Type Here to Get Search Results !

Marcadores

REBELDE PARA SEMPRE - Capítulo 06

 


Web novela de: EZEL LEMOS


CAPÍTULO 6

NO CAPÍTULO ANTERIOR:

Maura visita Moana na pensão;

Moana é rude com Ricky quando ele vai fazer uma entrega em sua casa;

Dimmy cai da cama ao tentar transar com Mabel;

Ricky se envolve em um acidente com Moana;

VEJA AGORA O CAPÍTULO DE HOJE:


CENA 1

(EXT: Karla e Ricky estão em uma praça conversando)


Karla: Sim, uma banda. Você canta muito, é muito talentoso.


Ricky: Bem, isso sempre foi meu sonho, cantar profissionalmente. Mas uma banda não tava nos meus planos.


Karla: Mas banda com vários integrantes é bom porque aí une vários talentos. 


Ricky: Isso é verdade.


Karla: Então, você aceita?


Ricky: Aceito sim, eu não tô fazendo nada, só cantando nas ruas. É claro que eu aceito.


Karla: (feliz) Ai que bom,, então, agora precisamos escolher um nome para a banda. E procurar mais 2 para completar nossa banda. Vai dar tudo certo.


(Ambos se abraçam sorridentes, um celular toca)


CENA 2

(INT: Pós quase atropelamento em frente ao shopping, Moana e Ricky discutem)


Moana: (chateada) Peraí você não é aquele entregador maluco que foi lá em casa, ontem?


Ricky: Maluco? Você que é maluca que atravessou a rua com sinal aberto.


Natany: (surpresa) Vocês se conhecem?


Moana: Sim, ele foi entregar alguma coisa lá em casa, ontem.


Ricky: Foi verdura tá, mas você é muito mimadinha mesmo né, não sabe nem o que se compra em casa.


Moana: Mimadinha?


(Moana parte para cima de Ricky dando tapas nele)


Moana: Seu idiota, você é um nojento.


Ricky: Me solta sua louca.


(Natany puxa Moana, várias pessoas observam de longe)


Natany: Moa para com isso, você tá me envergonhando com esse barraco. Vamos embora, vamos, tem várias pessoas olhando.


(Natany sai puxando a irmã que ainda quer voltar)


Ricky: (sozinho no local subindo na moto) Eu em! Menina irritadinha.


CENA 3

(INT: Casa de Dimmy, café da manhã, Dimmy chega a mesa de moletas)


Heloísa: Filho, porque não me pediu ajuda?


Dimmy: Não precisa mãe.


Heloísa: E a Mabel?


Dimmy: Ela saiu cedo, tinha umas coisas para resolver.


Heloísa: Dimmy, o que aconteceu ontem a noite, eu ouvi gritos seus, eu não fui ver porque não quis ser indelicada.


Dimmy: Nada demais mãe, nada demais (rindo) Eu só esqueci que tava com a perna fraturada. 


Heloísa: (ri) Cuidado Dimmy.


CENA 4

(INT: Mercadinho de Leonor, Leonor atende cliente e conversa com Dário ao mesmo tempo)


Dário: E a Karla?


Leonor: Ela saiu, foi dar uma volta pela cidade.


Dário: Temos que convencê-la ficar aqui vó.


Leonor: Eu não sei Dário, não posso prender ela aqui. Mas alguma coisa me diz que ela não tem muita opção.


Dário: E alguma coisa me diz que ela ainda será uma grande estrela da múscia.




CENA 5

(INT: Casa de Dimmy e família, Salete está na cozinha limpando os móveis e Thales entra)


Salete: (surpresa) Thales, o que você faz aqui menino? Num sabe que não gosto que venha aqui.


Thales: Eu sempre venho, ela nunca reclamou.


Salete: É, mais nunca se sabe.


(Salete continua limpando os móveis)


Thales: É que eu queria te contar uma coisa. 


Salete: É, fala, o que é?


Thales: É que, sabe aquela menina que eu lê falei, que cantou comigo e que consegui muito dinheiro das pessoas.


Salete: Sim, que tem ela?


Thales: Ela me convidou pra formar uma banda com ela.


Salete: (para de limpar o fogão) Não brinca Thalezinho? 


Thales: Sim, eu tô muito feliz.


(Heloísa chega séria na cozinha)


Heloísa: Salete, você não está trabalhando? 


Salete: Tou sim dona Luiza, só parei um instante.


Thales: Eu vou indo mãe.


Salete: Tá bom, filho.


Thales: Tchau dona Heloísa.


Heloísa: Tchau.


(Thales sai)


Heloísa: Salete meu nome é Heloísa, He-lo-í-sa, não é Luiza, será que você nunca aprende, meu Deus.


Salete: Desculpa dona Luiza, eu não sou muito falante…


Heloísa: (chateada) Ai tá bom, tá bom, pode continuar seu trabalho.


CENA 6

(INT: Thales vai saindo no jardim da casa de Dimmy, e ver ele andando de Moleta e em certo momento se desequilibra, Thales corre e o ajuda, pegando no braço impedindo-o de cair)


Dimmy: Ufa! Essa foi por pouco, obrigado cara.


Thales: Quer isso parceiro, de boa.


Dimmy: (o encarando) Quem é você?


Thales: Sou Thales, filho da diarista da sua mãe, Salete.


Dimmy: Sério cara, você é filho da Salete? Ela muito gente boa.


Thales: Sim, mãe é uma pessoa muito boa mesmo. Mas eu tenho que ir, porque vou pegar meus irmãos na escola ainda.


(Thales vai saindo)


Dimmy:  Vem aqui quando quiser, pra gente conversar.


Thales: (parado, olhando para Dimmy de longe) Tá bom, se cuida.


(Dimmy fica feliz, olhando Thales até ele ir sair do jardim)


CENA 7

(INT: Shopping, Natany chega com Moana na loja de Ruy que está toda decorada com corações, ela chega e cumprimenta o namorado com um beijo)


Moana: Oi meu amor. Você me trouxe aqui porque Natany? E que decoração é essa?


(Natany e Ruy trocam olhares)


Natany: Ele que é responsável por isso tá.


Moana: (Surpresa) Ruy? O que você quer comigo, meu amor? Ai meu amor eu tive de acordar cedo e ainda quase fui atropelada.


Ruy: Atropelada? Mas o que aconteceu?


Natany: Depois te contamos, faz logo o que você tem que fazer.


(Ruy pega uma caixinha de jóia e se ajoelha)


Ruy: Moana meu amor, você quer casar comigo?


(Moana ri e Ruy e Natany ficam surpresos com suas gargalhadas)




CENA 8

(EXT: Feira da família de Ricky, Suzana chega na banca de Ricky)


Suzana: Ricardo você fez aquela entrega da dona Natividade?


Ricky: Fiz sim, até quase atropelava uma moça no caminho.


Suzana: Como assim Ricky? 


Ricky: É que ela não viu o sinal foi atravessando e eu quase bati nela.


(Eugênio se aproxima ouvindo a conversa)


Eugênio: Cuidado Ricky, você pilota com muita essa moto, tenha cuidado!


Ricky: Eu ia devagar pai, a culpa foi daquela maluca.


Eugênio: Vai pegar as marmitas Suze pra gente almoçar, aproveitar que o movimento tá pouco.


CENA 9

(INT: Shopping, Moana está na surpresa na loja do namorado, Ruy está ajoelhado e Moana começa sorrir sarcástica, Ruy fica de pé)


Ruy: Que foi meu Mô? Porque tá rindo?


Moana: (rindo o tempo todo) Desculpa meu amor é que isso é muito brega.


Natany: Moa, ele tá falando sério.


(Ruy fica chateado com Moana rindo sem parar)


Ruy: Eu achei que você gostava de uma coisa romântica.


Moana: Eu, até gosto meu amor, mas é que eu não quero casar, não agora, eu tenho muito o que viver ainda. Eu tenho só 19 anos, Ruy.


(Ruy fica triste e Moana o conforta e beija, enquanto Natany observa)


Moana: Não fica assim meu amor, eu te amo, mas somos jovens. Eu tenho que ir agora tá, fica bem. (Vai saindo) Vamos Natany?


Natany: Vai na frente, eu vou já.


(Moana sai da loja e Ruy e Natany se olham)


Ruy: (chateado) Deu tudo errado, que merda!


(Natany vai indo para cima dele e o beija)


Natany: Calma meu lindo, paciência.


CENA 10

(EXT: Escola, Kaline sai da escola e Karla se encontra com a irmã)


Kaline: (ver Karla, fica feliz) Karlinha!


Karla: (corre e a abraça) Meu amor, tava com saudades já.


Kaline: Eu também, te amo Karlinha.


Karla: Eu também te…


(Jair chega) 


Jair: (interrompendo) Então você tá vindo se encontrar com sua irmã?


(Karla e Kaline veem Jair e se olham assustada)


CENA 11

(INT: Casa de Dimmy e família. Nicandro está no quarto falando no celular, Heloísa chega e ele não a ver)


Nicandro: Eu já tô pagando muito a você… Não quero saber, você não tá me ajudando em nada! ...Eu não quero saber! Eu contratei você para namorar ele, e o convencer seguir minhas ordens.


Heloísa: Com quem você tá falando? 


(Nicandro se assusta)


Nicandro: Heloísa!


(Heloísa pega o celular da mão dele)


Heloísa: (olha o celular) Mabel? Você pagou a Mabel para namorar com nosso filho?


(Dimmy entra no quarto, surpreso)


Dimmy: Como é que é?


CENA 12

(INT: Maura está em casa amarrada em uma cadeira e amordaçada, ela tenta falar mesmo com a fita na boca)


Maura: (som abafado) Socorro! Socorro!


Fim do Capítulo.



Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.