Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Porto da Solidão - Capítulo 29

 




A câmera mostra Pedro averiguando a invasão da sala, com umas gavetas fora do lugar e vários papéis no chão


Pedro: (Preocupado) Estranho as coisas estão bagunçadas mas na porta não há arrombamento, tenho que sair daqui e chamar a polícia.


A câmera mostra Pedro assustado saindo nos corredores e a sobra da pessoa refletida no chão.


Pedro: (Assustado/ com medo) Você? E o que faz com esse revólver na mão? Não atire por favor…. não!


A câmera mostra Pedro com os olhos bem abertos e a câmera foca nele caindo lentamente no chão sangrando com os braços abertos.


Começou a tocar trilha instrumental de tensão.



A trilha instrumental continuou tocando até o início da cena 04.


Corte para a

Cena 1:(Visão aérea/ externo/ madrugada)


A câmera sobrevoa a cidade mostrando a iluminação, a calmaria nenhum movimento.


Cena 2: ( Docas/ madrugada/ externo)


A câmera entra devagar mostrando o ambiente, o pátio e o corpo de Pedro no chão ensanguentado e começa ter uma leve chuva.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 3: (Rua da Solidão/ madrugada/ 4:20/ externo)


A câmera mostra a rua da Solidão vazia e a fachada da casa de Juliana.


Cena 4: (Casa de Juliana/ quarto/ madrugada)


Juliana está sentada na cama, observando a chuva de longe e olhar de preocupação.


Juliana: ( Sussurrando/ preocupada) Cadê você painho que ainda não voltou? Tomara que esteja bem.


A câmera sai lentamente mostrando Juliana voltando a deitar e mostra o plano geral do quarto.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 5: (Visão aérea/ cidade/ externo/ manhã) 


A câmera mostra o sol nascendo e seus raios tocando na água, e é possível ouvir os pássaros cantando.


Corte para a


Cena 6: (Rua da Solidão/ externo/ manhã)


A câmera mostra algumas motos subindo a rua e mulheres varrendo a calçada e rádio tocando músicas.  A câmera foca na fachada da casa de Marcos.


Cena 7: (Casa de Marcos/ cozinha/ int/ manhã)


Marcos está na mesa tomando café e fica surpreso com a filha descendo cedo. Na mesa tem pão de queijo, bolo, pão, biscoito, leite, café.


Marcos: (Surpreso) Ué filha, toda arrumada assim , já vai trabalhar?


Ana Paula: ( tranquila/ entrando na cozinha) Sim, decidi ir hoje mais cedo do que o normal, quero voltar também mais cedo para fazer uma janta legal e ficar mais tempo com o Sr.


Marcos: (Sorrindo) Que orgulho de você filha, te desejo um bom dia e um bom trabalho.


Ana Paula: (Sorrindo) Obrigada, painho... Tô indo.


A câmera mostra Ana Paula saindo e Marcos na mesa sorrindo.


A tela escurece. 


Corta para a 


Cena 8: (Casa de Lincoln/ cozinha/ int/ manhã)


Claudia está na pia passando o café e conversando com Arthur que está sentado lendo o jornal.


Cláudia: (Calma/ tranquila) Amor, o que você achou da festa?


Arthur: (Sério) Até que boa, tirando aquela baboseira de apresentação do seu filho.


Cláudia: (Contrariada) Quer dizer nosso filho! Até quando vai ficar com essa implicância com ele?


Arthur: (Sério/ chateado) Nunca, e não me conformo de morar embaixo do mesmo teto que esse viado.


Cláudia: (Chateada) Quando você vai tomar vergonha na cara homi, para com isso!


A câmera mostra Arthur chateado levantando e saindo e Claudia em pé acenando com a cabeça.


Corte para a


Cena 9:( Visão Aérea/ externo/ manhã)


A movimentação é intensa em Porto da Solidão e a câmera mostra os funcionários entrando e um carro para em frente a entrada.


Corte para a

Cena 10: (Docas/ externo/ manhã)

A câmera mostra Ana Paula saindo do carro bem vestida e entrando seguindo em direção ao corredor que dá em sua sala.


Ana Paula: (Sorridente) Bom dia rapazes.


Juvenal: (Tranquilo) Bom dia patroa... 


Ana Paula: (Tranquila) Imagino como estejam exaustos depois da festa de ontem né?


Funcionário 1: (Sorri)

Foi bom demais...


A câmera foca no corredor e Ana Paula seguindo tranquila.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 11: (Docas/ int/ corredor/ manhã)


Ana Paula para pra tirar a chave da bolsa e desvia o olhar para a porta e percebe que está aberta e caminha devagar e olha pro mesa perto da janela e vê Pedro no chão morto e com sangue espalhado e a mesma fica em estado de choque e grita.


Ana Paula: (Apavorada/ grita) Meu Deus o que aconteceu aqui?! Socorro, alguém ajuda?!


A câmera foca na expressão do rosto de Ana Paula apavorada.





Cena 12: ( Docas/ diretoria/ int/ manhã)


Com os gritos de socorro de Ana Paula Oscar que está perto do escritório corre em direção a sala despertando a curiosidade dos outros funcionários que correm para vê do que se trata.


Oscar: (Preocupado) O que aconteceu, patroa?


Ana Paula: (Desesperada/ chorando) Eu vinha chegando e encontrei a porta aberta e quando entrei vi o Pedro todo ensanguentado no chão.


Oscar: (Preocupado) Deixa eu ver, patroa ele está frio, ele está morto.


Ana Paula: (Apavorada) Não pode ser, que tragédia.


A câmera mostra Ana Paula bastante aflita, os funcionários e a câmera foca  no corredor e na expressão de Oscar com dúvida.


A tela escurece. 


Corta para a 


Cena 13: (Visão Aérea/ externo/ manhã)


A câmera sobrevoa a cidade mostrando a movimentação dos carros e foca na rua principal.


Corte para a


Cena 14: ( Rua principal/ externo/ manhã)

A câmera mostra a movimentação da rua com poucas pessoas andando e foca na fachada da casa do delegado Caetano.


Corte para a

Cena 15: ( casa de Caetano/ sala/ int/ manhã)


Iuri está  na sala se despedindo de Caetano e no fundo se vê Camila em pé no telefone.


Iuri: (Tranquilo/ em pé) É isso aí delegado, obrigado pela hospedagem.


Caetano: (Tranquilo) Que isso, minha casa estará de portas abertas pra quando você vier.


Camila: (Séria) Amor toma, é da delegacia.


Caetano: (Surpreso) Estranho! A essa hora? Alô.


Policial 1:  Sr. Acabamos de receber uma ocorrência das docas afirmando ter lá um cadáver, provavelmente assassinado.


Caetano: (Com pressa) Ok! Manda uma  viatura até o local e aciona os peritos, tô indo pra lá agora.


Iuri: (Dúvida) Aconteceu alguma coisa?


Caetano: (Com pressa) Sim, vamos lá, te conto no caminho.


Camila: (Preocupada) Meu Deus que triste.


A câmera mostra Camila sentada no sofá preocupada.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 16: (Visão aérea/ cidade/ externo/ manhã)


A câmera mostra uma pequena movimentação na praça com os ciclistas. E a câmera foca na fachada da prefeitura.


Cena 17: ( Prefeitura/ int/ manhã)


Kaique e Andrea estão chegando e ouvem sussurros de um assassinato na docas.


Kaique: (Curioso/ seguido até o gabinete) A senhora entendeu do que estão falando?


Andréia: (Dúvida) Não sei, parece que foi alguém que morreu nas docas.


Kaique: (Curioso) Mas quem pode ser? O povo gosta de fofoca.


Andréia: ( Tranquila) Agora vai preparar algo para o prefeito antes que ele chegue virado no cão.


A câmera sai lentamente mostrando Kaique entrando na sala e Andréia ligando o computador.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 18: (Docas/ int/ 10:30/ manhã)


A câmera mostra a fachada das docas e várias viaturas de polícia e o carro do IML e uma movimentação dos funcionários no pátio e a câmera mostrando os corredores e foca na sala da diretoria.


Caetano: (Sério/ voz alta) Agora que o corpo foi levado, todos serão intimados para depor dentro de algumas horas eu peço pra que ninguém saia da cidade.


Iuri: (Dúvida) Delegado pela qualidade do corpo,esse homem foi assassinato na madrugada... Por volta de umas 02h30 da manhã.


Caetano: ( Dúvida) Agora vem as perguntas centrais... Quem matou e o porquê? 


Oscar: (Em pé/ preocupado) Será que alguém já avisou a Juliana ?


Juvenal: ( Preocupado) Acho que não.


Caetano: (Sério) Pode deixar Juvenal, passo lá agora e já aviso.


A câmera mostra a perícia tirando fotos do local e sai lentamente mostrando a movimentação de fúncionarios observando o trabalho dos peritos.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 19:( Visão aérea/ rua principal/ externo/ manhã)


A câmera mostra a movimentação da rua principal com algumas motos trafegando e focando na casa de Lincoln.


Cena 20: ( Casa de Lincoln/ sala/ int/ entrando a tarde)


Lincoln está vendo tv e sua mãe entra na sala assustada trazendo a notícia do assassinato das docas.


Cláudia: (Assustada) Meninos, vocês não sabem o que acabei de ouvir na rádio.


Lincoln: (Dúvida) O que foi,mainha?


Camilo: (Assustado) Credo,minha avó... A senhora tá palida!


Cláudia: (Assustada) O jornalista da rádio deu um comunicado que aconteceu um assassinato lá nas docas .


Lincoln e Camilo (surpresos) É o que?


A câmera mostra os três pasmos e um silêncio toma conta do local.


A tela escurece, 


Corta para a 


Cena 21: ( Rua da Solidão/ externo/ tarde)


O carro de Caetano está parado em frente a casa de Juliana e nesse momento Iuri recebe uma ligação.


Iuri: (Sentado/ preocupado) Alô?


Delegado Felipe:  Estou precisando de você aqui, aconteceu alguma coisa?


Iuri: (Sério) Aconteceu sim... Nas docas aqui no Porto da Solidão teve um assassinato e ao que tudo indica o assassino não deixou rastro.


Delegado Felipe: (Dúvida) Então, faça o que for possível para ajudar aí, e manda meus comprimentos ao Delegado Caetano.


Iuri: (Preocupado) O delegado Felipe manda os cumprimentos a você.


Caetano: ( Sério) Obrigado! Vamos entrar agora?


Iuri (preocupado) Vamos... Tomara que Juliana seja forte.


A tela escurece.


Corta para a


Cena 22: ( Casa de Juliana/ cozinha/ int/ tarde)


Juliana está na mesa tomando suco e bastante angustiada e ouve a campainha tocar.


Juliana: (Angustiada) Já vai... Meu Deus e meu pai que ainda não chegou já são 13:10 da tarde e nada.


Caetano: ( Sério/ calmo) Boa tarde Juliana, podemos entrar?


Iuri: (Sério) Bonita casa,Juliana.


Juliana: (Dúvida) Podem sim... Mas,a que devo a presença de vocês?


Caetano: (Sério) Bom é algo complicado.


Juliana: (Angustiada/ chorando) É sobre meu pai, não é?


Caetano: (Sério) Melhor falar de uma vez. Seu pai infelizmente foi assassinado hoje nas docas.


Juliana: (Nervosa/ chorando/ gritando) Não, meu pai não!


A câmera mostra lentamente Juliana ajoelhando no chão gritando e chorando muito.


A tela congela e fica azulada.






Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.