Type Here to Get Search Results !

Marcadores

Terra do Sol - Capitulo 28 (Últimas Semanas)

 

TERRA DO SOL (太陽の国) – CAPÍTULO 28

Web novela criada e escrita por: Luan Maciel

Produção Executiva: Ranable Webs




CENA 1: INTERIOR. TRIBUNAL. SALA DE JULGAMENTO. DIA

A CÂMERA DE FORMA DINÂMICA MOSTRA QUE A DESORDEM TOMOU

CONTA DO JULGAMENTO DE MITSUKO. O JUIZ CONSEGUE FAZER COM

QUE TODOS MANTENHAM A IRDEM E DECORO. O JUIZ VOLTA O SEU

OLHAR PARA MITSUKO. KEIKO FICA ENCARANDO CELSO.

JUIZ (figurante): - O que a senhora estava dizendo, dona Mitsuko?

Resolveu falar a verdade de uma vez por todas? Agora é chegada a hora

de você confessar todos os seus crimes. Está preparada?

MITSUKO (ardilosa): - Se vocês querem saber eu sou mesmo a chefe

dessa organização criminosa. Essas mulheres são menos que nada para

mim. Eu matei e mataria de novo se fosse preciso. No final das contas o

que manda é o dinheiro e o poder que possuímos.

JUIZ: - Eu tenho que admitir que eu estou surpreso com o rumo que esse

julgamento está tomando. E a se a acusada me permite um comentário

pessoal. Você é a pior pessoa que eu tive o desprazer de conhecer em toda

a minha vida jurídica, Mitsuko.

O ÓDIO PODE SER VISTO NO OLHAR DE MITSUKO. ELA LANÇA SEU

OLHAR PARA KEIKO QUE VAI FICANDO INCOMODADA.

MITSUKO (gritando): - Está satisfeita, Keiko. Agora todos sabem que eu

soud e verdade. A culpa é toda sua, desgraçada. Eu deveria te matar.

JUIZ (figurante): - Silêncio!!! Para mim já chega de todo esse circo. Os

jurados vão se reunir para selar o seu destino, Mitsuko.

SEM PENSAR DUAS VEZES KEIKO SAI CORRENDO DA SALA DE

JULGAMENTO. ESTELA VAI ATRÁS DELA BEM PREOCUPADA.

//

CENA 2: INTERIOR. TRIBUNAL. CORREDOR. DIA


KEIKO ESTÁ ABALADA COM TUDO QUE ESTÁ ACONTECENDO NO

JULGAMENTO DE MITSUKO. NESSE MOMENTO ESTELA SE APROXIMA DE

KEIKO E PERCEBE QUE A NOSSA PROTAGONISTA NÃO ESTÁ NADA BEM.

O SEMBLANTE DE KEIKO VAI FICANDO BEM RUIM.

ESTELA (preocupada): - O que está acontecendo com você, Keiko? Estou

te sentindo um pouco ruim. Está tudo bem com você, menina?

KEIKO (seria): - E como você queira que eu estivesse, Estela? Eu não estou

aguentando olhar para a Mitsuko. Só de pensar que ela pode sair livre

desse julgamento me deixa enjoada. Isso está me fazendo mal.

ESTELA: - Isso nunca vai acontecer, Keiko. As provas contra a Mitsuko são

irrefutáveis e ela não tem como escapar dessa vez. (P) Mas em uma coisa

você tem razão. Eu estou te sentindo nada bem.

KEIKO COMEÇA A SUAR FRIO. EM UM MOMENTO DE DESEQUILÍBRIO

KEIKO ACABA VOMITANDO DEIXANDO ESTELA CERTA DO QUE ESTÁ

ACONTECENDO COM NOSSA PROTAGONISTA.

KEIKO (sem entender): - Eu não sei o que está acontecendo comigo. Eu

estou sentindo o meu estômago embrulhar. Isso nunca tinha acontecido

antes comigo. (P) Era só o que me faltava passar mal logo agora.

ESTELA (sorrindo): - Isso não é um mal estar comum, Keiko. Pelos

sistemas que você está sentindo você deve estar grávida, minha pequena.

KEIKO: - Você deve estar enganada, Estela. Eu e o Lucas fizemos apenas

mais uma vez. Isso não iria acontecer após apenas uma noite.

ESTELA (espirituosa): - Eu não contaria com isso, Keiko. Apenas uma noite

é mais que o suficiente pra gerar uma vida. Isso é um ato mais sublime.

KEIKO FICA ESTÁTICA SEM TER NENHUMA REAÇÃO. ESTELA SE

APROXIMA DE KEIKO E ELAS SE ABRAÇAM EMOCIONADAS.

//

CENA 3: INTERIOR. APARTAMENTO DE ELIZETE. SALA. DIA

CLOSE EM ELIZETE QUE ESTÁ SENTADA NO SOFÁ DA SALA RE

REMOENDO EM LÁGRIMAS. NESSE MOMENTO HAYATO ENTRA NO

APARTAMENTO E SEM DIZER ELE VAI NA DIREÇÃO DE ELIZETE E ELE A

ABRAÇA. ELIZETE OLHA NOS OLHOS DE HAYATO BEM TRISTE.


HAYATO (lamentando): - Eu nem sei o que você deve estar sentindo

nesses últimos dias, Elizete. Eu sei que você está triste, mas você não pode

deixar a minha mãe entrar na sua cabeça. É isso que ela quer.

ELIZETE (chorando): - Como eu pude ser tão idiota assim, Hayato? Eu

acreditei que a Fabiana era amiga da minha irmã, e é assim que ela

agradece a nossa confiança? Isso não está certo..

HAYATO: - E o que você está pensando em fazer, Elizete? Agora que a

verdade apareceu você precisa enfrentar essa mulher frente a frente. Eu

não sei o que eu faria se estivesse em seu lugar.

ELIZETE ENXUGA SUAS LÁGRIMAS. ELA OLHA SERIAMENTE NOS OLHOS

DE HAYATO QUE PERCEBE QUE ELIZETE ESTÁ FURIOSA.

ELIZETE (com raiva): - Eu queria matar a Fabiana. Ela tirou de mim a

única família que eu tinha. Mas eu me contento em olhar aquela víbora no

olho e saber porque ela fez isso. Disso eu não abro mão.

HAYATO (preocupado): - Você tem certeza disso, Elizete? Até onde eu sei

essa Fabiana é uma mulher muito perigosa. Você precisa ter cuidado.

ELIZETE: - Eu tenho certeza absoluta, Hayato. Eu sei que a gente está

junto e eu te amo muito, mas isso é uma coisa que eu preciso fazer

sozinha. Não pense que eu não confio em você. Muito pelo contrário.

HAYATO ENTENDE O LADO DE ELIZETE. ELE DÁ UM BEIJO EM ELIZETE

DEMONSTRANDO TODO O SEU CARINHO POR ELA.

//


• 2 HORAS DEPOIS •


CENA 4: INTERIOR. TRIBUNAL. CORREDOR. DIA

A CÂMERA MOSTRA A SURPRESA NO OLHAR DE KEIKO AO DESCOBRIR

ESTÁ GRÁVIDA. NESSE MOMENTO LUCAS CHEGA CORRENDO NO

CORREDOR DO TRIBUNAL. KEIKO OLHA DE UM JEITO DIFERENTE PARA

ELE, E LUCAS PERCEBE QUE ALGO ESTÁ ACONTECENDO.


LUCAS (intrigado): - O que está acontecendo com vocês? Eu posso no

olhares de vocês que algo diferente está acontecendo. Foi alguma coisa

com o julgamento? Não me diga que a Mitsuko conseguiu virar o jogo?

ESTELA (sorrindo): - Calma, meu filho. O julgamento está indo melhor do

que o esperado. Mas o que eu e a Keiko temos agora te contar vai mudar a

vida de todos nós. De um jeito que jamais poderíamos imaginar. (P) Você

quer ter as honras, Keiko? O meu filho precisa saber a verdade.

KEIKO: - Lucas…. Você sabe que o dia que eu perdi o meu avô foi o dia

mais difícil de toda a minha vida. Mas hoje eu estou mais realizada. (T)

Lucas…. Eu estou grávida. Nós vamos ter um filho.

LUCAS NÃO CONSEGUE ACREDITAR NO QUE KEIKO ESTÁ LHE DIZENDO.

ELE SE AJOELHA AOS PÉS E BEIJA A BARRIGA DELA SUAVEMENTE.

LUCAS (emocionado): - Eu não estou acreditando que isso esteja

acontecendo. Depois de tanto sofrimento finalmente algo bom

acontecendo em nossas vidas, meu amor. Obrigado por me dar essa

alegria, Keiko. Você não pode imaginar o quando eu estou feliz.

ESTELA (feliz): - Esse momento é de muita felicidade, mas nós não

podemos esquecer o que estamos fazendo aqui no dia de hoje. Nós não

podemos deixar que a Mitsuko e o Celso fiquem sabendo disso.

KEIKO: - Você está certa, Estela. A Mitsuko tem que pagar por tudo que

ela fez. Nós teremos muito tempo para comemorar essa novidade. Mas

agora eu quero ver a Mitsuko ser condenada.

LUCAS CONCORDA. EPE E KEIKO SE BEIJAM AINDA MAIS APAIXONADOS.

SEM QUE ELES PERCEBAM CELSO ESTAVA OBSERVANDO TUDO QUE ELES

ESTAVAM CONVERSANDO. O VILÃO FICA BEM ENIGMÁTICO.

//

CENA 5: INTERIOR. CASA DE SHIN E OLENKA. SALA. DIA

SHIN VEM ANDANDO NA DIREÇÃO DA PORTA SEM DIZER NENHUMA

PALAVRA. ELE PASSA POR OLENKA E OLHA PARA ELA COM MUITA

SERIEDADE. OLENKA FICA MUITO INCOMODADA E NÃO PERMITE QUE

SHIN SAIA, E ELES FICAM SE ENCARANDO.


OLENKA (séria): - Até quando você vai ficar sem falar comigo, Shin? Eu já

estou cansada de você ficar me afastando dessa maneira. Nós estamos

casados há mais de 20 anos. Isso não é atitude de se ter.

SHIN (firme): - E como você pensou que eu iria agir, Olenka? Eu não sei

como você e a Ayumi conseguiram cair naquele papo do Ramon. Ele não

mudou coisa nenhuma, e vocês sabem que estou certo.

OLENKA: - Você pode até ter razão, Shin. Mas eu ainda prefiro acreditar

que a nossa filha está certa e que todos merecem um segunda chance.

SHIN FICA PENSATIVO. OLENKA O OLHA BEM SÉRIA. LOGO DEPOIS

AYUMI VEM ENTRANDO NA SALA E O CLIMA FICA MAIS TENSO.

AYUMI (sem acreditar): - Eu não posso acreditar que o senhor ainda não

conseguiu aceitar que o Ramon pode ter mudando sim, pai. Eu entendo o

não mal que ele fez para a nossa família, mas precisamos ser melhores.

SHIN (sério): - Eu não vou mais discutir isso com você, minha filha. Eu só

espero que você não se arrependa do que está fazendo. Aquele homem

não merece uma segunda chance. Acredite em mim.

OLENKA: - Você não deveria dizer uma coisa dessas para a nossa filha,

Shin. Ela vê o melhor nas pessoas. Você deveria estar orgulhoso.

AYUMI (triste): - Pode deixar, mãe. (P) Se é isso que você pensa então eu

só posso lamentar. O nosso povo sempre sofreu muito preconceito perante

a sociedade, mas eu não esperava encontrar esse mesmo ambiente dentro

de nossas casa. Eu estou decepcionada.

AYUMI VAI INDO EMBORA TOTALMENTE MAGOADA. OLENKA OLHA PARA

SHIN E DEPOIS ATRÁS DE SUA FILHA. SHIN FICA ESTARRECIDO.

//

CENA 6: INTERIOR. DELEGACIA. SALA DO DELEGADO. DIA

O FOCO ESTÁ EM FABIANA QUE ESTÁ ENTRANDO NA SALA DO

DELEGADO SENDO ACOMPANHADA POR UM POLICIAL. PODEMOS VER

QUE TEK UNA MULHER DE COSTAS E QUE PARECE ESTAR ESPERANDO

POR FABIANA QUE NÃO ENTENDE O MOTIVO DE TUDO ISSO.

FABIANA (impaciente): - O que eu estou fazendo aqui? E quem é essa

sujeitinha que está de costas para mim? Eu exijo uma explicação.


A MULHER SE VIRA REVELANDO SER ELIZETE. NESSE INSTANTE FABIANA

ENGOLE A SECO ENQUANTO ELIZETE VAI SE APROXIMANDO DELA.

ELIZETE (furiosa): - Então finalmente depois de meses eu estou na frente

da assassina da minha irmã. Você é uma decepção para mim, Fabiana. Eu

jamais poderia que a melhor amiga da minha irmã seria capaz de algo tão

baixo assim. Você está onde deveria estar.

FABIANA: - Você precisa me escutar, Elizete. Nada que estão falando sobre

mim é verdade. Eu jamais faria isso. Eu só….

SEM PENSAR DUAS VEZES ELIZETE DÁ UM TAPA NA CARA DE FABIANA. A

VILÃ DEIXA A MÁSCARA CAIR. ELIZETE A ENCARA COM CORAGEM.

ELIZETE (séria): - Agora que a sua máscara finalmente caiu podejoa

conversar de mulher para mulher. (P) Porque você matou a minha irmã,

Fabiana? E não venha me dizer que foi por amor ao Lucas. Eu sei que deve

haver mais alguma coisa.

FABIANA (ardilosa): - Para ser sincera a sua irmã sempre teve a vida que

eu quis. Era rica, influente e se isso não bastasse ainda tinha o amor do

homem que eu sempre desejei. Ela tinha que morrer. Você não entende.

ELIZETE: - É claro que eu entendo, Fabiana. Eu entendo que você é uma

mulher doente e que tinha uma inveja obsessiva da minha irmã. Mas você

nunca mais vai ser um perigo para ninguém. O seu destino é irremediável.

ELIZETE VAI SAINDO DA SALA DO DELEGADO TOTALMENTE SATISFEITA.

FABIANA VAI FICANDO CADA VEZ MAIS DESEQUILIBRADA.

//

CENA 7: INTERIOR. TRIBUNAL. SALA DE JULGAMENTO. DIA

A CÂMERA MOSTRA QUE KEIKO, LUCAS E ESTELA VÃO VOLTANDO PARA A

SALA DE JULGAMENTO. QUEK TAMBÉM VOLTA É O JUIZ QUE ESTÁ

PRESTES A DAR O VEREDITO. NESSE MOMENTO A CÂMERA FOCA NO

ROSTO DE MITSUKO QUE OLHA COM MUITO ÓDIO PARA KEIKO E LUCAS.

JUIZ (figurante): - Todos em silêncio…. Depois de pouco mais de 2 horas

os jurados chegaram a um veredito. (P) A acusada queira ficar em pé.

MITSUKO SE LEVANTA MESMO A CONTRA GOSTO. KEIKO E LUCAS SE

DÃO AS MÃOS NESSE MOMENTO DE MUITA TENSÃO.


JUIZ (figurante): - De forma unânime o Júri chegou a conclusão de que a

acusada Mitsuko Ishida é culpada de todos os crimes que ela foi acusada.

Eu setencio ela 27 anos, 8 meses e 10 dias de prisão. Que a sentença

entre em vigor o mais rápido possível.

TODOS OS PRESENTES NO AUDITÓRIO DA SALA DE JULGAMENTO

COMEMORAM A DECISÃO DO JUÍZ. KEIKO E LUCAS SE ABRAÇAM

EMOCIONADOS. MITSUKO FICA TOTALMENTE DESCONTROLADA.

MITSUKO (gritando): - Isso não pode estar acontecendo. Vocês sabem que

eu sou? Eu sou Mitsuko Ishida. Vocês não tem direito de fazer isso.

JUIZ (figurante): - A senhora não tem mais direito de dizer nada. (P)

Oficial…. Tire essa mulher da minha frente agora.

O OFICIAL VAI LEVANDO MITSUKO EMBORA ALGEMADA.



Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.