Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Amar Não é pecado - Capitulo 18

 






Cena 01-(Casa de Mariângela/Sala/Interno/Tarde)


Lincoln chega em casa sério.


Lincoln:Boa tarde.


Kaique:Boa tarde,maninho.


Beto:O que está acontecendo com você?


Lincoln:Eu vim falar algo que estou escondendo de vocês há muito tempo e vocês presicam saber.


Kaique:Fala logo estou tenso.


Lincoln:Eu não sou igual a você,meu irmão eu sou gay.


Kaique derrubou o copo e ficou plantado em pé e todos ficaram chocados.


Kaique:O que você disse agora?


Lincoln:Sim,eu estou nesse momento me assumindo pra vocês o jeito que eu sou.


Beto(chorando):Meu filho,mas por que?


Lincoln começa a chorar.


Lincoln:Eu sou assim,meu pai peço desculpa se eu decepcionei todos.


Mariângela(chorando):Não precisava esconder isso que iamos te aceitar do jeito que é.


Kaique:Vocês tem vergonha na cara não?


Mariângela:O que você está dizendo?


Kaique:Que a senhora acha normal.


Edinalva começa a se sentir mal.


Edinalva:Filha,acho que minha pressão voltou a subir de novo.


Beto:Calma,que vou te trazer uma água.


Beto foi pra cozinha.


Kaique:O que vocês erraram na educação dele pra vim falar um absurdo desse?


Mariângela:Da mesma forma que eu educei você.


Kaique:Eu vou falar com ele e já volto.


Edinalva:Deixa ele em paz.


Kaique:Isso é assunto pra homem.


Edinalva:Olha,me respeite que sou sua avó.


Mariângela:Olha os modos,Kaique.


Kaique vai pro quarto de Lincoln e Mariângela fica na sala com sua mãe passando mal.


Edinalva:Eu não acredito nisso,espero que ele não deixe o Lincoln pra baixo.


Corte para a


Cena 02-(Casa de Mariângela/Quarto de Lincoln/Interno/Tarde)


Lincoln entrou no quarto e ficou chorando na cama e o celular dele tocou e ele atendeu deitado.


Lincoln(chorando):Alô?


Samuel:Lincoln,o que tá acontecendo com você?


Lincoln:Eu finalmente contei pra eles sobre o que era?


Samuel:E o que aconteceu pra você estar chorando?


Lincoln:Todos ficaram muitos chocados e minha avó está passando mal.


Samuel:Coitada,e já melhorou?


Lincoln:Ela está com minha mãe na sala acalmando ela,por que anos atrás minha vó teve um primo nosso que se assumiu nos anos 70 e ele foi espancado pelo meu avô e morreu com 12 anos.


Samuel começou a chorar.


Samuel(chorando):Coitado dele e infelizmente não posso ir aí te dar um carinho.


Lincoln:Se preocupe não que estou bem e tchau tenho que desligar pra descansar minha cabeça.


Samuel:Tchau,meu amor.


Lincoln desligou o celular e ele ficou deitado e Kaique entrou no quarto em silêncio e se sentou em um cadeira que tinha no quarto.


Kaique:Agora,você pode me explicar que merda foi essa que você falou lá na sala?


Lincoln:Me deixe em paz Kaique,por favor.


Kaique ri


Kaique:Te deixar em paz como Lincoln,você fala isso com naturalidade.O que você quer fazer com isso?Sujar a imagem de nossa família?


Lincoln:Desde de quando ser gay sujou uma família?


Kaique:Não me venha com seus mi mi mi pra cima de mim,e ainda mais você quer chacota com os vizinhos passando e te chamando de bichinha negra.


Lincoln dá uma cotovelada em Kaique e ele se levantou da cama de raiva.


Lincoln(gritando):Não fala assim de mim não,eu posso ser gay mas não sou um homem escroto que rejeita o outro pela sexualidade e agora sai daqui agora.


Kaique:Se preocupe não que amanhã vamos no psicólogo pra resolver isso que você tem.


Lincoln começa a chorar.


Lincoln(chorando):Como você acha que eu estou doente?


Kaique:Lincoln,você não é normal e lá vamos tratar e você voltará a amar mulheres de novo.


Lincoln fica nervoso e empurra Kaique pra fora do quarto.


Lincoln(chorando):SAÍ DAQUI AGORA!


Lincoln continou chorando deitado na cama.


Corte para a


Cena 03-(Casa de Camélia/Sala/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Nana Caymmi-Solamente Una Vez)





As ruas de Salvador ainda estavam movimentadas e o movimento na praia estava cheia e tinha pessoas andando de bicicleta na orla de Salvador e um ônibus com letreiro Estação Mussurunga passa cheio e tinha um vendedor ambulante vendendo cerveja e Felipe chega em casa e estava Estela e Camélia jogando baralho.


Camélia:Oi,meu neto tudo bem?


Felipe se senta no sofá.


Felipe:Tudo sim e estou morrendo de fome.


Estela:Eu fiz o almoço é só esquentar o almoço.


Felipe:Minha tia sabe fazer almoço?


Camélia:Claro que ela sabe fazer.


Estela:Falando nisso,que dia você chama sua namorada pra vi aqui?


Camélia:Pra que essa pressa?


Estela:Estou curiosa pra conhecer ela.


Felipe:Vou chamar ela pra jantar aqui em casa junto com a mãe que tal?


Estela:Uma boa idéia assim nós nos conhecemos melhor.


Camélia:Por que não liga pra ela?


Felipe:Vou ligar agora mesmo.


Camélia deixa as cartas em cima da mesa.


Camélia:Pode usar o telefone.


Estela dá uma espiadinha e Camélia vê ela.


Camélia:Sem roubar viu!


Estela:Aff!


As duas riram e Felipe está conversando com Gisele no celular.


Felipe:Que tal você e sua mãe virem pra cá jantar?


Gisele:Minha mãe falou que tudo bem vamos sim.


Felipe:Obrigada e um beijo,minha flor de girassol.


Gisele:Tchau amor.


Felipe desliga o celular.


Felipe:Sim,elas vem.


Estela:Que bom,vou fazer um chimarrão para tomar nesse tempo frio.


Felipe:Salvador está fazendo um calor da desgraça e ainda pensa em comida quente?


Camélia:Olha sua boca e me respeita,faça sim minha irmã que vamos amar seu chimarrão.


Estela:Eu vou lá pra cozinha.


Estela se levantou e entrou na cozinha.


Corte para a


Cena 04-(Aeroporto Internacional De Salvador/Saguão/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Filhos de Jorge-Sol e Sal)




O movimento no aeroporto estava intenso e tinha aviões chegando e um helicóptero da Polícia Militar pousando e um trem do metrô passa entrando na estação do metrô e no Saguão estavam Celso,Antônio,Lia e Mirella sentadas esperando o vôo.


Mirella:Ah,não acredito que é hoje.


Lia:Eu também não,vamos pra a cidade maravilhosa.


Celso:Mas,lembram que vamos lá ganhar a Food Con.


Antônio:Chefe,você sabe que só você acha viajar pro Rio tipo ir pra Arembepe.


Mirella:A gente pode ir no Cristo Redentor?


Lia:Quero ir pro Leblon,onde gravava as novelas das Helenas.


Antônio:Nem fale daquele velho gaga,novelas muitos chatas demais e muito lentas parecendo que durou anos.


Mirella:Não é bem assim,teve uma que a mãe engravidou do pai pra salvar a filha da Leucemia.


Lia:Lembro demais,eu chorei demais quando ela raspou a cabeça.


Antônio ri


Antônio:Essa doença pega só em mulheres talaricas.


Lia:Errado,homens também pegam Leucemia.


Antônio:O nome dela era Camila e não Camilo.


Lia:Acho que só uma coisa pra fazer você mudar?


Mirella:Acho que ele precisa de carinho e atenção de todos.


Atenção Vôo 2509 com destino ao Rio de Janeiro em poucos minutos podem entrar no portão 4


Lia:E esse Kaique que está demorando,o que está acontecendo?


Antônio:Talvez esteja com diarréia ou o carro ter caído no mar.


Lia:Vira essa boca pra lá.


Celso:Cuidado mesmo,as palavras tem poder lembro que uma prima minha ela foi pro Projac.


Lia:Ela tinha quantos anos?


Celso:Uns 10 anos,lembro que fui eu e ela assisti a gravação de um programa da Xuxa especial de Carnaval.


Lia:Que ano foi?


Celso:2001.


Mirella:Não acredito que vocês foram nesse dia.


Celso:Pois é,a nave dela pegou fogo e fiquei mais de 3 semanas sem dormir direito.


Kaique chega com Mariângela e Beto.


Kaique:Desculpa atraso.


Mariângela:Boa tarde pra todos.


Lia:Boa tarde,Mari como vai a vida?


Mariângela:Seguindo e vocês souberam que a vacinação contra a Covid 19 começou ontem em Salvador pra dose de reforço.


Antônio:Eu que não vou tomar essa vacina.


Lia:Por que não?


Antônio:Essa vacina é chinesa e é um plano de dominação dos comunistas.


Mirella:Acabou,Jéssica?


Antônio:Não me chame de Jéssica que eu não sou viado.


Celso:Tchau que estamos atrasados.


Kaique:Tchau minha mãe.


Beto:Tchau filhão.


Mariângela:Olha,Mirella pode conservar com Kaique por que os dois brigaram feio.


Mirella:Converso sim.


Eles saíram do saguão e entraram no portão e Beto e Mariângela viram o aniversário parti indo pro Rio de Janeiro.


Mariângela:Deus que te acompanhe.


Corte para a






Cena 05-(Casa de Rogério/Quarto de Samuel/Interno/Tarde)Trilha Sonora:(Luan Santana-Amar Não é Pecado)





As ruas estavam movimentadas e a praia estava cheia de banhistas e crianças no mar e tinha um barco passando no fundo com pescadores jogando a rede e Samuel estava no quarto no computador quando alguém bate na porta.


Samuel:Pode entrar?


Marília entra e fecha a porta


Marília:Oi,maninho tudo bem com você?


Samuel:Tudo sim.


Marília:Por que está assim triste?


Samuel:Ah,estou assim por que Lincoln falou que ele é gay pra família toda.


Marília:Ih,foi corajoso.


Samuel:Ele ligou pra mim chorando dizendo que o irmão dele foi pro quarto e falou coisas horríveis pra ele.


Marília:O Kaique?


Samuel:Sim,fiquei preocupado com ele.


Rogério estava passando pelo corredor e abre a porta devagarinho sem Marília e Samuel percebe.


Marília:Por que?


Samuel:De ele conta que está apaixonado por mim.


Rogério fica chocado e derruba um vaso no chão e Samuel e Marília tomam um susto.


Samuel:Pai!


Marília:Calma,pelo amor de Deus .


Leila entra no quarto de Samuel.


Leila:Começou o fogo no parquinho.


Rogério começou a chorar


Rogério(chorando):Meu filho,não me diga que você é?


Leila:Ele é um demônio!


Marília:Não chame ele disso.


Leila:Como não?Deus criou o homem e a mulher.


Marília interrompe ela


Marília:Nem começa a usar o nome de Deus em vão sua loba em pele de ovelha.


Leila(Gritando)Eu quero que esse diabo saia dessa casa agora!


Rogério(chorando):Saia um pouco daqui pra tentar acalmar sua mãe.


Marília começa a chorar e abraça o Samuel emocionada.


Marília(chorando):Não vá meu irmão!


Leila:Solta esse imundo pra não ser contaminada pela imoralidade!


Marília:Eu não solto sua cobra!


Leila dá um tapa em Marília.


Leila:Cala a boca sua vagabunda ordinária e levam esse trapo todo daqui.


Leila começa a rasgar as roupas dele.


Rogério:Pare agora mesmo!


Samuel pegou as malas.


Samuel:Eu saio sim,mas eu vou voltar e você vai se arrepende de tudo que fez comigo.


Leila ri.


Leila:Isso é que vamos ver.


Samuel e Marília sairam do quarto e Iracy entrou no quarto.


Iracy:O que tá acontecendo?


Rogério:Sua filha expulsou seu neto daqui.


Leila:Não quero filho gay.


Iracy:Ah,minha filha não foi assim que eu te educei.


Leila:Prefiro ter filho morto do que um filho gay com frescuras de viados e tudo mais.


Rogério deu uma tapa na cara dela.


Iracy:Que isso?


Rogério:Você,nunca mais fala assim dele!


Rogério sai do quarto chorando muito.


Iracy:Minha filha dessa vez você exagerou nessa.


Leila:Assim não dá,por isso que eu tenho vergonha de você como mãe.


Iracy:Você tem vergonha de mim é?Você tem vergonha de mim é?


Iracy dá uma tapa na cara dela.


Iracy:Você toma vergonha na sua cara,me respeita viu!


Iracy sai do quarto.


Corte para a

/Intervalo/


Cena 06-(Avião/Interno/Tarde)


O avião estava cheio e todos do restaurante estavam descansando no vôo e Mirella estava lendo um livro e Kaique chama ela.


Kaique:Mirella?


Mirella:Fala.


Kaique:Queria conversar com você e a Lia.


Mirella:Oh,Lia.


Lia fica em pé vendo os dois no banco da frente.


Lia:O que é?


Mirella:Ele quer conversar com a gente e o assunto é sério.


Lia:O que aconteceu com você pra sua mãe pediu.


Kaique:Lincoln me falou que ele é gay.


Lia:Não acredito nisso.


Mirella:Não vejo problema nenhum?


Kaique:Como não?Ele não é normal,Lia!


Lia:Como você tem coragem de tratar mal com ele por causa disso?


Antônio:Concordo com ele,esse desviado não merece respeito.


Lia:Começou o macho de chernobyl fala besteira!


Celso:Não começam a discutir aqui,se não chega ele peço pro avião volta pra casa!


Corte para a


Cena 07-(Casa de Gisele/Sala/Interno/Noite)Trilha Sonora:(Ivete Sangalo-Vejo O Sol E a Lua)






Anoiteceu em Salvador as ruas estavam movimentadas e as praias estavam vazias e os ônibus estavam passando cheios na Avenida Paralela e Gisele estava na sala arruamada.


Gisele:Vamos logo minha mãe estamos atrasados.


Nana:Espera aqui que estou quase pronta.


Eduardo chega em casa.


Eduardo:Boa noite.


Gisele:Boa noite Eduardo.


Nana:Gisele,ele é seu pai.


Gisele:Aff!


Nana vem pra sala arrumada.


Nana:Pronto,vamos?


Eduardo:Vocês estão bonitas.


Nana:Obrigada,meu amor.


Eduardo:Vão aonde?


Gisele:Por acaso te interessa saber onde vamos!


Nana:Pare de ser ignorante e respeite seu pai viu.


Gisele:Vamos pra casa de meu namorado.


Eduardo:Humm,qual é o nome dele?


Gisele:Felipe.


Eduardo:Podem ir que eu vou ficar tomando conta da casa.


Nana:Tchau.


Gisele:Tchau,Edu.


Gisele e Nana saiu da casa e Eduardo vai pro espelho triste.


Eduardo:Como minha filha não me aceitar que eu sou pai o que eu vou fazer pra minha filha me aceita?


Corte para a


Cena 08-(Casa de Camélia/Sala/Interno/Noite)Trilha Sonora:(Nana Caymmi-Contigo En La Distancia)






As ruas estavam movimentadas e tinham pessoas andando nas ruas da Pituba e os ônibus passavam vazios e todos estavam na sala preparando a mesa.


Estela:Pelo menos,o Chimarrão está pronto pra comemos.


Camélia:Ainda não chegaram mas me mandaram mensagem agora mesmo.


Felipe:Soube que a Suburbana está engarrafada no sentido Orlando Gomes.


Estela:Vixe,complicado.


Camélia:O trânsito daqui é uns dos piores do mundo.


Felipe:Vocês já se vacinaram contra a Covid?


Camélia:Ainda não,estou esperando chegar minha idade.


Estela:Acho que vou não,esse vírus está de boas e não está matando tanto igual a pandemia.


Felipe:Mas,olha que hoje morre 5 pessoas por dia pela covid aqui em Salvador.


Estela:Perdi minha tia Felícia aos 99 anos em 2021.


Felipe:Que Deus esteja com ela e tome a vacina pra você viver sua vida nova.


A campainha tocou.


Felipe:Chegaram.


Felipe foi e abriu a porta.


Gisele:Boa noite.


Nana:Podemos entrar?


Todos ficam parados e Estela olhou em direção a porta feliz.


A tela congela e no fundo aparece um chimarrão e o pincel passa.


Corte para a



Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.