Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Porto da Solidão - Capítulo 38 (Últimos Capítulos)

 



A câmera mostra Letícia arrumando a sua pasta e desligando o computador e o Delegado Felipe bate na porta.


Letícia: ( Sussurrando/ com pressa) Meu Deus a hora passou, todos já foram e só eu fiquei, tava tão empolgada.

Quem será que bate essa porta, pode entrar.


Letícia: ( Surpresa) Delegado? O que faz aqui?


D. Felipe: ( Sério/ em pé) Desculpe, esperei todos saírem pois quero conversar com a senhora.


Letícia: ( Preocupada/ em pé) E esse assunto tem urgência? Estou indo embora.


D. Felipe: ( Sério) Senhora Letícia irei direto ao ponto.

Nossa investigação sobre a morte do seu esposo teve um avanço e foi descoberto algo que com certeza vai interessar a senhora.


Letícia: ( Curiosa/ preocupada) E qual seria?


D. Felipe: ( Sério/ em pé) O detetive Iuri e eu terminamos de analisar todos os arquivos desde 2003 até agora, e segundo o jornal Gazeta teve na época uma manifestação contra a privatização das docas e seu esposo teve que cancelar isso. 


Letícia: ( Preocupada) Certo, mas não estou entendendo  onde quer chegar.


D. Felipe: ( Sério) Dona Letícia seu esposo estava terminando o processo de negociação das docas e ocultou isso da população, e principalmente da administração local.


Letícia: ( chocada) O que ?


A câmera mostra Letícia surpresa com a notícia e a expressão de preocupação.




Cena 1: ( Visão aérea/ externo/ noite)


A câmera mostra a cidade iluminada com um fluxo de carros intenso e foca na fachada da prefeitura.


Corte para a

Cena 2 : ( Prefeitura/ Gabinete/ int/ noite)


A câmera mostra Letícia pasma e o Delegado entregando um envelope.


Letícia: ( chocada/ sentada) Meu Deus, como Timóteo pode fazer uma coisa dessa, ainda mais sem consultar ninguém.


D. Felipe: ( Sério) Aqui está, dentro desse envelope estão as provas disso, aí tem telefones, datas, documentos solicitados tudinho.


Letícia: ( preocupada) E quanto a esse maldito assassino, já sabem quem é?


D. Felipe: ( Sério) Esse quebra cabeça está quase terminando também. Sinto muito pela senhora. Bom, nossa conversa termina aqui.


A câmera mostra o delegado saindo e Letícia começando a chorar.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 3: ( Rua da Solidão/ externo/ noite)


A câmera mostra o movimento da rua, e algumas pessoas sentadas na calçada e foca na fachada da casa de Lincoln.


Corte para a

Cena 4: ( Casa de Lincoln/ cozinha/ int/ noite)


A câmera mostra os três sentados a mesa jantando e contentes.


Camilo: ( Tranquilo) Comida boa vó, o que colocou nessa carne?


Cláudia: ( sorri) É um tempero especial, segredo de família.


Lincoln: ( Tranquilo) Filho, sua avó tem mãos de fada, cozinha muito bem.


A câmera sai lentamente mostrando os três conversando e sorrindo.


Corte para a

Cena 5: ( Visão aérea/ externo)


A câmera mostra a cidade bem iluminada com movimentação de carros e poucas pessoas na rua.


Corte para a

Cena 6: ( Rua principal/ externo/ noite)


A câmera mostra poucas pessoas descendo a rua e foca na fachada da casa de Marcos.


Corte para a

Cena 7: ( Casa de Marcos/ cozinha/ noite)


A câmera mostra a cozinha bem detalhada, a mesa bem farta e foca em Marcos, Ana Paula e Oscar à mesa.


Óscar: (Tranquilo) Senhor Marcos, não é mais segredo pra ninguém que eu amo sua filha, e gostaria de lhe pedir a mão de Ana Paula em namoro.


Marcos: ( surpreso/ sorri) Fico lisonjeado com sua atitude, mas o que vai valer é o que ela disser.


Ana Paula: ( surpresa/ sorri) Confesso que não esperava por isso, mas Oscar e eu estamos gostando um do outro e quero prosseguir com isso, acho que vai valer a pena.


Marcos: ( Sorri) Já que ela decidiu, então eu os abençoo.


A câmera sai lentamente mostrando os três felizes.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 8: ( Visão aérea/ externo)


A câmera mostra o Sol nascendo e já refletindo seus raios na água e é possível ouvir o som do vento.


Corte para a

Cena 9: ( Rua da Solidão/ externo/ manhã)


A câmera mostra a rua vazia só com duas mulheres descendo e foca na casa de Kelly.


Corte para a

Cena 10: ( Casa de Kelly/ cozinha/ manhã)


Kelly está a passar o café com pães e bolos já em cima da mesa e Jônatas entra na cozinha.


Jônatas: ( Tranquilo) A Bença Mainha.


Kelly: ( sorri) Deus o abençoe... Dormiu bem?


Jônatas: (Sorri) Sim, ah, fiquei feliz que o Beto a pediu em casamento.


Kelly: ( respira) A gente vai se casar só quando o divórcio sair E seu namoro com o Fagner? Como tá?


Jônatas: (Pegando a xícara) Tá indo às mil maravilhas... A gente planeja viajar no final do ano.


A câmera sai lentamente mostrando os dois conversando.






Cena 11: ( Visão aérea/ externo/ manhã)


A câmera mostra a cidade bem movimentada com muitas pessoas no centro.


Corte para a

Cena 12: ( Visão aérea/ Salvador/ manhã)


A câmera sobrevoa a cidade de Salvador com muita movimentação e mostra os prédios e árvores e foca a fachada do apartamento.


Corte para a

Cena 13:(Apartamento/ sala/ manhã)


A câmera mostra Magno sentado no sofá e Cláudio saindo do banheiro.


Magno: ( Sentado) Cláudio vamos ao Porto da Solidão hoje?


Cláudio: ( Entrando no quarto/ grita) Sim.


Magno: ( Entrando no quarto) Cláudio posso falar uma coisa que a muito tempo quero falar e não consigo?


Cláudio: ( trocando de roupa) Sim, pode falar.


Magno: ( trêmulo/ nervoso) Eu tô apaixonado por você...


Cláudio: (Sorri/ termina de vestir a camisa) Disso eu já imaginava, mas não se preocupe que eu também te amo... Vem cá.


A câmera mostra os dois se beijando e caindo na cama e sai lentamente mostrando o plano geral do quarto.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 14:(  Visão aérea/ externo/ manhã)


A câmera mostra o rio e suas águas ondulando e pássaros voando.


Corte para a

Cena 15: ( Rua principal/ externo/ manhã)


A câmera mostra Vinícius subindo a rua e entrando no portão da casa de Lincoln.


Corte para a

Cena 16: ( Casa de Lincoln/ cozinha/ manhã)


Camilo está tomando café quando a campainha toca.


Cláudia: ( Lavando uns copos) Filho pode ir lá ver quem é?


Camilo: ( Sentado) Sim, claro... Já vai...


Vinicius: ( na porta/ tranquilo) Está fazendo alguma coisa?


Camilo: ( tranquilo) Não, quer entrar?


Vinicius: ( Tranquilo) Não, como Júlio saiu para Salvador agora cedo, gostaria de saber se você aceitaria ir comigo ajudar a organizar umas coisas lá em casa.


Camilo: (tranquilo) Posso sim, deixa eu só avisar a minha avó aí vamos.


A câmera mostra Vinícius esperando na porta e Camilo seguindo até a cozinha.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 17: ( Rua da Solidão/ externo/ manhã)


A câmera mostra algumas pessoas transitando na rua e a câmera foca na fachada da casa de Marcos.


Corte para a

Cena 18: ( Casa de Marcos / sala/ manhã)


A câmera mostra algumas malas perto da porta e Ana Paula e o pai se despedindo.


Ana Paula: ( Emocionada) Nem acredito que seu sonho esteja se realizando painho.


Marcos: ( sorrindo) Nem eu, nem tô acreditando que vou para Fortaleza, um sonho já bem antigo.


Ana Paula: (Sorrindo) Tô mega feliz por você...


Marcos: ( Tranquilo) Eu vou ficar mais tranquilo ainda, sabendo que Oscar está aqui e que vocês estejam juntos. O táxi já chegou filha, boa sorte aí no trabalho e daqui a alguns dias estou de volta.


A câmera mostra os dois emocionados se abraçando.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 19: ( Casa de Vinícius/ quarto/ manhã)


A câmera mostra Vinícius entrando no quarto junto com Camilo.


Vinicius: ( Tranquilo) Camilo quero te mostrar umas fotos de quando eu e seu pai éramos mais jovens, só que não me lembro onde deixei.

Vamos procurar?


Camilo: (curioso) Sim te ajudo a procurar...


Vinicius: ( Tranquilo) Você procura desse lado aí e eu procuro desse, ela tá em uma caixa.


A câmera sai lentamente mostrando os dois procurando.


Corte para a

Cena 20: ( Visão aérea/ estrada/ manhã)


A câmera mostra um carro saindo de Porto da Solidão e seguindo para Salvador e foca no interior do carro.


Corte para a

Cena 21: ( Carro/ int/ manhã)


A câmera mostra Júlio dirigindo e lembrando de algo.


Júlio: ( Sério) Droga! Acabei aquecendo daquele maldito papel, agora tenho que voltar.


A tela escurece.


Corta para a 


Cena 22: ( Casa de Vinícius/ quarto/ manhã)


A câmera mostra Camilo achando algo e comunica o amigo.


Camilo: ( Surpreso) Vinicius olha o que encontrei, uma foto do meu pai e você se beijando. E o destinatário é meu avô.


Vinícius: ( estranha) O que? Pode abrir? Eu não lembro de nenhuma carta e nem dessa foto.


Camilo: ( Curioso) Aqui diz que você e meu pai tem um caso, e o ano é de 2003.


Vinícius: ( Chocado) O Lincoln fez isso? Aquele ordinário.


Júlio: ( entrando/ tranquilo) Amor esqueci uns documentos. O que esse aí faz aqui?


Vinicius: ( Furioso) Me explica o que significa essa carta Agora!


A câmera mostra Júlio pasmo ao ver a carta que ele escreveu anos atrás.


A tela congela e fica azulada.






Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.