Type Here to Get Search Results !

Marcadores

PÁGINAS DE FAMÍLIA (REPRISE) - CAPÍTULO 02







Cena 01-(Maternidade Albert Sabin/Sala de Parto 3/Interno/Manhã) 



Maria estava deitada na maca sentindo muita dor e as pernas estavam encolhidas para trás com o joelho indo na direção do queixo.



Maria(reclamando): Tá doendo muito,acho que não vou aguentar...



Lincoln segurou na mão dela. 



Lincoln(esperançoso): Calma,que tudo vai dar certo com nosso filho... 



A enfermeira ficou em frente das pernas dela. 



Enfermeira(séria): Faça um pouco mais de força que dá pra ver a cabecinha dele... 



Lincoln(esperançoso): Vai,você consegue amor...



Maria faz mais força ainda. 



Maria(gritando): Aaiiiiiiiiii! 



O bebe começa a chorar e Maria fica muito cansada. 



Enfermeira(emocionada): Ele nasceu...



Lincoln começa a chorar de emoção.



Lincoln(emocionado): Nosso filho nasceu...

 

 

Maria e Lincoln estavam chorando emocionados e a enfermeira entrega o bebê pra Maria e ela fica com ele no colo. 



Lincoln(emocionado): Ele é muito lindo,amor... 



Maria(emocionado): Vamos cuidar muito bem de nosso Matheus... 



Lincoln(emocionado): Esse é meu pequeno Matheus...



Lincoln dá um beijo no seu filho e a câmera mostra Lincoln e Maria se beijando

 

Cena 02-(Casa de Inácio/Quarto de Hóspedes/Interno/Tarde) 



Ingrid estava no quarto arrumando as roupas e colocando no guarda roupa. 



Ingrid(dúvida): Aonde será que esse Ismael se escafedeu?



Ingrid continua guardando as roupas e Ismael entra no quarto vestindo uma sunga azul e sem camisa. 



Ismael(dúvida): Amor? 



Ingrid vira de costas e  vê Ismael com a sunga azul e sem camisa.



Ingrid(dúvida): Você vai pra praia?



Ismael ri. 



Ismael(feliz): Não, mas quem sabe um dia a gente vá... Enfim,na verdade vamos tomar banho de piscina...



Ingrid(dúvida): Não sei se deixaram a gente entrar na piscina,amor? 



Ismael(feliz): Fique tranquila,que já falei com Inácio e ele falou que podemos tomar banho quando a gente quiser...



Ingrid se levanta da cama e dá um beijo em Ismael. 



Ingrid(feliz): Você é o amor da minha vida,sabia?



Ismael ri.



Ismael(sorridente): Eu sei disso... Mas,você viu o nosso filho? 



Ingrid(feliz): Ele está tomando banho...



Ismael(sorridente): Eu vou lá falar com ele... 



Ingrid(feliz): Pode ir,que a porta está destrancada...



Ismael dá um abraço nela e vai em direção ao banheiro.



Ingrid(dúvida): Aonde será que está meu biquíni? 



Ingrid abre a gaveta e começa a procurar.



Ingrid(séria): Deve tá aqui em algum lugar...

 


Cena 03-(Clínica Médica/Consultório 3/Interno/Tarde) 



Doutor Cícero estava sentado na cadeira e Inácio entrou no consultório. 

 



Cícero(feliz): Pode entrar,seu Inácio...



(Doutor Cícero: Lima Duarte)



Inácio entra e se senta na cadeira. 



Inácio(sério): Eu vim,buscar o resultado dos meus exames de rotina...



Cícero(sério): Me diz uma coisa,tem algum tempo que você está sentindo algo fora de comum acontecendo, enquanto o senhor urina?



Inácio(sério): Percebi que tem uns 2 anos que estou tendo muita dificuldade para urinar...



Cícero(sério): E vem acompanhada com sangue?



Inácio faz sinal de sim com a cabeça.



Cícero(sério): Você fez exame de próstata ano passado? 



Inácio fica em silêncio.



Inácio(sério): Na verdade, tem uns 5 anos que eu não tô indo fazer exame de próstata... 



Cícero(reclamando): Seu Inácio! Você vai saber que não pode vacilar no exame de próstata...



Inácio(sério): Isso foi descuido meu... Mas, pode me falar o que tá acontecendo comigo?



Cícero respira fundo. 



Cícero(sério): Olha,espero que você seja forte,tá?



A câmera foca em Inácio ficando ansioso.



Inácio respira fundo. 



Inácio(ansioso): Pode falar,que seja o que for eu vou aguentar...



Cícero(sério): Quando fiz o exame do toque,percebi uma alteração no tamanho da sua próstata e isso não é um bom sinal...



Inácio fica surpreso. 



Inácio(surpreso): O senhor,não está querendo dizer que eu estou... 



Cícero(sério): Infelizmente,o senhor está com câncer de próstata...



Inácio levantou da cadeira bastante surpreso.



Inácio(surpreso): Não tô acreditando que isso aconteceu...



Inácio começa a andar de um lado pro outro.



Inácio(desesperado): Eu vou morrer,meu Deus do Céu...



Inácio começou a chorar.



Cícero(sério): Calma,seu Inácio... Que seu câncer ainda está na fase inicial e tem como ainda reverter essa situação com tratamento...



Inácio para de chorar. 



Inácio(esperançoso): Tem como?



Cícero faz um sinal de sim com a cabeça. 



Cícero(sério): Tem sim,podemos começar o tratamento o mais rápido possível...

 

 

Cena 04-(Casa de Inácio/Quarto de Lincoln/Interno/Noite) 



Inácio chega no quarto de Lincoln que estava deitado na cama assistindo televisão que estava passando o jornal da noite.



Inácio(dúvida): Filho?



Lincoln se levanta da cama e desliga a televisão.



Lincoln(sorridente): Oi,painho... Abença...



Inácio(triste): Deus lhe abençoe,meu filho...



Lincoln olha pro seu pai que estava triste.



Lincoln(estranhando): O que tá acontecendo com você,painho? 



Inácio(triste): Eu tenho algo bem sério pra falar com você...



Lincoln(sério): Pode falar,painho...



Inácio(dúvida): Lembra que eu fui hoje fazer os exames de rotina?

 

Lincoln(sério): Lembro sim,painho... Alguma coisa tá errado com você?



Inácio respira fundo e se emociona.



Inácio(emocionado): Eu tô com câncer de próstata...



Lincoln se surpreende e a câmera mostra ele olhando pro seu pai bastante emocionado.

 

Cena 05 -(Casa de Inácio/Sala de Estar/Interno/Manhã) 



Mário e Lincoln estavam sentados no sofá conversando. 



Lincoln(dúvida): Então,me diga quando será a viagem pra Londres? 



Mário(apreensivo): Então,a viagem será hoje a tarde...



Lincoln fica surpreso. 



Lincoln(surpreso): Não sabia que você ia hoje para Londres...



Mário(sério): Pois é... Eu vim pra cá,me despedi de você meu amigo... 



Começou a tocar James Blunt- Same Mistake. 

 

Lincoln e Mário se abraçam felizes. 



Lincoln(feliz): Se preocupa não que vamos ir ao aeroporto nos despedir de você. 



Mário(surpreso): Jura? 



Lincoln(feliz): Eu vou falar com a Maria pra irmos pro aeroporto te levar pra não precisar ir de táxi... 



Mário(sorridente): Muito obrigado,Lincoln... Olha,o vôo é às 4 horas da tarde... 



Lincoln(sorridente): Eu falo com ela sobre levar você ao aeroporto... 



A câmera corta para a Maria descendo as escadas indo em direção a sala. 



Maria(séria): Não precisa falar...



Os dois ficam surpresos. 



Lincoln(surpreso): Eu não sabia que estava aqui na sala? 



Maria(sorrindo): Eu ouvi tudo que ele falou e com certeza,vou te levar ao aeroporto...



Mário se levanta e abraça Maria. 



Mário(sorrindo): Muito obrigado,Maria...



Maria(sorrindo): De nada,Mário... Todo amigo do meu Lincoln também é meu...



Mário(sorrindo): Então,obrigado mesmo pela sua carona...



Lincoln(dúvida): Você já vai pra casa? 



Mário(feliz): Já... Eu vou terminar de arrumar as malas em casa e quando estiver chegando eu ligo pra você... 



Maria(sorrindo): Até daqui a pouco,Mário... 



Mário se levanta e abraça Maria e depois abraça Lincoln e vai em direção a porta. 



Mário(sorrindo): Então,tchau..



Lincoln e Maria(sorridentes): Tchau,até mais tarde... 



Mário fecha a porta e sai da casa. 



Maria(sorridente): Eu gostei do seu amigo,ele é uma pessoa maravilhosa e simpática...



Lincoln(dúvida): Eu também gostei,meu amor... Mas,quando será o casamento? 



Maria ri. 



Maria(rindo): Calma,Lincoln... Tudo é no seu tempo certo... Ainda falta uns  4 dias pra chegar dia 11...



Lincoln(ansioso): Eu sei disso,mas minha ansiedade está batendo à mil...



Maria e Lincoln dão um selinho. 



Maria(sorridente): Agora,vou pra cozinha ajudar a Ingrid a fazer o almoço...



Lincoln olha o relógio analógico que está marcando 12 horas. 



Lincoln(sorridente): Pois é... Já são meio-dia e ponto e estou morrendo de fome... 



Maria ri muito. 



Maria(rindo): Então,vou indo pra cozinha e se estiver me procurando eu estou lá,ok? 



Lincoln(feliz): Sim,meu amor...



Maria vai pra cozinha e Lincoln se senta no sofá e ele pega a foto que está ele,Mário e Maria no chá de revelação. 



Lincoln(feliz): Eu te amo,Mário... Você e a Maria são as mais importantes da minha vida inteira...

 

Cena 05 -(Avenida São Cristóvão/Externo/Manhã) 



Alguns dias depois... 



O trânsito estava movimentado com muitos carros e ônibus passando e um com letreiro Estação Mussurunga passa no ponto de ônibus. 



Corte para a 



Cena 06-(Casa de Inácio/Quarto de Lincoln/Interno/Manhã) 



Lincoln e Inácio estavam no quarto se arrumando pro casamento,vestidos com roupas sociais…



Lincoln(sorridente): Estou  ansioso,pra ir ao cartório me casar com Maria... 



Inácio(sorridente): Eu também... Espero que vocês dois sejam muito felizes... 



Lincoln está passando um perfume no corpo. 



Inácio(sorridente): Eu não entendo por que não se casa com ela no religioso? 



Lincoln(sorridente): Ah,painho... Eu não gosto muito de casar na igreja por vários motivos. 



Inácio(sério): Meu filho,na minha época me casei com sua avó na igreja do senhor do Bonfim em 1959...



Lincoln(sério): Lembro,que você me mostrou as fotos de você e mainha se casando...



Inácio(emocionado): Eu sinto falta dela aqui com a gente...



Lincoln se emociona e abraça Inácio. 



Lincoln(emocionado): Se preocupa não,painho... Que mainha está vendo tudo de lá de cima...



Inácio(sorrindo): Ela ficaria orgulhosa de ver você se casando,meu filho...



Lincoln(dúvida): Hoje você não vai trabalhar? 



Inácio(rindo): Não,eu tô de folga e só volto na segunda-feira,seu maluco...



Os dois riram felizes. 



Lincoln(sorridente): Bora descer,que a Maria deve estar nos esperando pra ir ao cartório...



Inácio(sorridente): Bora,filho... 



Os dois saíram do quarto. 

 

Cena 07-(Casa de Inácio/Varanda/Externo/Manhã) 



Tinha dois carros estacionados e eles saíram da casa e foram em direção aos carros. 



Lincoln(ansioso): Espero que não tenha engarrafamento nenhum...


Cena 08-(Cartório Brotas/Sala 10/Interno/Tarde) 



Helena,Simone,Tadeu,Larissa,Henrique,Inácio e Carol estavam no local esperando os noivos. 



Helena(dúvida): Cadê os noivos que até agora não chegaram? 



Carol(séria): Devem ter pego algum engarrafamento...



Inácio(sério): Espero que não,porque o juiz de paz está aí esperando... 



Larissa(dúvida): Papai? 



Henrique(sério): Fala,filha... 



Larissa(sorrindo): O Tadeu quer te dar um abraço,painho...



Tadeu(feliz): Vem cá,papai! 



Henrique abraça Tadeu. 



Henrique(feliz):Vocês dois são importantes na minha vida...



Simone dá um selinho em Henrique. 



Simone(sorrindo): Você também faz parte da minha vida... 



Carol(séria): Acho que chegaram... 



Ismael,Ingrid e João chegam na sala. 



Ismael(sorrindo): Boa tarde,a todos...



Todos(sorridentes): Boa tarde... 



Ingrid(séria): Desculpe o atraso,tivemos um problema de comprar arroz pra jogar nos noivos e eu acabei me esquecendo...



Todos riram. 



Helena(feliz): Fique tranquila,tudo deu certo querida... 



Juiz da Paz(dúvida): Com licença,os noivos já chegaram? 



Helena(séria): Sim,senhor juiz... 



Juiz da Paz(dúvida): Então,bora começar? 



Helena(sorridente): Sim!



Juiz da Paz(sério): Todos se sentam que vamos começar o casamento...



Todos se sentam nas cadeiras.

 

A câmera mostra todos de pé olhando por corredor e Lincoln e Maria entram juntos felizes. 



Carol pega a câmera fotográfica e começa a tira foto do casal. 



Helena(sussurrando): Faz as cópias da foto pra mim,tá? 



Carol(sussurrando): Certo, Helena. 



Juiz da Paz(sério): Boa tarde...



Todos(sérios): Boa tarde...



Juiz da Paz(sério): Bem,estamos aqui pra unir Lincoln Ferreira com Maria Florença nesse cartório... 



Juiz da Paz(sério): Bem,Maria Florença aceita Lincoln Ferreira como seu legítimo esposo? 



Maria(sorridente): Aceito...



A câmera mostra Inácio emocionado. 



Juiz de Paz(sério): Lincoln Ferreira você aceita Maria Florença como sua legítima esposa? 



Lincoln(sorridente): Eu aceito... 



Juiz da Paz(sério): Bem,antes de assinar vocês vão trocar as alianças. 



João leva as alianças e dá pros noivos. 



Lincoln pega a aliança e pega no dedo de Maria. 



Juiz da Paz(sério): Bem,seu Lincoln agora você vai repetir tudo que eu falar,ok? 



Lincoln(sorridente): Ok...



Juiz da Paz(sério): Eu... 



Lincoln(sério): Eu...



Juiz da Paz(sério): Lincoln Ferreira. 



Lincoln(sério): Lincoln Ferreira... 



Juiz da Paz(sério): Aceito Maria Florença na saúde,na doença,na riqueza e na pobreza...



Lincoln(sério): Aceito Maria Florença na saúde,na doença,na riqueza e na pobreza... 



Lincoln coloca a aliança no dedo de Maria que está emocionada. 



Juiz da Paz(sério): Agora é sua vez,senhora... 



Maria pega a aliança e pega a mão de Lincoln. 



Juiz da Paz(sério): Eu... 



Maria(emocionada): Eu...



Juiz da Paz(sério): Maria Florença aceito Lincoln Ferreira na saúde,na doença,na pobreza e na riqueza...



Maria(emocionada): Eu,Maria Florença aceito Lincoln Ferreira na saúde,na doença,na pobreza e na riqueza...



Ela colocou o anel no dedo dele. 



Juiz da Paz(sério): Agora,pode assinar seus nomes... 



Lincoln pega a caneta e assina seu nome na caderneta. 



Inácio(emocionado): Que orgulho de você... 



Maria(séria): Agora,minha vez...



Maria assina seu nome na caderneta. 



Juiz da Paz(sério): Eu vos declaro casados perante a lei...

 

Corte para a 



Cena 09 -(Praia de Itapuã/Externo/Manhã) 



A câmera mostra Lincoln e Maria na praia tomando banho de mar e Maria dando um beijo no bebê e eles levantam as mãos felizes e a câmera sobe aos poucos e na tela aparece. 



2 meses depois... 



A câmera desce aos poucos pra praia e Mostra Lincoln e Maria abaixando os braços. 



Lincoln(feliz): Estou tão feliz! 



Maria dá um selinho em Lincoln. 



Maria(sorridente): Eu também,amor...



Lincoln(sorrindo): Estamos juntos há uns 2 meses...



Maria ri. 



Maria(feliz): Pra você ver que o tempo passou voando...



Lincoln(dúvida): Verdade. Bem,vamos pra casa agora? 



Maria(sorrindo): Sim,vamos...



Os dois saíram da praia e a câmera mostrou a movimentação da praia. 

 

Cena 11-(Condomínio Barra Lighthouse/6°Andar/Apartamento 300/Sala de Estar/Interno/Noite) 



Mauro entra no apartamento que está escuro. 



Mauro(gritando): Oh,Carol? 



Mauro fecha a porta. 



Mauro(sério): Ela já deve ter ido embora...



Helena acende a luz da sala e Mauro se assusta. 



Mauro(assustado): Aí,Amor! Que susto,achei que fosse assombração! 



Helena está de pé em silêncio olhando pra ele.



Mauro(dúvida): O que está acontecendo com você,Helena? 



Mauro(gritando): Você está muda,é? 

 

Helena(triste): Muda,não... Mas, estou decepcionada e muito com suas atitudes.



Mauro(dúvida): Decepcionada,por que Helena? 



Helena(irritada): Você ainda vem com sua cara de pau,me dizer que você não sabe porque eu estou triste com você? 



Mauro(furioso): Não tenho culpa,que falei todas as verdades na cara desses seus amiguinhos de classe média? 



Helena vai na direção dele. 



Helena(irritada): Que verdade? Você fez aquela presepada pra rua toda ver você humilhando os dois por motivos fúteis e idiotas só por eles não terem o mesmo poder aquisitivo que você e eu temos...



Mauro muda o tom de voz. 



Mauro(furioso): Motivos fúteis,como? 



Helena(gritando): Fala baixo pro nosso filho não acordar! 



Mauro(gritando): Falo alto do que jeito que eu quiser,esse apartamento é meu! 

 

Helena(gritando): Quer saber de uma coisa,eu não aguento mais você! 



Mauro ri. 



Mauro(rindo): Vai querer se divorciar,Helena? 



Helena(furiosa): Se você continuar me tratando assim,vou me separar de você!



Mauro ri. 



Mauro(gritando): Você pensa,que vai ficar com uma parte de minha fortuna? 



Helena ri. 



Helena(gritando): Tô pouco me lixando pra essa sua fortuna,eu quero minha paz e meu filho longe disso pra não se tornar esse homem tóxico que é você! 



Mauro se aproxima dela.



Helena(preocupada): Para, Mauro! 



Mauro(gritando): Paro nada! Você é casada comigo,me deve obediência por ser o homem dessa casa.



Mauro levanta a mão e a câmera foca numa parede com a sombra dos dois. 




Helena(furiosa): Seu monstro!



A câmera mostra Francisco começando a chorar ao ver seu pai dando um tapa na sua mãe. 



Francisco(chorando): Chega! 



Os dois param de discutir e olham pra Francisco que está chorando. 



Francisco(chorando): Eu não quero ver vocês brigando! 



Francisco sai da sala chorando. 



Helena(chorando): Francisco? 



Helena vai atrás dele correndo e a câmera focou em Mauro com muita raiva. 

 

Cena 12-(Casa de Inácio/Sala de Estar/Interno/Manhã) 



Maria e Lincoln estavam na sala assistindo televisão e a campainha tocou. 



Maria(dúvida): Quem será que está na porta?



Maria dá um beijo em Lincoln e se levanta logo em seguida. 



Maria abre a porta e era Cida,sua mãe, que estava com um vestido amarelo e uma sacola na mão. 



Cida(sorridente): Bom dia,minha filha!



(Cida: Neusa Borges)



Maria fica surpresa. 



Maria(surpresa): Mainha? 



Lincoln olha pra porta e fica surpreso e a câmera mostra a reação de Maria e depois mostra Cida sorridente na porta. 

 

Cena 13-(Condomínio Barra Lighthouse/6°Andar/Apartamento 300/Sala de Estar/Interno/Manhã) 



Helena entra no apartamento e ela vê Mauro sentado na mesa da sala tomando café. 



Mauro(sorridente): Bom dia,amor... 



Helena(ríspida): Bom dia,Mauro...



Mauro(dúvida): O que foi,amor? 



Helena(indignada): O que foi? Você acha que eu esqueci do tapa que você me deu ontem?



Mauro(irritado): Esqueça isso,amor! Eu estava descontrolado na hora e você sabe que eu te amo...



Helena ri. 



Helena(irônica): Sei sim,que "amor" você me dá...



Mauro pega o jornal e começa a ler e Helena se senta no sofá pra ver televisão que está passando Globo Rural.



Mauro(sorridente): Vamos agora, ver as notícias do dia...



Mauro começa a ler o jornal em silêncio. 



Mauro(dúvida): Cadê a Carol,Helena? 



Helena(sério): Esqueceu que hoje é domingo,seu abestalhado! 



Mauro ri. 



Mauro(surpreso): Olha... Eu fico impressionado como você deixa ela a vontade nessa casa,viu? 



Helena(séria): E me diga,como eu devo tratar ela? Como um bicho,é? Esqueceu que domingo ela não trabalha?



Mauro(sério): O problema,não é esse... Mas,você esqueceu que é uma empregada e não sua amiga! 



Helena ri. 



Helena(séria): Continue lendo seu jornal,e me esqueça antes que eu faça uma besteira com você...



Mauro volta a ler o jornal,e começa a rir sem parar e Helena olha para Mauro sem entender o motivo da risada.

 

Cena 14-(Rua Chile/Praça Castro Alves/Externo/Tarde) 



Mauro estava andando na rua conversando ao celular.



Mauro(irritado): Cadê você,mulher?



A voz misteriosa ri. 



Voz Misteriosa(rindo): Calma,lindo... Te encontro perto da Praça Castro Alves...



Mauro continuou andando falando no celular.



Mauro(sorridente): Eu estou chegando agora...



A câmera cortou para as pernas da mulher com vestido vermelho curto. 



Mauro se aproxima dela. 



Mauro(sorridente): Oi,gostosa... 



Mauro deu um beijo nela. 



Mulher misteriosa(rindo): Você beija bem,sabia?



Mauro(desejando): Não tô aguentando de tanto desejo... Estou com vontade de te pegar...



Mauro pega na mão da mulher.



Mulher misteriosa(dúvida): Você é maluco? Se alguém pega a gente? 



Mauro ri. 



Mauro(ofegante): Se preocupa não... Que vamos depois pro Motel perto daqui pra terminar os trabalhos...

 

Cena 15-(Rua Chile/Externo/Tarde) 



Maria e Cida estavam descendo a ladeira da Rua Chile onde um cara passa de bicicleta.



Cida ri. 



Cida(sorridente): Olha,filha... Essa cidade realmente é maravilhosa como você me falava...



Maria ri. 



Maria(sorridente): Sabia que a senhora ia gostar de visitar o centro histórico de Salvador...



As duas andam até que Cida para em frente a uma barraca de um ambulante. 



Cida(dúvida): É,com licença? 



Ambulante(sorridente): Bom dia,senhoras...



Maria e Cida(sorridente): Bom dia...



Cida começa a se abanar. 



Cida(incomodada): Está um calor pior que o Deserto do Saara no verão...



Maria(dúvida): Quanto custa a garrafa de água,moço? 



Ambulante(sério): É 1 real...



Cida abre a bolsa e pega 1 real e deu pro ambulante. 



Cida(sorridente): Tá aqui,moço...



Ambulante(sorrindo): Obrigado moça e aproveite as maravilhas que Salvador lhe oferece... 



Ela abre o isopor e pega uma garrafa de água e dá pra Cida. 



Cida(sorridente): Muito obrigada,moço...



Ambulante ri. 



Ambulante(sorridente): De nada,senhora... E tenha uma ótima tarde...



Cida(sorridente): Pra você também. 



A câmera mostra Maria virando por outro lado de rua e vê de longe um homem e uma mulher se beijando. 



Maria(incomodada): O respeito se acabou mesmo! Não tem motel pra fazer isso... e precisa fazer em plena rua? 



Maria vê Mauro beijando a mulher e se surpreende. 



Maria(surpresa): Eu não tô acreditando no que eu tô vendo? 



Cida(dúvida): Não acredita o que?



A câmera mostra Maria chocada olhando para Mauro e a mulher se beijando e depois a câmera corta para Cida olhando para o outro lado da rua segurando a garrafa de água. 



A tela congela e fica parecendo uma página de um livro e embaixo aparece uma frase. 



E assim a vida continua... 


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.