa quanto você...

Juliana: Ah claro, você é amiga da diretora... Meu Deus do céu, é um complô!

Stela: Você é louca ou esquizofrênica? Quer uma água?

Juliana põe a mão na cabeça.

Juliana: Que armadilha foi essa meu Deus... Eu vou perder meu emprego! Eu tenho duas filhas e uma delas estuda aqui! Eu vou remover a matrícula agora! Como chama aquela mulher?

Stela: CHEGA!

Stela se levanta, vai até Juliana e dá um tapa nela, na tentativa de colocá-la na realidade.

Stela: Isso é pra você cair em si! O mundo não gira ao seu redor. Eu sou a diretora daqui! Stela Figueiredo. E o nosso reencontro aqui não passou de uma mera coincidência...

Juliana: (descabelada) Eu devo tá louca mesmo...

Juliana abre a bolsa e tira uma pasta.

Juliana: Tá aqui o histórico da minha filha... (deixando-a na mesa)

Stela a observa chocada.

Juliana: (confusa) Eu preciso ir...

Stela: Tem certeza que não quer uma água?

Juliana nem dá ouvidos e sai pela porta. Stela ainda em choque.

Stela: Gente... Que surto foi esse?

Cena 2. Ruas de BH. Dia.

Juliana anda atordoada e pensativa. Ela tromba com uma pessoa, mas nem dá confiança...

Juliana: O que tá acontecendo comigo?

Ela suspira e segue em frente.

Cena 3. Mansão de Sérgio Ferreira. Lado de fora/Rua. Dia.

A van com as meninas estaciona bem ali na rampa da garagem da mansão. Kátia desce primeiro e respira fundo.

Kátia: Dai-me coragem pai!

Ela vai até o portão e toca o interfone.

Voz: (off) Quem é?

Kátia: São as garotas!

Neste momento o portão se abre. Kátia volta pra van, que se dirige à mansão. Quando a van entra por completo, o portão fecha em seguida...

Cena 4. Bordel. Escritório. Dia.

Kelly sentada na poltrona apreensiva...

Kelly: Tomara que tenha ocorrido tudo bem... 

Ela olha no relógio de pulso.

Kelly: Agora é que deve estar acontecendo...

Close nela.

Cena 5. Mansão de Sérgio Ferreira. Sala. Interior. Dia.

As 9 meninas entram e logo são recepcionadas por Sérgio, que está de roupão e fuma um charuto enquanto bebe um copo de uísque.

Sérgio: Que belezura hein... 

Ele dá um tapa na bunda de Taís.

Taís: (estranhando) Aii...

Sérgio: Eu quero você!

Ele a mantém perto dele.

Sérgio: O restante pode ir lá pra fora. Meus amigos estão esperando as senhoras... Tem alguns na sauna também!

Elas seguem para o exterior da mansão. Kátia vai saindo, quando Sérgio segura seu braço.

Sérgio: Epa, epa, epa! Você vem comigo lindona!

Kátia: Mas eu...

Sérgio: Eu te pago o quanto você quiser! Mas eu preciso de vocês duas na minha cama, COMIGO.

Tensão... Kátia e Taís se olham.

Cena 6. Hospital. Sala de Viviane. Dia.

Viviane concentrada no notebook. Batidas na porta.

Viviane: Entra.

Juliana entra com cara de quem acabou de chorar.

Juliana: Oi Vivi!

Viviane: Oi Juliana! Que foi querida?

Juliana: Eu tô passando muito mal, não tô aguentando...

Viviane: Oh meu Deus, coitada!

Juliana: Eu posso pesir despensa do meu plantão? Eu prometo que amanhã eu fico até mais tarde! Mas hoje eu tô mega indisposta...

Viviane: Vai, vai! Eu peço a Talita pra ficar no seu lugar!

Juliana: Brigada!

Viviane: Melhoras querida.

Juliana sai e fecha a porta.

Viviane: Rum... É cada desculpinha esfarrapada que esses proletariados arrajam pra cabular o serviço... (t) Mas eu tenho que fazer a linha boazinha, só assim eu subo de cargo e atinjo a diretoria...

Close. Ela ri para si.

{{ Abertura }}


Cena 7. Mansão de Sérgio Ferreira. Área de lazer. Dia.

Vários homens na faixa dos 50/60 anos sendo seduzidos pelas garotas de programa... A câmera caminha até a porta de uma sauna, logo um homem abre. 

Cena 8. Mansão de Sérgio Ferreira. Sauna. Interior. Dia.

Na enorme sauna, vemos diversas cenas de sexo explícito: Um homem beija os seios de uma das garotas com muita vontade e tesão, do outro lado vemos uma mão puxando os cabelos de outra garota, que geme fora de áudio. Foco em Megan dando um beijo triplo com dois homens...

Corta para:

Cena 9. Mansão. Suíte de Sérgio. Dia.

Kátia e Taís (as duas apenas de calcinha e sutiã) frente a Sérgio, que tira seu roupão, ficando apenas de sunga.

Sérgio: Se beijem, vai!

Taís: (baixo) Amiga, isso morre aqui!

Kátia: Com toda certeza!

Elas respiram fundo e começam a se beijar. Detalhar a pegada das duas. Sérgio se deita na cama e começa a observar a cena com malícia no olhar.

Cena 10. Casa de Juliana. Sala. Dia.

Juliana entra em casa atordoada... Anne chega na sala.

Anne: Que susto mãe! Chegando agora...

Juliana: Precisei sair... Tô com um pouco de dor de cabeça. Vou deitar.

Anne: Eu fiz um macarrã/

Juliana desaparece pelo corredor...

Anne: Ih! O que será que aconteceu?

Close em Anne preocupada.

Cena 11. Casa de Juliana. Qto de Juliana. Dia.

Juliana deita em sua cama pensativa...

Juliana: Stela Figueiredo... Que mulher é essa meu deus?

Flashback on: (cena 5 cap. 3)

Juliana sentada no vaso da cabine, Stela em seu colo, de frente pra ela. Foco nas bocas se envolvendo...

Flashback off.

Juliana: (caindo em si) E eu fui uma estupida com ela! Desconfiei dela, sendo que o nosso momento foi de pura entrega e verdade... Eu fui injusta e preciso desfazer isso!

Juliana pensa mais um pouco.

Juliana: Eu preciso forjar um encontro casual com ela! É isso... Mas como?

Close nela.

Cena 12. Colégio Progredir. Saída. Dia.

Stela atravessa o pátio e passa pela catraca.

Stela: (ao porteiro) Tchau seu zé!

Ela vai até seu carro, entra e arranca.

Cena 13. Carro de Stela. Dia.

Stela dirige pensativa. Uma foto de Juliana sobrepõe o parabrisa do carro.

Stela: Marrenta... Mas só de lembrar da gente junta, ai...

Stela ri. Close.

Cena 14. Belo Horizonte. Takes do Anoitecer. Noite.

Música: Me gusta. Takes aéreos da cidade à noite. Último plano na fachada do Bordel Lovely's.

 Takes noturnos de Belo Horizonte.

Cena 15. Bordel Lovely's. Gramado. Noite.

A van estaciona no gramado e as meninas saltam. Kátia e Taís descem por último.

Kátia: (rindo) Não tô acreditando até agora no que a gente fez!

Taís: Deixa baixo... (ri)

Kátia: Quem vai amar saber disso é a Kelly!

Elas entram rindo no bordel.

Cena 16. Casa de Juliana. Sala. Dia.

Juliana e Anne assitem a TV.

Juliana: Cadê sua irmã que não chega? 10:30 da noite!

Anne: Calma mãe, você sabe como é o trânsito.

Juliana bufa, preocupada. Mas logo ela se ajeita no sofá e tira um cochilo...

Cena 17. Bordel Lovely's. Quarto. Noite

Kelly, Kátia e Taís sentadas na cama de fuxico.

Kelly: (rindo/surpresa) Ah não! Vocês duas?

Kátia: Mas pelo menos ele pagou bem!

Kelly: Então ele deu mais que o combinado?

Taís: É... Milzinho pra cada uma enloquecer o Daddy!

Kelly: Que bom que pelo menos faturamos algo...

Taís: E Kelly, Kátia... Vocês sabem do Raul?

Kelly e Kátia se olham sem saber o que responder...

Kátia: Ele... Eu acho que ele viajou!

Kelly: Não Kátia! Melhor dizer a verdade! A Taís também sofre na mão do Raul!

Kátia: Então Taís... Ele tá dopado! A gente dopou ele e trancafiamos no depósito! A dose de remédio que nós demos foi alta!

Taís solta um sorriso satisfeito.

Taís: (solta uma gargalhada) O Raul? Dopado? Mas que maravilha é essa?

Kely e Kátia riem.

Taís: Sorte a minha que não vou ter que dar comissão do meu trabalho pra aquele porco!

Kelly: Escutem o que eu tô dizendo! O Raul não vai durar muito tempo aqui nesse bordel! Me escutem!

As três sorriem entre si.

Cena 18. Bordel Lovely's. Gramado. Noite.

Kelly anda até seu carro (Kia Soul) acompanhada de Kátia e Taís.

Kátia e Taís: Tchau Kelly!

Kelly: Tchau meninas! Até amanhã! Beijos!

Kelly abre a porta do carro, entra e segue em frente com ele.

Cena 18. Casa de Juliana. Sala. Noite.

Juliana dormindo no sofá com um cobre leito, a TV ainda está ligada. Kelly abre a porta silenciosamente e de fininho tranca. Quando ela se vira para trás... Juliana está em pé na sua frente!

Juliana: (brava) Onde você tava até agora Kelly? Que emprego é esse que você sai mais de meia noite?

Kelly fica sem saber o que responder... Tensão.

Foco em Juliana/ A imagem congela com o fundo esfumaçado.


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.