Type Here to Get Search Results !

Marcadores

REBELDE PARA SEMPRE - Capítulo 08

 


Web novela de: EZEL LEMOS


CAPÍTULO 8

NO CAPÍTULO ANTERIOR:

Dimmy descobre que Mabel era paga por seu pai para ficar com ele;

Heloísa pede para Dimmy não ir embora de casa;

Thales ajuda seus irmãos com a tarefa da escola;

Moana implica com Karla no restaurante;

VEJA AGORA O CAPÍTULO DE HOJE:


CENA 1

(INT: Casa da família de Moana, Nagela está de pé na mesa e Orlando sentado se levanta para acalmá-la)


Orlando: Nagela! Se acalma filha, o que foi isso?


Nagela: (assustada) Eu não quero ver aquela mulher, não quero.


Orlando: Calma filha, foi só uma pergunta que fiz, calma.


(Orlando abraça Nagela)


Nagela: (triste) Eu não quero vê-la.


CENA 2

(INT: Casa da família de Dimmy. Heloísa flagra Mabel na sala)


Heloísa: Fora daqui! Fora.


Mabel: Heloísa eu posso explicar.


Heloísa: Eu não quero sua explicação, vá embora daqui.


Dimmy: Vai Mabel, nós não temos nada pra conversar.


 (Mabel sai triste e Heloísa abraça o filho)


Heloísa: Não fique triste meu amor.


CENA 3

(INT: Restaurante, Moana e Karla se confrontam)


Moana: Muito engraçadinha né querida, pois saiba que eu estava sentada aí e enquanto fui no toalete você roubou meu lugar. Tá me ouvindo! Você ro-u-bou meu lugar.


Thales: Tem outras mesas aí olha pode ver.


Karla: Eu gosto dessa mesa, sempre que venho me sento aqui, seu abusado.


Karla: Não fala assim com ele tá!


Moana: Eu falo como eu quiser!


Karla: Quem você pensa que é?


(As duas querem se pegar e Thales fica no meio delas) 


Moana: Cala boca sua baleia!


Karla: Cala você, eu te dar umas tapas bons você deixa de birra. 


Thales: Calma Karla vamos pra outra mesa vamos.


(Thales leva Karla para outra mesa enquanto Moana se senta satisfeita na mesa que estava)


CENA 4

(INT: Salete faz cálculo das contas do mês em sua casa, ela passa papel por papel calculando no celular)


Salete: Meu Jesus, ainda vai faltar uma parte. 


CENA 5

(INT: Pensão de Leonor, Leonor lava louça enquanto Dário toca violão no sofá)


Leonor: Dário para com esse barulho, tem gente dormindo.


Dário: Não dar para eles ouvir vó. (Para de tocar) Ô vó, cadê a Karla?


Leonor: Ela saiu, disse que ia almoçar com um amigo.


Dário: (pensativo) Hum, amigo é.





CENA 6

(INT: Restaurante, Moana continua esperando Ruy, enquanto Thales e Karla já terminaram refeição)


Thales: Estava ótimo o fricassê não era?


Karla: Sim, me deu vontade até de repetir, mas não quero engordar demais.


Thales: Você devia repetir.


Karla: Não, melhor não. Thales imagino que você sofre muito preconceito por ser morador de comunidade.


Thales: Sofro sim Karla, diariamente. Nas ruas de São Paulo não é fácil, tem muita gente ruim capaz de me negar até água. Acredita que muitas casas que vou pedir água a empregada me diz que não tem pão velho, sobra de comida.


Karla: (surpresa) Nossa Thales não acredito.


Thales: É assim, mas sabe, tem  muita gente boa. Tem gente que me dar gorjetas de alto valor, me elogia.


CENA 7

(EXT: Feira da família de Ricky, Suzana grita da banca dela para a de Eugênio)


Suzana: Eugênio cadê Ricky que não chegou?


Eugênio: Não sei, eu liguei pra ele mas não atendeu. 


Suzana: Ricky tá estranho, o que será que ele tá aprontando.


CENA 8

(EXT: Ricky caminha na beira da praia pensativo)


Ricky: Como eu vou contar para eles que eu fechei a faculdade? Como eles vão reagir? 


(Dimmy desce do carro na beira da praia com muleta, ele caminha enquanto seu motorista fica perto do carro)


Dimmy: Volto já Francisco, vou só tomar um ar.


(Dimmy ver Ricky andando próximo a ele)


Dimmy: Oi, tudo bem?


Ricky: (olha rápido) Oi! Você me conhece?


Dimmy: (olhando fixamente) Não sei, eu tenho a impressão de que te conheço de algum lugar.


Ricky: Eu não lembro de você.


Dimmy: O que faz por aqui? Pelo que vi não estava curtindo a praia, parece triste.


Ricky: Tou pensando na vida.


Dimmy: Sabe que eu vim fazer exatamente isso também.


Ricky: Ah é?


Dimmy: Sim, tive algumas decepções e estou querendo rever minha vida. Você não quer almoçar comigo? Estou querendo conhecer gente nova, fazer novas amizades.


Ricky: Cara, eu tou precisando mesmo de novos amigos. Vou sim, não tou com coragem pra falar com meus pais agora. 


Dimmy: Meu carro tá logo alí, vamos.


(Os dois entram no carro, porta de atrás)


CENA 9

(INT: Restaurante, Moana está super chateada e incomodada por seu namorado não aparecer, Thales e Karla estão rindo e Moana pensa que pode ser com ela)


Moana: Do que vocês estão rindo em?


Karla: Essa menina é louca né?


Ricky: Ela pensa que estávamos rindo dela.


Karla: Vamos parar de rir para essa louca não armar mais barraco.


CENA 10

(EXT: Fora do restaurante, estão dois homens de preto, um fala ao telefone)


Homem: (ao telefone) Sim chefe, já estamos em posição.




CENA 11

(EXT: O carro de Dimmy chega em frente o restaurante onde está Moana, Thales e Karla. Dimmy fala com Ricky)


Dimmy: Chegamos.


Motorista: Vou procurar uma vaga para estacionar seu Dimmy.


CENA 12

(INT: Karla e Thales levantam da mesa e vão saindo do restaurante, Moana na mesa próxima também levanta e sai na frente andando ligeiro. Karla e Thales riem dela)


Thales: (rindo) Ela cansou de esperar.


(Fora do restaurante, o motorista ajuda Dimmy sair do carro / Moana vai entrar no seu carro vermelho próximo e chega os dois a agarrando ela e tampando sua boca / Karla e Thales vêem os homens carregando Moana a força para um carro preto)


Karla: Eles estão levando ela!


Thales: Sim vamos ajudá-la.


(Karla e Thales correm até Dimmy que está fechando a porta do carro)


Karla: (fala rápido) Entrem no carro, ela tá sendo sequestrada, vamos! Entrem no carro.


(Os 4 estão parados assustados)

Fim do Capítulo.


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.