Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Mudanças da vida - Capítulo 12 (reprise)

 

Capítulo 12

No capítulo anterior Erika deu um fora em Lucas. Camila joga na cara de Josivan o que ele

mandou fazer. João e Simone ficaram próximos mas ela não deu MUITA esperança porque

ele sente.Sandra Viu pela câmera o que seu marido e sua amante conversavam.

No capítulo de hoje Sandra conversa com Lucas sobre a traição de seu pai e pede pra ele

não falar nada. No desafio Patrícia tropeça em uma pedra e bate a cabeça em uma árvore,

deixando -a inconsciente por algumas horas. Josivan chega em casa e acaba discutindo

com Erika. Elisângela vai ao colégio e conversa com a diretora sobre uma oportunidade de

voltar a estudar. É marcado o dia do Julgamento de Vladimir e Suzana se apressa em

busca de provas a favor do acusado. Lucas se abre com a sua mãe sobre gostar de Erika.

Cena 1: ( Patrícia corredor tropeça em uma pedra que cai e bate a cabeça em uma árvore)

Simone: ( correndo/ na trilha)

- Vamos Patrícia estamos quase lá

Patrícia: ( correndo/ cansada)

- Estou cansada e não posso correr mais do que isso.... ( cai e bate a cabeça)

Simone:

- Vamos Patrícia, o que houve mulher?

- meu Deus, o que houve?

- Socorro! Alguém me ajuda ?

Corta p/ cena 2:

( Josivan chega em casa e Erika querida sobre a carta de sua mãe, porém ele se irrita e fala

grosserias com ela)

Erika: ( suspeita)

- onde estava o papai?

Josivan: ( irritado)

- Não te interessa

Erika: ( tensa)

- Você nunca falou comigo assim antes, tem a ver com a carta da mamãe?

Josivan: ( furioso)

- Não é da sua conta, você tá igual a ela sempre pegando no meu pé sua irritante.

Erika: ( tensa)

- Nossa! quanta grosseria nem parece o homem que é meu pai

( Josivan se tranca no quarto)


Érika: ( chora)

- o que aconteceu com ele, nunca se dirigiu a mim com essa grosseria.

Corta p/ cena 3:

(No colégio Elizângela conversa com a diretora sobre voltar a estudar)

Elisângela: ( colégio/ tarde)

- Boa tarde

- Senhora Carmela, eu gostaria de terminar os estudos, queria saber se tem supletivo a

noite?

Diretora: ( surpresa(

- Boa tarde

- Ainda não demos início ao supletivo mas você pode deixar sua inscrição feita que lhe

comunicaremos quando começar.

Diretora:

- Você preenche esse formulário e danos continuidade sua inscrição.

- Você fica aí, vou tomar uma água já retorno.

Elisângela: ( olhar malicioso)

- ok.

( diretora sai)

- Preciso encontrar onde está?

( procurando documentos)

- onde está o arquivo dela?

- Droga! ela já chega e não tenho tempo.

( procura no armário de arquivos)

- achei, então essa é ela, legal! ( sorri, sarcástico)

Diretora:

- Cheguei, e aí deu certo?

Elisângela: ( maliciosa/ disfarça)

- Sim, tome.

- Obrigada pela oportunidade .

( ela sai, com olhar malicioso)

Corta p/ cena 4:

( Simone chora por que Patrícia não reage)

Simone: ( trilha/ chorando/ preocupada)

- Meu Deus ela não acorda, será que ela morreu.


- Socorro!! Socorro!! Alguém me ajuda!

Corta p/ cena 5:

( na mansão melo Sandra chama Lucas e conversa com ele sobre seu pai)

Sandra: ( no quarto/ tarde/ calma)

- Lucas, filho vem cá

Lucas: ( se assusta)

- Aconteceu alguma coisa mãe?

Sandra: ( calma)

- Filho preciso te contar algo, mais quero que prometa você ouvir não comenta com

ninguém

Lucas: ( preocupado)

- O que foi mãe, tô preocupado.

Sandra: ( com lágrimas no olho)

- Filho! Seu pai tem uma amante.

Lucas: ( muda o olhar)

- Como é que é? ela tá traindo a Senhora?

Sandra: ( a lágrima desce)

- Sim filho, mas quero que você me prometa não contar nada pra ele.

Lucas: ( lágrima no olho)

- Mais mãe isso é grave ele não tem esse direito, você sempre foi tão correta com ele, não

consigo acreditar

Sandra: ( sorrir e abraça o filho)

- Não quero que você o odeie, ele é seu pai e merece respeito.

Lucas: ( chorando)

- Como não ficar com raiva dele, ele chega todo dia como se nada tivesse acontecendo.

- Como a senhora descobriu isso?

Sandra: ( enxugando as lágrimas)

- Faz alguns dias, eu os peguei beijando na frente do hotel.

- Eu já desconfiava

Lucas:

- Quem será essa mulher?

Sandra:

- O filho no momento não posso revelar quem é.

- Só quero que você não comente com ninguém


Lucas: ( calmo)

- Tudo bem mãe, mas só não garanto olhar pra ele todo dia sem me lembrar do que ele tá

fazendo.

Sandra: ( abraça o filho)

- Desculpa, filho não está presente com você esse tempo.

- Mais quanto a você, onde esteve pela manhã ?

Lucas: ( triste)

- Foi na casa da Érika falar sobre o que houve entre o meu pai e o dela em questão a carta.

Sandra: ( olhar fixo)

- E o que ela disse?

Lucas: ( semblante desviado)

- Me tratou mal.

Sandra: ( sorrir fixamente)

- Impressão minha ou você tá gostando dela?

Lucas: ( triste)

- Nem sei ela só me dar patada que isso me aflige muito

Sandra:

- Eu conheço seu comportamento, talvez você a tratou com indiferença e ela reagiu à altura.

Lucas:

- reconheço, foi sim, foi muito ignorante com ela e os amigos dela, a envergonhei, a fiz mal,

a critiquei em público.

Sandra:

- Foi muita coisa assim?, agora você tem que consertar o que você fez se você realmente

gosta dela, luta para conquistá-la

Lucas: ( afetivo)

- Obrigada mãe, te amo muito.

Sandra: ( sorrir)

- Eu também.

Corta p/ cena 6:

( Suzana recebe uma ligação e é marcada o dia do julgamento de Vladimir, ela fica pasma,

por não ter prova o suficiente )

Suzana: ( escritório/ entrando noite)

- Alô, não?

- Sim, sou a advogada desse caso.


- Ok!

( desliga o telefone)

- Meu Deus, ainda não tenho prova o suficiente preciso me apressar.

Corta p/ cena 7:

( Na trilha Simone fica apavorada e não sabe o que fazer e corre atrás de ajuda)

Simone: ( desesperada)

- Alguém aí por favor, meu Deus cadê esse povo que não me escuta

- Socorro!! Socorro!

( João está por perto e ouve)

João: ( assusta)

- Eu conheço essa voz, é da Simone, será o que aconteceu?

Simone: ( grita)

- Socorro!! Socorro!

João: ( correndo)

- Preciso chegar mais perto

- Alguém aí? Simone é você?

Simone: ( grita/ desesperada)

- Alguém aí, sou eu Simone preciso de ajuda.

João: ( corre)

- Lá está ela

- Oi Simone, aconteceu alguma coisa aí?

Simone: ( assustada corre)

- Sim, Patrícia bateu a cabeça em uma árvore e está inconsciente desde cedo e não

retorna, estou muito assustada.

João: ( preocupado)

- A calma ela tá respirando, vai ficar bem, não precisa mais se apavorar.

Simone: ( preocupada)

- Mas já tá ficando de noite e precisamos voltar pro acampamento.

João:

- Estamos um pouco longe e vamos ter que acampar por aqui msm. Ela é muito pesada e

não daria certo de noite.

Simone: ( olha fixamente)

- Obrigado João


Corta p/ cena 8:

( No acampamento Luan fica preocupado por que João seu parceiro sumiu, e professor

acha melhor amanhecer o dia)

Luan: ( preocupado)

- Professor João não voltou, e nem as meninas aconteceu alguma coisa

Prof:

- Não posso fazer nada essa área aqui é muito perigosa a noite não posso arriscar a vida de

vocês

Corta p/ cena 9:

( amanhece o dia)

( a cena mostra o relógio passando e a Música de abertura tocando)

( todos no acampamento estão se preparando pra ir às buscas por João e as duas meninas,

mais eles aparecem)

Prof:

- Vamos pessoal

João:

- Não precisa, estamos bem .

Luan: ( preocupado)

- O que aconteceu, vocês se perderam?

Simone: ( calma)

- Foi a Patrícia que tropeçou e caiu e ficou inconsciente por horas, mais João estava por

perto e veio ajudar, mas como estava de noite decidimos passar a noite por lá até que a

Patrícia recuperou os sentidos.

Prof:

- mais temos que ir embora, e você Patrícia tem que ir ao médico pra ver se não ficou

alguma sequela.

Patrícia: ( agradecida)

- Obrigada vocês dois por me salvarem.

Corta p/ cena 10:

( Lucas tem uma idéia e resolve mandar presentes anônimos para Erika)

Lucas: ( alegre)

- Mãe Hoje enviei um buquê de flores para Erika mais não coloquei meu nome

Sandra: ( contente)


- Legal filho, mais não se decepcione se caso ela rejeitar .

( Miguel chega no almoço )

Miguel: ( sério)

- Hoje resolvi vim almoçar com minha família.

Sandra: ( séria)

- Lembrou que tem uma família?

Miguel:

- Não começa Sandra por favor

- e você Lucas quando volta pro colégio?

Lucas: ( estranha)

- O que aconteceu com você? amanhã já retorna

Miguel:

- não posso mais me preocupar com minha família não?

Corta p/ cena 11:

( Erika recebe as flores e estranha)

Empregada:

- Srita. Erika chegou essas flores para você?

Erika: ( suspeita)

- Você sabe quem as trouxe?

Empregada:

- Não, só o florista que entregou.

Josivan: ( Sério)

- Abre o cartão e ver de quem se trata

Erika:

- o cartão só diz " para a princesa mais linda que existe" e não tem assinatura.

- Obrigada Maria, você pode colocar num vaso no meu quarto.

Josivan: ( sério)

- Vai aceitar um presente de qualquer um?

Erika: ( Sarcástica)

- Pelo menos tem consideração por me ao contrário de outros que conheço.

Josivan: ( suspeito)

- Por acaso é pra me essa indireta?


Erika: (tranquila)

- Se a carapuça serviu não posso fazer nada.

( levanta e sai pro quarto)


Corta p/ cena 12:

( No hotel Miguel diz pra amante que sua família tá fria com ele)

Elisângela:

- Tá sério por que amor?

Miguel: ( sério)

- Minha família de ontem pra cá tem se mostrado frios comigo

Elisângela:

- Talvez eles já saibam da gente.

Miguel: (.espantado)

- acho que não, se não, Sandra já havia armado um escândalo.

Elisângela: ( olhar de maldade)

- Se você quiser, minha irmã tem umas ótimas idéias pra esse tipo de gente.

Miguel:

- o que por exemplo?

Elisângela:

- uma visita em forma de castigo.

( A imagem congela e se quebra)

Continua…

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.