Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Porto da Solidão - Capítulo 15

 




Participação especial: Ivete Sangalo.


Cena 01-(Casa de Elivelton/Sala de Estar/Interno/Manhã)


 Juvenal,Gabriela e Elivelton estão sentados em três cadeiras ao redor da mesa que está com um saco de pão e uma garrafa térmica verde de café.


Juvenal(dúvida): Hoje é que dia,amor?!


Gabriela(confusa): Acho que é 08 de setembro.


Elivelton termina de tomar café.


Elivelton(cansado): Mais uma semana quebrando minha cabeça.


Elivelton e Juvenal se levantam das cadeiras.


Juvenal(dúvida): Quer que eu te leve pra escola,filho?


Elivelton(sorridente): Sim,painho… 


Elivelton pega a mochila no sofá e abraça Gabriela.


Elivelton(sorridente): Tchau,mainha…


Gabriela(sorridente): Tchau,filho… Boa aula pra você.


Juvenal e Elivelton saem de casa e Gabriela começa a arrumar a mesa.


Corte para a


Cena 02-(Prefeitura/Gabinete/Interno/Manhã)


 Timóteo está sentado na cadeira se espreguiçando.


Timóteo(espreguiçando): Que sono…


Timóteo liga o computador.


Timóteo(surpreso): Andréia está de parabéns…


Andréia entra no gabinete com o jornal na mão.


Timóteo(sorridente): Bom dia,minha secretária…


Andréia começa a ler a capa e se surpreende com a notícia.


Andréia(séria): Seu prefeito… Eu tenho uma notícia que não vai te deixar muito feliz.


Começou a tocar trilha instrumental de tensão.




Timóteo(curioso): O que aconteceu de tão grave assim?!


Andréia entrega o jornal pro Timóteo que começa a ler.


Andréia(séria): O Ministério Público cancelou a licitação do Porto da Solidão definitivamente.


Timóteo se levanta da cadeira rapidamente.


Timóteo(desacreditado): Não,Andréia… Isso só pode ser uma piada,não é?


Andréia faz o sinal de não com a cabeça.


Andréia(lamentando): Infelizmente,não… Senhor Timóteo. Acabou de sair na Gazeta.


Timóteo se levanta e começa a andar de um lado para o outro.


Andréia(dúvida): O que você fará agora,seu prefeito?


Timóteo(irritado): Pode me deixar sozinho,Andréia?


Andréia(séria): Tá bem,seu prefeito…


Andréia sai do gabinete em silêncio e Timóteo derruba as coisas em cima da mesa no chão.


Timóteo(furioso): Desgraçados!


Timóteo pega o vaso de vidro e joga na porta com força que acaba quebrando e ele se senta na cadeira com as mãos na cabeça.


A trilha instrumental continuou tocando até o início da cena 04.


Corte para a


Cena 03-(Porto da Solidão/Docas/Externo/Manhã)


As docas estavam com pouco movimento de funcionários e caminhões.


Corte para a


Cena 04-(Porto da Solidão/Docas/Interno/Manhã)


A câmera mostra Marcos e Oscar chegando na área interna das docas bastante sorridentes.


Marcos(sorridente): Não é possível que isso tenha acontecido,Oscar…


Oscar ri e o abraça.


Oscar(entusiasmado): Vencemos o Timóteo,Marcos! VENCEMOS!


Começou a tocar Ludmilla e MC Robacena - Fala Mal de Mim.




Juvenal e Antônio se aproximam deles.


Juvenal(surpreso): Que festa é essa,gente?!


Antônio(sorridente): Certeza que estão comemorando o cancelamento da licitação do Porto.


Marcos(empolgado): Estamos mesmo… E aliás.


Marcos bate palmas alto e todos olham pra ele.


Marcos(gritando): Atenção,pessoal! A licitação do Porto foi cancelada!


Todos comemoram.


Todos(gritando): Viva!


Marcos(gritando): Nós vencemos,pessoal! 


Os funcionários começam a se abraçar e a comemorar.


A música continuou tocando até o início da cena 06.


Corte para a


Cena 05-(Salvador/Ruas/Externo/Manhã)


A câmera mostra a movimentação intensa de carros e ônibus pelas ruas da cidade.


Corte para a


Cena 06-(Apartamento de Cláudio/Sala de Estar/Interno/Manhã)


Cláudio e Magno estão sentados em duas cadeiras ao redor da mesa da sala tomando café com pão.


Cláudio(dúvida): Cê viu o Lincoln,Magno?


Magno toma um gole de café.


Magno(sério): Deve tá terminando de tomar banho.


Lincoln chega na sala vestido com uma camiseta verde e bermuda azul.


Lincoln(sorridente): Bom dia,pessoal…


Lincoln se senta em uma cadeira e pega uma xícara e abre a garrafa térmica.


Cláudio(sorridente): Bom dia,Lincoln…


Lincoln(dúvida): Chegou mais algum email?


Magno(sério): Por enquanto,nenhum…


Lincoln(decepcionado): Será que não faremos mais show essa semana,gente?


Começou a tocar Gilsons - Várias Queixas.




Magno(esperançoso): Relaxe,Lincoln…


Cláudio(sério): Pois é,Lincoln… Vamos tomar nosso café que a gente não é de ferro.


Todos riram e um som de notificação tocou vindo do computador.


Lincoln(esperançoso): Será que é uma nova proposta?!


Cláudio(sorridente): Tomara que sim…


Lincoln se levanta e vai em direção ao computador e se senta na cadeira.


Magno e Cláudio observam sentados em suas cadeiras.


Magno(dúvida): E aí,Lincoln?


Lincoln comemora.


Lincoln(empolgado): Temos proposta para um show hoje. E aposto que vocês vão gostar.


Magno e Cláudio se levantam de suas cadeiras e vão em direção ao computador.


Magno se surpreende ao ler o e-mail no monitor.


Magno(surpreso): Não me diga que faremos o show de…


Cláudio(empolgado): Da Ivete Sangalo!


Lincoln bate palmas.


Lincoln(empolgado): Mãos à obra,pessoal!


A música continuou tocando até o início da cena 10.


Corte para a


Cena 07-(Rua Jorge Amado/Externo/Manhã)


Um carro passa em frente à mansão Pereira.


Corte para a


Cena 08-(Mansão Pereira/Sala de Estar/Interno/Manhã)


Júlio desce as escadas bastante entusiasmado e Letícia está sentada no sofá assistindo televisão.


Letícia(sorridente): Bom dia,filho…


Júlio vai em direção a sua mãe e a abraça.


Júlio(sorridente): Bom dia,mainha…


Letícia se levanta do sofá.


Letícia(surpresa): Nossa… O que aconteceu com você?


Letícia coloca a mão em sua testa.


Letícia(preocupada): Tá com febre,filho?


Júlio ri.


Júlio(rindo): Tô bem,mainha…


Letícia ri.


Letícia(curiosa): Menos mal… Mas,aonde vai assim tão sorridente?


Júlio(sorridente): Vou pra capital comprar um presente para Vinícius.


Letícia(dúvida): Pretende fazer o que com isso,filho?


Júlio(empolgado): Será hoje que vou pedir Vinícius em namoro,mainha.


Letícia(surpresa): Oxe,mas já?!


Júlio(sério): Sim,mainha… Tem algum problema?


Letícia(sorridente): Não,filho… Te desejo boa sorte.


Júlio a abraça bastante sorridente.


Júlio(empolgado): Obrigado por me apoiar sempre,mainha… Até mais tarde,mãe.


Júlio pega a carteira e sai de casa e fecha a porta.


Letícia(curiosa): Será que Vinícius vai aceitar namorar ele mesmo meses depois da morte do Lincoln?


Letícia se mantém em silêncio.


Corte para a


Cena 09-(Porto da Solidão/Docas/Externo/Manhã)


Um caminhão entra no Porto e é possível escutar o barulho de uma buzina de navio.


Corte para a


Cena 10-(Porto da Solidão/Docas/Escritório/Interno/Manhã)


Marcos está sentado em sua cadeira falando ao telefone.


Marcos(sério): Que horas virá o navio da Venezuela?


Marcos fica em silêncio.


Marcos(sorridente): Certo,então… Já vou comunicar ao pessoal da doca 4 para descarregar o navio quando chegar aqui por volta das 11 horas.


Timóteo entra no escritório e Marcos se surpreende ao vê.


Marcos(incomodado): Agora,vou ter que desligar… Muito obrigado pelo aviso. Até mais tarde.


Marcos desliga o telefone e se levanta da cadeira.


Marcos(sorridente): Boa tarde,seu prefeito… Tudo bem com o senhor?!


Timóteo ri.


Timóteo(ríspido): Deixe de piadinha,Marcos… Eu vim saber quanto cê pagou pra justiça cancelar a venda dessa sucata ambulante?!


Marcos e Timóteo encaram em silêncio.





Cena 11-(Porto da Solidão/Docas/Escritório/Interno/Manhã)


Marcos e Timóteo estão em pé olhando um para o outro.


Marcos ri sem parar.


Timóteo(desentendido): Qual foi a piada que contei?!


Marcos(rindo): Cê acabou de me acusar de EU supostamente ter pago pra algum juiz impedir aquela licitação absurda de ir para frente.


Timóteo(confrontando): Não minta,Marcos! Foi você que fez isso?!


Marcos(irritado): Se você só veio aqui pra me caluniar..  Te peço pra se retirar da minha sala agora!


Começou a tocar trilha instrumental de tensão.




Timóteo(surpreso): Como é a história?! Quem você pensa que é pra falar nesse tom comigo?!


Marcos(ordenando): Sou administrador deste Porto há quase 40 anos! Por favor,saia agora!


Timóteo(insistente): Não vou sair dessa sala até você me explicar o que fez pra cancelar essa licitação!


Marcos pega uma vassoura encostando na parede e começa a ir em cima de Timóteo.


Timóteo(confuso): O que você está fazendo?!


Marcos(gritando): Sai fora! Fora!


Marcos e Timóteo saíram do escritório.


A trilha continuou tocando até a cena seguinte.


Corte para a


Cena 12-(Porto da Solidão/Docas/Interno/Manhã)


A câmera mostra Marcos dando vassourada em Timóteo e todos os funcionários observam em silêncio.


Juvenal(surpreso): Minha Nossa…


Timóteo(reclamando): Para de me bater,seu velhote!


Marcos(gritando): Posso ser velhote! Mas,eu sou um homem de garra e coragem!


Timóteo fica em silêncio e os funcionários permanecem em silêncio observando a discussão.


Marcos(confrontando): Eu não fico desviando o dinheiro público pra colocar em um lugar que todos nós conhecemos muito bem!


Timóteo(irritado): Chega! Eu vou embora dessa espelunca! E quero dar um aviso a todos vocês!


Timóteo encara todos que estão ali em pé observando em silêncio. 


Timóteo(ameaçando): Podem comemorar hoje que a licitação foi cancelada… Mas,eu não descansarei pra mais cedo ou mais tarde… O Porto deixa de ser administrado pelo setor público!


Oscar se aproxima de Timóteo.


Oscar(sério): Me acompanhe,seu prefeito…


Oscar e Timóteo saíram das docas ao som de vaias.


Todos(vaiando): Sai daqui,seu ladrão! Corrupto!


Marcos e Antônio se aproximam e olham em silêncio para Timóteo saindo do Porto.


Antônio(preocupado): Será que ele vai conseguir privatizar o Porto?!


Marcos(sério): Eu farei de tudo pra ser uma pedra no sapato desse aí.


Fim da trilha instrumental.


Corte para a


Cena 13-(Salvador/Visão Aérea/Externo/Manhã)


Começou a tocar trilha instrumental bossa nova.




A câmera sobrevoa as ruas de Salvador mostrando os prédios e o oceano ao fundo.


A trilha instrumental continuou tocando até o início da cena 17.


Corte para a


Cena 14-(Shopping/Piso L1/Interno/Manhã)


O shopping estava com a movimentação de pedestres bastante intensa e Júlio entrou no shopping bastante entusiasmado. 


Júlio respira fundo.


Júlio(sorridente): Que saudades estava daqui de Salvador. Vinícius que me aguarde.


Júlio coloca os óculos escuros.


Júlio(ansioso): É hoje que eu e ele começamos a namorar…


Júlio anda pelo shopping e sobe a escada rolante para o piso L2.


Corte para a


Cena 15-(Shopping/Piso L2/Corredor/Interno/Manhã)


Júlio sai da loja com uma sacola grande e passeia pelo corredor que estava com pouca movimentação de pedestres e a câmera o segue até revelar a movimentação no piso embaixo.


Corte para a


Cena 16-(Teatro/Auditório/Interno/Manhã)


 Lincoln,Cláudio e Magno chegam no teatro que estava com as luzes acesas.


Lincoln(dúvida): Cadê a Ivete,gente?!


Cláudio(confuso): Ué… Pensei que ela estaria.


Magno(ansioso): Mal posso esperar pra ela chegar…


Ivete Sangalo entra no auditório surpreendendo os três.


Ivete Sangalo(sorridente): Boa tarde,rapazes…


Lincoln(empolgado): Não tô acreditando que tô vendo ela na minha frente.


Ivete Sangalo ri e Lincoln a abraça.


Ivete Sangalo(sorridente): Oxente,Lincoln… É um prazer meu te conhecer,jovem.


Lincoln ri e Magno a cumprimenta.


Magno(empolgado): É um prazer te conhecer,Ivete… Eu amo demais suas músicas.


Ivete Sangalo ri e Cláudio se aproxima dela.


Cláudio(dúvida): Ansiosa para seu show hoje a noite aqui?


Ivete Sangalo(ansiosa): Tô com medo de desmaiar no palco de tanta emoção.


Os quatro riram.


Lincoln(dúvida): Quer ver como ficará o palco?


Ivete Sangalo(curiosa): Sim,por favor… Mas,tem que ser rápido pra eu ainda ir ensaiar com minha banda.


A câmera mostra Lincoln,Cláudio,Magno e Ivete Sangalo no palco conversando e observando a estrutura.


Corte para a


Cena 17-(Igreja/Secretaria/Recepção/Interno/Manhã)


Luana está sentada na cadeira em frente ao computador e Janete chega na recepção e vai em sua direção.


Janete(séria): Bom dia,Luana…


Luana(surpresa): Bom dia,Janete… Que milagre você me dá bom dia?


Janete ri.


Janete(sorridente): Eu sou uma mulher cristã e conservadora como você bem sabe,né?


Luana ri e se levanta da cadeira.


Luana(curiosa): Veio falar com o Padre Paulo?


Janete(irritada): Não! Vim olhar sua cara de pamonha!


Começou a tocar Luiz Gonzaga - Xote das Meninas.




Luana(irritada): O que você falou?! REPETE!


Janete a provoca.


Janete(rindo): Você é uma idiota ou se faz?!


Luana sai de trás do balcão e a confronta.


Luana(confrontada): Me respeite,Janete! Nunca te dei ousadia pra me ofender dessa forma.


Padre Paulo chega na recepção.


Padre Paulo(preocupado): Que confusão é essa,gente?!


Luana(irritada): Perdão,padre Paulo… Mas,Janete veio aqui tirar minha paciência!


Janete(irritada): Nada haver isso,padre… O senhor sabe que eu sou uma santa.


Padre Paulo a interrompe.


Padre Paulo(furioso): Chega! Aqui é a casa do senhor,respeitem!


Luana(arrependida): Me desculpa,padre…


Janete(furiosa): Licença,padre…


Janete sai da recepção bastante irritada.


Luana(dúvida): Até quando Janete vai se comportar dessa maneira?


Padre Paulo(desacreditado): Sei não,Luana… Essa daí não muda nem por decreto.


Os dois riram sem parar.


A música continuou tocando até a cena 19.


Corte para a


Cena 18-(Porto da Solidão/Rua Principal/Externo/Manhã)


A movimentação de carros e pedestres estava bastante movimentada e Gabriela sai de casa e encontra Letícia.


Gabriela(sorridente): Bom dia,Letícia…


Letícia(sorridente): Oi,Gabriela… Como vai?


Gabriela(sorridente): Tô bem,Letícia.


Letícia(curiosa): Vai pra casa de Kelly?


Gabriela(sorridente): Não,Letícia… Vou na escola buscar Elivelton que ele já tá me esperando.


Letícia(sorridente): Então… Até mais tarde,amiga.


Letícia atravessa para o outro lado da rua e Gabriela acena para ela.


Gabriela(sorridente): Tchau…


Gabriela continua andando pelo passeio indo em direção a praça central.


Corte para a


Cena 19-(Casa de Fernando/Varanda/Externo/Tarde)


Kelly fecha a porta e vê Beto no portão.


Beto(sorridente): Boa tarde,Kelly…


Kelly acena para ele.


Kelly(empolgada): Oi,amigo… 


Kelly anda em direção à rua.


Beto(dúvida): Vamos pra feira?


Kelly(sorridente): Claro que sim,amigo… Preciso comprar os temperos pro almoço.


Corte para a


Cena 20-(Porto da Solidão/Feira Livre/Externo/Tarde)


A movimentação de pedestres entrando e saindo da feira é intensa e a câmera desloca-se em direção a Kelly e Beto chegando na feira.


Ambulante 1(gritando): Olha a banana! É só 1 real,hoje!


Kelly(surpresa): Nunca mais tinha visto uma feira tão cheia assim.


Beto ri.


Beto(sorridente): Verdade… Mas,isso ainda é consequência do feriado de ontem.


Kelly(séria): Pensei que o pessoal já ia embora pra hoje.


Beto(sério): Eu também… Mas,tem gente que vai postergar sua passagem por aqui ainda.


Kelly e Beto continuam passeando pela feira e eles param numa barraca.


Kelly(dúvida): Quanto tá um mói de coentro,moço?


Ambulante 2(sorridente): Tá 2 reais só,moça.


Fernando tá passando pela feira e observa Kelly e Beto conversando.


Fernando(furioso): O que essa cadela tá fazendo com esse pescador?!


Fernando vai em direção dos dois e os surpreende.


Fernando(gritando): Boa tarde!


Kelly(surpresa): Fernando?!


Beto o encara em silêncio e Fernando fica em sua frente.





Cena 21-(Porto da Solidão/Feira Livre/Externo/Tarde)


Beto e Fernando estão em pé em silêncio e ao redor dele forma uma aglomeração de pessoas.


Fernando(irônico): Ora,ora,ora… Se não é o pescadorzinho criolo,não é?!


Kelly vai em direção a Fernando.


Kelly(séria): Para,Fernando!


Beto(confrontando): Quem você pensa que é pra me humilhar?!


Fernando(irritado): Não importa… Quero saber o que tá fazendo com minha esposa?!


Kelly(impaciente): Você não comece a dar sua crise de ciúme agora,por favor!


Fernando(impaciente): Sai daqui,Kelly!


Começou a tocar trilha instrumental de tensão.




Fernando empurra Kelly que é segurada por populares.


Beto(indignado): Para de bater nele,seu idiota!


Fernando ri e olha para Beto.


Fernando(rindo): Cala a boca,seu pescador de merda… Senão,vou ter dar uma surra!


Beto tira a camisa.


Beto(sério): Vem! Vamos ver quem é o mais forte aqui,seu covarde!


Beto e Fernando entram em briga corporal.


Todos(torcendo): Vai,Beto! 


Kelly(preocupada): Parem,pelo amor de Deus!


Beto derruba Fernando que cai no chão e Padre Paulo chega e afasta a briga.


Padre Paulo(gritando): Parem,agora!


Fim da trilha instrumental. 


Todos ficam em silêncio.


Padre Paulo(dúvida): Cês não tem vergonha na cara,não?! Dois cabras desses brigando parecem dois moleques!


Kelly vai em direção a Fernando.


Kelly(séria): Muito obrigada,Padre Paulo… 


Padre Paulo(sério): De nada,minha filha… É melhor levar seu marido pra casa.


Kelly(séria): Vamos,Fernando.


Kelly segura Fernando pelo braço que encara Beto em silêncio e Gabriela se aproxima dele.


Gabriela(curiosa): Que confusão é essa,gente?!


Padre Paulo se aproxima dela.


Padre Paulo(dúvida): Pode levar Beto para sua casa,Gabriela?


Gabriela(séria): Claro,padre… Vamos,Beto?!


Gabriela leva Beto em direção a sua casa e Padre Paulo olha para todos.


Padre Paulo(furioso): O que estão olhando em?! Vamos! Vamos!


Padre Paulo bate palmas e dispensa a aglomeração.


Padre Paulo(gritando): Circulando! Circulando!


Corte para a


Cena 22-(Casa de Elivelton/Sala de Estar/Interno/Tarde)


Gabriela e Beto entram em casa e Elivelton sai do corredor em direção a sala.


Elivelton(sorridente): Boa tarde,mainha…


Gabriela(preocupada): Me ajude aqui,filho.


Elivelton e Gabriela se seguram pra Beto que senta no sofá com dificuldade.


Beto(reclamando): Aí,aí,aí…


Elivelton(surpreso): O que aconteceu com ele,mainha?


Beto(sério): O Fernando foi fazer um barraco lá na feira.


Gabriela bate as mãos no joelho.


Gabriela(revoltada): Não é possível que esse desgraçado vai continuar controlando a Kelly até quando?!


Elivelton(dúvida): E vocês brigaram na rua,Beto?


Beto faz o sinal de sim com a cabeça.

D

Elivelton(sério): Fernando nunca vai mudar mesmo,mainha… É um homem desprezível mesmo. Ele e a Janete estavam essa semana mesmo. Fazendo piadas pra cima do Vinícius e da tia dele.


Beto(sério): Ele se acha superior por ser um homem branco,supostamente religioso.


Começou a tocar Gal Costa - Nossos Momentos.




Elivelton ri.


Elivelton(rindo): Vamos esquecer o Fernando um pouco… Quer alguma coisa,Beto?


Beto(sorridente): Um copo d'água,por favor.


Elivelton(empolgado): Peraí,que já volto.


Elivelton vai em direção a cozinha.


Beto e Gabriela riram sem parar.


Beto(rindo): Esse seu filho,viu…


Gabriela(sorridente): Sou muito orgulhosa por Deus ter me dado um presente tão maravilhoso pra mim.


A música continuou tocando até o início da cena 27.


Corte para a


Cena 23-(Casa de Fernando/Varanda/Externo/Tarde)


Um carro passa em frente à casa de Fernando.


Corte para a


Cena 24-(Casa de Fernando/Sala de Estar/Interno/Tarde)


Kelly está sentada no sofá e Fernando desce as escadas vestido com uma camisa vermelha e bermuda branca.


Kelly se levanta do sofá.


Kelly(dúvida): Aonde cê vai,amor?


Fernando(ríspido): Não te interessa!


Kelly vai em direção a Fernando.


Kelly(insistente): Fernando! Não minta pra mim,vai aonde?


Fernando(gritando): Vou sair pra ficar longe de você,sua louca!


Kelly começa a chorar.


Kelly(emocionada): Como assim,Fernando? Não gosta mais de mim?


Fernando(irritado): Se continuar me desrespeitando e me afrontando…


Kelly(emocionada): Não,amor… Me perdoa!


Fernando abre a porta e vê Kelly no chão chorando sem parar.


Fernando(furioso): Vou pensar em te perdoar ainda,sua vadia! Quantas vezes eu te falei pra se afastar daquele pescador mixiruca?!


Kelly tenta se explicar.


Kelly(emocionada): Mas,amor…


Fernando(gritando): Nada de MAS!


Fernando arremessa um copo de vidro que se quebra no chão.


Fernando(ameaçando): Se você se separar de mim pra ficar com aquele favelado,Kelly…


Fernando ri e pega em seu rosto.


Fernando(ameaçando): Eu te mato!


Fernando fecha a porta e Kelly se levanta e senta no sofá chorando sem parar.


Corte para a


Cena 25-(Praia da Solidão/Externo/Tarde)


Tinha poucos banhistas na faixa de areia e o sol estava se pondo no horizonte.


Corte para a


Cena 26-(Salvador/Ruas/Externo/Noite)


A movimentação de carros,pedestres e ônibus estava intensa nas ruas de Salvador e na frente do teatro estava uma aglomeração de pessoas do lado de fora tirando foto de Ivete Sangalo entrando no local.


Corte para a


Cena 27-(Teatro/Auditório/Camarim/Interno/Noite)


Ivete Sangalo entra no camarim e se senta no banco para começar a se maquiar.


Ivete Sangalo(ansiosa): Meu Deus… Tá cheio demais o teatro.


Alguém bate na porta.


Ivete Sangalo(curiosa): Quem é?


Lincoln abre a porta e vai em direção a Ivete que se levanta do banco e o abraça.


Ivete Sangalo(sorridente): Boa noite,Lincoln… É um prazer te ver aqui,amigo.


Lincoln ri.


Lincoln(sorridente): Como está suas expectativas para hoje,minha estrela?!


Ivete Sangalo ri.


Ivete Sangalo(ansiosa): Eu tô muito feliz,Lincoln… 


Cláudio bate na porta do camarim.


Cláudio(sério): Pessoal… Menos de 5 minutos pra você subir no palco,Ivete.


Lincoln se senta no sofá em silêncio bastante pensativo e Ivete percebe e se senta ao lado dele.


Ivete Sangalo(preocupada): Tá acontecendo alguma coisa com você,Lincoln?


Lincoln bufa.


Lincoln(triste): Queria que meu amigo Elivelton tivesse aqui,sabe? Ele ia amar ver que eu tô aqui bem.


Ivete Sangalo(curiosa): Mas,por que ele não veio pra cá?


Lincoln(emocionado): Painho me expulsou de casa e…


Lincoln começa a chorar e Ivete se emociona.


Lincoln(emocionado): Deixei uma vida toda pra trás. O meu filho,mainha… Meus amigos.


Ivete Sangalo(dúvida): Por que cê não vai pra lá agora a noite pra matar a saudades dele?


Lincoln sorri.


Ivete Sangalo(séria): É bom visitar nossos familiares distantes e só o tempo para afogar as mágoas.


Os dois se levantam do sofá e ele a abraça.


Lincoln(sorridente): Muito obrigado pelo conselho,Ivete… Quando terminar o show,vou fazer minhas malas e reencontrar mainha.


Cláudio entra no camarim.


Cláudio(apressado): Vamos,Ivete! Que já tá na hora do show.


Lincoln segura em suas mãos.


Lincoln(sorridente): Bom show pra você,querida.


Ivete Sangalo(sorridente): Obrigada…


Ivete Sangalo sai do camarim e Lincoln sai logo em seguida.


Todos(gritando): Ivete! Ivete! Ivete! Ivete!


Corte para a


Cena 28-(Teatro/Auditório/Interno/Noite)


A plateia continua pulando e gritando eufóricos.


Todos(gritando): Ivete! Ivete!


Locutor(sorridente): Com vocês,ela chegou! Ivete Sangalo!


Ivete Sangalo entra no palco e todos aplaudem felizes e ele agradece.


Ivete Sangalo(sorridente): Boa noite,minha Salvador!


Todos batem palmas eufóricos.


Ivete Sangalo(sorridente): Vão embora,minha banda!


A banda começa a tocar Sorte Grande e todos começam a bater palmas,tirar fotos.


Ivete Sangalo(empolgada): Eita,minha gente!


Ivete Sangalo(cantando): A minha sorte grande

Foi você cair do céu

Minha paixão verdadeira

Viver a emoção

Ganhar teu coração

Pra ser feliz a vida inteira

É lindo o teu sorriso

O brilho dos teus olhos

Meu anjo querubim

Doce dos meus beijos

Calor dos meus braços

Perfume de jasmim

Chegou no meu espaço

Mandando no pedaço

Com o amor que não é brincadeira

Pegou me deu um laço

Dançou bem no compasso

De prazer levantou poeira…


Ivete Sangalo(empolgada): Só vocês…


Ivete Sangalo aponta o microfone pra plateia.


Ivete Sangalo (cantando): Poeira, poeira, poeira

Levantou poeira (2x)!


Ivete Sangalo(cantando): A minha sorte grande

Foi você cair do céu

Minha paixão verdadeira

Viver a emoção

Ganhar teu coração

Pra ser feliz a vida inteira

É lindo o teu sorriso

O brilho dos teus olhos

Meu anjo querubim

Doce dos meus beijos

Calor dos meus braços

Perfume de jasmim

Chegou no meu espaço

Mandando no pedaço

Com o amor que não é brincadeira

Pegou me deu um laço

Dançou bem no compasso

De prazer levantou poeira

Poeira, poeira, poeira

Levantou poeira

Chegou no meu espaço

Mandando no pedaço

Com o amor que não é brincadeira

Pegou me deu um laço

Dançou bem no compasso

De prazer levantou, levantou poeira

Poeira, poeira, poeira

Levantou poeira

Poeira, poeira, (levantou poeira) poeira

Eu disse levantou poeira

Levantou poeira

Poeira, poeira, poeira

(Levantou, levantou) levantou poeira!


A banda termina de tocar e todos a aplaudem.


A tela escureceu.


Corte para a


Cena 29-(Apartamento de Cláudio/Sala de Estar/Interno/Noite)


Lincoln abraça Cláudio e Magno que estão em pé no meio da sala.


Cláudio(sorridente): Boa viagem,meu amigo!


Começou a tocar Tim Maia e Gal Costa - Dia de Domingo.




Lincoln se emociona e pega a mala em cima do sofá.


Lincoln(emocionado): Muito obrigado,pessoal… Vinícius… Eu tô voltando,meu amor.


Magno o abraça e Lincoln sai do apartamento.


Magno(emocionado): Tchau,Lincoln…


A música continuou tocando até o início da cena 33.


Corte para a


Cena 30-(Carro/Interno/Noite)


Lincoln está dirigindo o carro sozinho e coloca seus óculos.


Lincoln(empolgado): Estou voltando,Porto da Solidão!


Corte para a


Cena 31-(Casa de Luana/Sala de Estar/Interno/Noite)


Júlio,Heloísa e Luana estão conversando.


Heloísa(dúvida): Aonde você vai levar meu filho,Júlio?


Júlio ri.


Júlio(rindo): Fique calma,tia…


Luana se incomoda com o comentário. 


Luana(incomodada): Cê respeite minha prima,seu descarado!


Vinícius chega na sala vestido com uma camisa e bermuda branca.


Vinícius(sorridente): Cheguei,gente.


Júlio e Vinícius se abraçam.


Júlio(dúvida): Vamos,Vinícius?


Vinícius(sorridente): Claro que sim… Tchau minha tia e mainha.


Vinícius e Júlio abriram a porta e saíram de casa.


Heloísa(sorridente): Tchau,meu filho… Deus lhe abençoe.


Luana(curiosa): O que será que ele quer com o Vinícius?


Heloísa e Luana ficam em silêncio.


Corte para a


Cena 32-(Porto da Solidão/Rua Principal/Visão Aérea/Externo/Noite)


A câmera mostra um carro preto chegando na rua vazia e estacionando próximo a praia.


Corte para a


Cena 33-(Praia da Solidão/Calçadão/Externo/Noite)


Lincoln sai do carro bastante sorridente e respira fundo.


Lincoln(sorridente): Que cheiro maravilhoso do mar! Mal posso esperar para encontrar o Vinícius.


Lincoln avista Vinícius e Júlio de mãos dadas sentados em um banco e esconde atrás da árvore.


Lincoln(assustado): Ainda bem que não me viram… Mas,o que será que Júlio tá fazendo de mãos dadas com Vinícius?


Lincoln observa de longe Vinícius e Júlio conversando sentados num banco.


Júlio(sorridente): Gostou do passeio,Vinícius?


Vinícius ri.


Vinícius(sorridente): Eu adorei,Júlio… Mas,pra que me chamou aqui?


Júlio pega em sua mão e se ajoelha em sua frente.


Júlio(sorridente): Eu quero saber,Vinícius… Se…


Lincoln continua observando em silêncio.


Júlio(sorridente): Se querer namorar comigo?


Vinícius se surpreende com a pergunta e a câmera foca na reação de Lincoln.


Lincoln(sussurrando): Como é a história?!


A tela congela e fica azulada.









Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.