Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Atos e consequências - Capítulo 21

 




Capítulo 21





CENA 1 (INT Tarde, Apartamento de Sônia, fora do imóvel, próximo a porta)



Dinorah está parada esperando e passa algumas pessoas conversando.



Mulher: (aflita, olha para Dinorah) A moça desse apartamento caiu da janela!



Dinorah/Regina Duarte: (assustada) O quê? Minha Sônia caiu desse andar?



As pessoas saem, entram no elevador e Dinorah

também entra. É possível ver Dinorah conversando com as pessoas que vão alí, logo todos descem na recepção que está bem movimentada. Dinorah (aflita) acompanha as pessoas até fora do prédio, onde várias pessoas lotam o local, ela entra pelo meio das pessoas onde vê os seguranças ao redor de um corpo ferido no chão. Ela percebe que é Sônia e se apavora.



Dinorah/Regina Duarte: (apavorada, fala alto) Não! Minha filha não! Sônia!



Dinorah tenta ir até Sônia mas os seguranças a seguram.



Segurança: A senhora não pode se aproximar.



Dinorah/Regina Duarte: (chorando, desesperada) Ela é minha filha!







CENA 2 (INT Tarde, Apartamento de Sônia)



Brenda está assustada no apartamento e para um pouco, pensativa.



Brenda/Paolla Oliveira: Aquela voz eu conheço de algum lugar.



É possível ouvir sons de sirene por perto e Brenda reage.



Brenda/Paolla Oliveira: A polícia deve vir investigar aqui, preciso sair desse lugar.





IMAGENS DA CIDADE





CENA 3 (INT Tarde, Hospital, recepção)



Sônia é levada na maca pelos médicos do SAMU e Dinorah fica chorando triste. Logo ela vê Soraia ali na recepção.



Dinorah/Regina Duarte: (séria) Soraia!



Soraia/Tais Araújo:
(séria) Dinorah!







CENA 4 (INT Tarde, Mansão Landucci)



Brenda entra em casa vestida de faxineira.



Brenda/Paolla Oliveira: Que droga, ter que vestir essa roupa pra não ser pega.



Ivo chega na sala.



Ivo/Alexandre Borges: Chegou dona Brenda.



Brenda/Paolla Oliveira: Ivo, aconteceu uma coisa horrível.



Ivo/Alexandre Borges:
O que aconteceu?



Brenda/Paolla Oliveira: Acho que matei uma desgraçada.



Ivo/Alexandre Borges: A senhora precisa ter cuidado. Não pode deixar rastros.



Brenda/Paolla Oliveira: Fala o homem que foi preso na primeira oportunidade de matar a Soraia. Não preciso de conselhos.



Brenda vai saindo.



Brenda/Paolla Oliveira: Vou trocar de roupa porque quero visitar minha priminha querida.



Ivo observa Brenda andando e subindo a escada.







CENA 5 (INT Tarde, Hospital, quarto)



Rebeca e Alta estão de pé próximos da cama de Jack, que está desanimado.



Rebeca/Júlia Oliver:
Maninho, precisa reagir. Você é um jovem forte, tem todo um futuro pela frente. E também tem sua faculdade de advocacia. Não pode deixar as pessoas tomarem conta da sua vida.



Jack continua desanimado com a cabeça virada para o lado.



Alta/Vera Holtz: É, precisa virar homem e deixar de besteira. Parar com…



Rebeca/Júlia Oliver: (interrompendo) Vó! A senhora não tá ajudando assim. Para com esse machismo!



Alta/Vera Holtz: Esses pensamentos modernos é que desgraçam o mundo.



Rebeca/Júlia Oliver: Chega vó.



Jack/João Pedro Oliveira: (mal humorado) Saiam daqui!



Alta e Rebeca olham rápido.







CENA 6 (INT Tarde, Hospital, recepção)



Soraia se aproxima de Dinorah que está chorando sentada.



Soraia/Tais Araújo: (séria) Aquela moça que deu entrada é sua neta?



Dinorah/Regina Duarte: (chorando triste) Não.



Soraia/Tais Araújo: Então é sua filha? Você adotou ou teve, do outro marido?



Dinorah/Regina Duarte: (chorando triste) Já chega Soraia! Me deixa!



Adja chega e Soraia vai até ela, ambas se abraçam.



Adja/Juliana Silveira: Amiga, como o Jack está?



Soraia/Tais Araújo: Agora está fora de perigo. Mas ele ele tentou se matar, amiga!



Adja/Juliana Silveira:
Eu sinto muito, amiga.



Próximo dali Dinorah grita ao lado do médico Dr. Fabrício.



Dinorah/Regina Duarte: (chorando desesperada) Nãooooooooo! Minha filha não!



Soraia e Adja e outras pessoas olham o desespero de Dinorah chorando.



Nesse momento Quezio chega e a abraça e segura, ele e Soraia olham um pro outro e se reconhecem.







CENA 7 (INT Tarde, Casa de Soraia e Artur, sala)



Rebeca e Alta entram em casa. Rebeca sobe a escada e Alta senta no sofá e tira o sapato, logo Marta chega ali.



Marta/Alexandra Richter: Ainda bem que voltou cedo porque tem janta pra fazer.



Alta/Vera Holtz: (surpresa) O quê? Acha mesmo que vou passar o resto da vida fazendo trabalho doméstico?



Marta/Alexandra Richter: É isso mesmo, vai aprender a ralar como pobre. Caso contrário, sua família vai saber das suas senvergoices.







CENA 8 (INT Tarde, Hospital, quarto)



Quezio está de pé ao lado de Dinorah que está deitada dormindo na cama. Soraia entra no quarto.



Soraia/Tais Araújo: Como ela tá?



Quezio/Felipe Bragança: O médico disse que ela vai relaxar com o medicamento.



Soraia/Tais Araújo: Que bom. Você sabe o que aconteceu com o Jack?



Quezio/Felipe Bragança: (surpreso) O que aconteceu com ele?



Soraia/Tais Araújo: Ele tentou suicídio.



Quezio/Felipe Bragança: (assustado) Como é?



Soraia/Tais Araújo: Por causa daquele vídeo de vocês, imagino que saiba do que tô falando. Foi você que postou na internet?



Quezio/Felipe Bragança:
Eu vi sim, mas não fui eu, não sei quem pode ter feito aquele vídeo, porque nós não fomos.



Soraia/Tais Araújo:
Ele está no quarto ao lado, se você quiser visitar ele…



Quezio/Felipe Bragança:
Sim, eu vou.



Soraia abre a porta, ambos saem no corredor e chegam em outra na porta. Soraia abre e Quezio entra e Jack vira a cabeça e o vê.



Quezio/Felipe Bragança: Meu amor!














CENA 9 (INT Tarde, Hospital, quarto)



Quezio chega próximo de Jack que está deitado na cama e olha com raiva.



Quezio/Felipe Bragança: Meu amor, o que você fez?



Jack/João Pedro Oliveira: (mal humorado) Vai embora daqui!



Quezio/Felipe Bragança: (surpreso) Quê?



Jack/João Pedro Oliveira: (mal humorado) Vai embora!



Quezio/Felipe Bragança: Porque?



Jack/João Pedro Oliveira: (mal humorado) Foi tudo culpa sua!



Quezio/Felipe Bragança: Do que você tá falando?



Jack/João Pedro Oliveira: (chateado, fala alto) Sai daqui! Não quero te vê.



Jack vira a cabeça para o outro lado e no rosto de Quezio escorre uma lágrima.







CENA 10 (INT Tarde, Hospital, refeitório)



Adja está com Soraia no corredor e Quezio vem triste e chega próximo.



Soraia/Tais Araújo: O que aconteceu meu querido?



Quezio/Felipe Bragança:
Ele não quis me ver.



Soraia/Tais Araújo: Ah meu pai!



Adja/Juliana Silveira:
Ele vai precisar de ajuda psicológica, amiga.



Quezio/Felipe Bragança: Ele acha que eu sou culpado pelo o que aconteceu.



Soraia/Tais Araújo: Você não tem culpa. Ele tem uma parcela, por não se aceitar. E a outra pessoa que vazou o vídeo é quem realmente foi responsável por isso tudo.



Adja/Juliana Silveira: (triste) Esse mundo tá cheio de gente má.







CENA 11 (INT Tarde, Metalúrgica Ferrari, recepção)



Artur chega na recepção com várias pastas.



Artur/Thiago Lacerda: Giovana coloque essas pastas no arquivo.



Giovana está olhando celular e não percebe.



Artur/Thiago Lacerda: Giovana! Você tá me ouvindo?



Giovana se assusta.



Giovana/Vanessa Giácomo: Seu Artur! Desculpa, é que estava vendo uma mensagem aqui.



Artur/Thiago Lacerda: Ok, só quero que coloque essas pastas nos arquivos. E a Sônia, sabe se ela melhorou do mal estar?



Giovana/Vanessa Giácomo: A mensagem que eu tava vendo era justamente sobre ela. A Sônia caiu do quarto andar do prédio que mora.



Artur/Thiago Lacerda: (assustado) O quê? E como ela tá?



Giovana/Vanessa Giácomo: Eu não sei muito seu Artur.



Artur/Thiago Lacerda: Qual o endereço do hospital? Me passa o endereço do hospital que ela tá.







CENA 12 (INT Anoitecer, Mansão Ferrari, quarto de Evandro)



Evandro janta na mesa de seu quarto e Beatriz está sentada em sua cama.



Evandro/Antônio Fagundes: A Catira faz um canja maravilhosa.



Beatriz: É verdade pai.



Evandro continua se alimentando.



Beatriz: A Soraia está no hospital com o Jack.



Evandro/Antônio Fagundes: (preocupado) O que aconteceu com ele?



Beatriz: Tentou suicídio.



Evandro/Antônio Fagundes: O quê? Um jovem como ele com esses problemas.



Beatriz: Pois é pai, o Jack faz faculdade, sai para festas. Não aparentava ter nenhum problema.







CENA 13 (INT Anoitecer, Hospital, refeitório)



Brenda chega no local e vê Soraia sentada, ela vai até ela, ambas se abraçam.



Brenda/Paolla Oliveira: Amiga, eu vim te dar meu apoio. Estou aqui para o que precisar.



Soraia/Tais Araújo: Obrigada. É bom saber que posso contar com você.



Brenda/Paolla Oliveira: Como seu filho está?



Soraia/Tais Araújo: Ele está bem, o médico só pediu para ele ficar alguns dias em observação.



Dinorah chega próxima de Soraia e Brenda ao vê-la, fica em pânico.



Dinorah/Regina Duarte: Oi Soraia, me desculpa por mais cedo.



Brenda tenta esconder a cara ali próximo.



Soraia/Tais Araújo: Sem problemas, Dinorah. Você estava muito aflita.



Dinorah/Regina Duarte: Minha filha caiu do quarto andar do apartamento onde morava.



Brenda fica muito surpresa.



Soraia/Tais Araújo: (preocupada) Meu pai!



Brenda se afasta um pouco.



Brenda/Paolla Oliveira: (surpresa, fala baixo) Não acredito! A Sônia é filha dela, então é minha irmã.



Brenda vai saindo do refeitório olhando para Dinorah.







CENA 14 (INT Anoitecer, Cada de Dinorah, sala)



Álvaro está assistindo TV e Gilvan chega e senta, logo em seguida Isaac também entra em casa.



Gilvan/Paulo Cesar Grande:
Isaac, estava trabalhando até essa hora, meu filho?



Isaac/Benardo Velasco: Sim, pai. Como estive um pouco ausente aí quis terminar logo a encomenda da dona Lúcia.



Álvaro/João Guilherme: Cadê a vovó em? Daqui a pouco é hora de jantar.



Gilvan/Paulo Cesar Grande: A Dinorah me ligou mais cedo. Está no hospital, porque Sônia sofreu um acidente e está em coma.



Isaac/Benardo Velasco:
(surpreso) O quê, pai? Como foi isso?



Gilvan/Paulo Cesar Grande:
Ela caiu do apartamento que tava morando.



Isaac/Benardo Velasco: (preocupado) Coitada da minha irmã.







CENA 15 (INT Anoitecer, Hospital, CTI)



Brenda entra no CTI e vê Sônia entubada.



Brenda/Paolla Oliveira:
Você é minha irmã. Eu quase matei você. Mas eu não sabia que você era minha irmã.



Brenda está com lágrimas nos olhos.



Brenda/Paolla Oliveira: Agora você é um perigo, imagina se você sai falando que eu a contratei para separar a Soraia do Artur.



Brenda pega um travesseiro na estante ali próximo. Logo o Dr. Fabrício entra no local e a surpreende.



Dr. Fabrício/Alexandre Borges:
(sério) O que faz aqui?



Brenda/Paolla Oliveira: (surpresa) Ivo, o que você faz aqui vestido com essa roupa?



Close em Fabrício sério.





Close em Brenda surpresa.



Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.